Perito Polícia Civil SP 2014 - Gabarito e Resultado

Categoria: Fórum | Assunto: Polícia Civil SP | Comentários: 1.503 | Visitas: 265.228

    Rafael Peixoto
    Iniciado por rafapeixoto em 13/02/2014 às 14:15:53

    Sobre a prova, gabarito e o resultado final do concurso para Perito da Polícia Civil de São Paulo 2014.

    A prova está prevista para ser aplicada neste domingo dia 16/02/2014.

    E ai galera o que vocês estão esperando da prova?

    - Nível de dificuldade, nota de corte, se é que podemos prever algo. rs

    Boa sorte a todos!!!

    http://www.vunesp.com.br/PCSP1302/

Comentários Fórum

    Liv
    Por resalfliv em 16/04/2016 às 14:28:50

    Esse pedido está no facebook do Sinpcresp

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 18/04/2016 às 11:11:53

    Qual o PL para que eu vote em favor da classe dos Peritos.

    Liv
    Por resalfliv em 19/04/2016 às 23:35:58

    Sinpcresp - Sindicato dos Peritos Criminais de São Paulo
    16 de abril às 07:22 · ..
    Está tramitando no senado uma consulta pública para incluir os papiloscopistas no rol de peritos da lei federal 12.030/2009. De antemão, deixamos claro que somos contrários à proposta e recomendamos que, na consulta, votem contra.
    Os papiloscopistas são, em sua maioria, servidores de nível médio que tem função escriturária, sendo responsáveis pela confecção de cédulas de identidade. Função que não guarda quaisquer aspectos científicos, elemento essencial à formulação da prova pericial, científica ou material.
    Desde a constituição de 88 está proibida a ascensão ou transposição de cargos. Visto que a Constituição consagrou como princípio o acesso à qualquer carreira pública por meio do concurso público.
    Contudo, o que os datiloscopistas /papiloscopistas querem é ascender de uma carreira para a outra para a qual não possuem capacidade técnica e científica com o intuito de auferir ganhos maiores, bem como status.
    Estamos no limite com essa questão da "boquinha" , de "trens da alegria", meios escusos para ludibriar a formalidade, a legalidade, o princípio do concurso público.
    Logo, essa não é uma questão tão específica, ela atinge a cada brasileiro compromissado com os princípios constitucionais consagrados desde 1988.
    Indigne-se!
    Entendemos que tal proposta é contrária não apenas a moralidade geral, mas também àqueles que representamos. Tal entendimento é compartilhado com outras entidades representativas da perícia criminal brasileira.
    Deste modo, recomendamos que todos acessem o site abaixo e vote contrário ao projeto. Se possível, mostre a questão aos amigos e familiares para que façam seus respectivos juízos de valor e votem no mesmo sentido.
    Era o que havia a relatar

    Senado Federal - Programa e-Cidadania - Opine sobre Projetos
    Opine sobre a matéria: "PLS 460/2012 de 17/12/2012"
    www12.senado.gov.br

    Liv
    Por resalfliv em 22/04/2016 às 23:14:11

    Dia 19 de abril a Deputada Márcia Lia entrevistou o presidente do Sinpcresp - Sindicato dos Peritos Criminais de São Paulo, Eduardo Becker, sobre a situação da Polícia Técnico-Científica e a morosidade do governo Alckmin em chamar aprovados no concurso PC 01/2013. Há carências estruturais e de pessoal nesta, que é a polícia responsável pela investigação criminal.
    No estado de São Paulo, há um (01) perito criminal para cada 44 mil habitantes. A ONU recomenda um (01) perito para cada 5 mil habitantes. Um absurdo que coroa a falta de políticas públicas, projetos e programas consistentes na área da Segurança Pública no estado. (vídeo no facebook)

