O que é paráfrase, perífrase e síntese?

Categoria: Resumos | Disciplina: Português | Visitas: 14.831

Dentro do estudo da interpretação de textos nos deparamos com a paráfrase, perífrase, síntese. Vamos entender o que é cada um deles com exemplos:

O que é paráfrase?

É quando se pretende explicar um texto ou fragmento de texto com uma linguagem mais ampla sem que se perca a ideia original. O que se acrescenta são interpretações e conceitos de quem está fazendo a paráfrase. Logo, parafrasear significa reescrever com novas palavras o sentido original do texto.

Exemplos:

Texto Original
Minha terra tem palmeiras
Onde canta o sabiá,
As aves que aqui gorjeiam
Não gorjeiam como lá.
(Gonçalves Dias, “Canção do exílio”).

Paráfrase
Meus olhos brasileiros se fecham saudosos
Minha boca procura a ‘Canção do Exílio’.
Como era mesmo a ‘Canção do Exílio’?
Eu tão esquecido de minha terra...
Ai terra que tem palmeiras
Onde canta o sabiá!
(Carlos Drummond De Andrade)

O que é perífrase?

Com a perífrase trabalha-se com o tipo de produção em que se usa um rodeio de palavras, ou seja, substitui-se nomes comuns ou próprios por expressões que possam caracterizá-los.

Exemplos:

A Rainha dos Baixinhos já esta na casa dos 50 anos! (usou-se rainha dos baixinhos para referir-se à Xuxa).
O Rei do futebol pensa que sabe cantar! (usou-se rei do futebol para referir-se ao ex-jogador Pelé)

O que é síntese?

É uma reescritura do texto com poucas palavras, todavia sem perder o sentido original. Para que se faça uma boa síntese devem-se aproveitar as ideias principais e deixar de lado o que for secundário.

  • Compartilhar >>
  • ícone facebook
  • ícone google plus
  • ícone twitter

Resumos Português

Resumo Comentários:

Nínguem comentou ainda esse resumo. Seja o primeiro!

Comente o Resumo!

Para comentar este resumo é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É grátis!