    Liv
    Por resalfliv em 02/05/2016 às 13:47:49

    De acordo com uma publicação no DIÁRIO OFICIAL do Estado de SP (30.04.16) o número de Vacâncias (cargos desocupados) na Secretaria de Segurança Pública SP chega a 13.913 policiais, só na polícia científica são 1698.
    Vejam a lista completa das vacâncias em todo efetivo da polícia civil e científica:
    AGENTE DE TELECOMUNICAÇÕES DE 3ª CLASSE -354
    AGENTE POLICIAL DE 3a CLASSE - 358
    ATENDENTE DE NECROTERIO POLICIAL DE 3ª CLASSE - 193
    AUXILIAR DE NECRÓPSIA DE 3ª CLASSE - 218
    AUXILIAR DE PAPILOSCOPISTA POLICIAL DE 3ª CLASSE - 184
    DELEGADO de POLICIA de 3a CLASSE - 560
    DESENHISTA TECNICO PERICIAL DE 3a CLASSE - 73
    ESCRIVAO DE POLICIA DE 3a CLASSE - 2.180
    FOTOGRAFO TECNICO PERICIAL DE 3a CLASSE - 267
    INVESTIGADOR DE POLICIA DE 3a CLASSE - 2.851
    MEDICO LEGISTA DE 3a CLASSE - 295
    OFICIAL ADMINISTRATIVO - 5.489
    PAPILOSCOPISTA POLICIAL DE 3a CLASSE - 135
    PERITO CRIMINAL DE 3a CLASSE - 652
    TECNICO DE LABORATORIO - 104
    TOTAL - 13.913

    Liv
    Por resalfliv em 22/05/2016 às 19:43:51

    Algumas notícias:
    Março de 2016, 2 anos após a realização do concurso para perito criminal, o governo anuncia a nomeação fracionada dos candidatos, efetivando a contratação de SOMENTE 112 peritos criminais.
    Nesse período (2013 a 2016) o número de aposentadorias foi de 294, ou seja, essa nomeação não cobriu nem o número de vacâncias do período. Apesar do Governador Geraldo Alckmin insistir que segurança pública é prioridade, o déficit da Polícia Técnico Científica de São Paulo é cada vez maior.
    O Presidente do SINPCRESP, Dr. Eduardo Becker, esteve na tribuna da audiência pública sobre o PLP 257/16, promovida na ALESP, falando sobre a situação da Polícia Técnico-Científica e a morosidade em nomear aprovados no concurso PC 01/2013. Há carências estruturais e de pessoal na SPTC, nesta que é a polícia responsável pela produção de provas periciais.

    Liv
    Por resalfliv em 22/05/2016 às 19:45:52

    Celso Perioli é o novo Secretário Nacional de Segurança Pública(Senasp), que assumirá definitivamente dia 01 de junho de 2016.
    Ele é Perito Criminal de Classe Especial atuou como superintendente da Superintendência da Polícia Técnico-Científica de SP desde a sua criação, em fevereiro de 1998 até abril de 2013.

    Heuder L.
    Por de10 em 30/05/2016 às 13:58:03

    Consulta pública e- cidadania - Altera o caput do art. 5º da Lei nº 12.030/2009 (que dispõe sobre as perícias oficiais e dá outras providências), para incluir o papiloscopista policial como perito de natureza criminal.

    kerusêperitú
    Por keruseperitu em 13/06/2016 às 21:40:52

    Falta de peritos criminais atrasa investigações em SP.
    Ao todo, 22,5% das vagas para a área estão ociosas no IC.
    Polícia diz que número de laudos pendentes caiu 30% no ano passado.

    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016/06/falta-de-peritos-criminais-atrasa-investigacoes-em-sp.html

    Mauricio Siviero Ruiz
    Por mau1609 em 27/06/2016 às 12:20:59

    Alguém tem ideia se já chamaram alguém pra assumir? À quantas anda o processo? Obrigado.

    Liv
    Por resalfliv em 06/07/2016 às 16:33:14

    O presidente do SINPCRESP, Eduardo Becker Tagliarini, na busca por melhores condições de trabalhos para os integrantes da carreira de Perito Criminal, está visitando as Câmaras de Vereadores dos municípios do Estado de São Paulo, com o escopo de expor a atual situação em que se encontra o quadro de servidores da Polícia Técnico-Científica, sendo que na oportunidade solicita apoio dos digníssimos Vereadores no intuíto de atuarem junto ao Governandor Geraldo Alckmin, solicitando maior empenho na nomeação dos candidatos aprovados no último concurso de Perito Criminal realizado (PC-01/2013).
    Na cidade de Campinas, o Vereador Luís Yabiku, constatando o prejuízo decorrente da falta de Peritos Criminais para as apurações criminais, gerando aumento da insegurança da população de sua município, encaminhou Moção de apelo ao Governador Geraldo Alckmin solicitando a nomeação imediata dos candidatos aprovados no último concurso (leia a íntegra do documento em http://sapl.campinas.sp.leg.br/sapl_documentos/materia/317070_texto_integral.pdf).
    O nobre Vereador Luís Yabiku ainda fez pronunciamento em sessão plenária sobre a defasagem do quadro dos servidores da SPTC .

    Liv
    Por resalfliv em 06/07/2016 às 16:34:14

    Deputado Estadual Jooji Hato conhecedor de nossa árdua luta no sentido de bem servir à população paulista, nas horas mais difíceis, quando são vítimas de crimes e de acidentes, novamente manifestou na Tribuna, seu compromisso idêntico ao nosso, o de melhor servir ao povo paulista. Arguiu novamente sobre acerca da necessidade imediata da nomeação dos candidatos aprovados no concurso PC-01/2013.
    15/06/2016 - Legislativo - Pag. 4
    Tribuna
    JOOJI HATO - Saúda o público presente. Discorre sobre a falta de peritos criminais e médicos legistas na Polícia Técnica e Científica. Lembra a falta de perito criminal no acidente ocorrido
    com os estudantes na rodovia Mogi-Bertioga e de bióloga morta por garupa de moto. A pela ao governador Geraldo Alckmin para que ajude os médicos legistas. Exibe repor tagem, da T V G l o b o, a re s p ei to d o a s su n to. Pe d e q u e sejam liberadas as vagas já aprovadas anteriormente para os cargos.

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 06/07/2016 às 17:30:19

    Obrigada pelas informações resalfliv. Sou excedente na região de Campinas e ainda sonho com a possível nomeação. Visito o fórum toda semana e agradeço pelas postagens. Até mais!!

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 09/07/2016 às 16:14:58

    Reportagem disponível no Facebook do Sinpcresp http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/jornal-da-eptv-2edicao/videos/t/edicoes/v/instituto-de-criminalistica-de-americana-esta-subutilizado-devido-falta-de-peritos/5151771/

    Liv
    Por resalfliv em 03/08/2016 às 17:00:23

    Câmara Municipal de São Paulo encaminha Moção de Solidariedade ao Governador do Estado de São Paulo, solicitando a nomeação dos candidatos aprovados no concurso para perito criminal PC-01/2013.
    ______________________________________
    MOÇÃO 05-00007/2016
    “Moção que hipoteca solidariedade à contratação de profissionais das Polícias Civil e Científica".
    CONSIDERANDO a mobilização dos aprovados em concurso público de 2013 ao cargo de Perito Criminal PC-1/2013;
    CONSIDERANDO que se trata de uma importante reivindicação cujo objetivo é ampliar ainda mais o quadro de peritos no Estado, com a melhoria da prestação deste serviço à Sociedade;
    O Vereador Mario Covas Neto, vem por meio desta Moção PROPOR, ao Egrégio Plenário, na forma regimental, seja manifestada SOLIDARIEDADE aos aprovados no Concurso para Perito Criminal PC-1/2013, para que sejam todos nomeados e
    contratados pelo Estado de São Paulo.
    Tomo essa iniciativa pois é de conhecimento público que as policias necessitam de constante investimento, seja em infraestrutura, seja na contratação de pessoal.
    Neste passo, nos solidarizamos com esta reivindicação e clamamos por celeridade ao Governo do Estado de São Paulo, na nomeação destes aprovados.
    Assim sendo, solicito ao Presidente da Câmara Municipal de São Paulo encaminhar cópia desta Moção de Solidariedade ao Governador do Estado de São Paulo.
    Sala das Sessões, em 29 de maio de 2014.
    Mario Covas Neto - Vereador”
    https://www.imprensaoficial.com.br/DO/BuscaDO2001Documento_11_4.aspx?link=/2016/diario%2520oficial%2520cidade%2520de%2520sao%2520paulo/agosto/03/pag_0092_F7BC53BV1ALNEe4RTB093MQ6S3M.pdf&pagina=92&data=03/08/2016&caderno=Di%C3%A1rio%20Oficial%20Cidade%20de%20S%C3%A3o%20Paulo&paginaordenacao=100092

    Liv
    Por resalfliv em 26/08/2016 às 11:59:49

    26/08/2016 - Empresarial - Pag. 16
    EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINARIA CONJUNTA
    As Entidades de classes da Polícia Civil e Polícia Técnico Cientifica do Estado de São Paulo a saber: Sindicato dos Escrivães de Polícia do Estado de São Paulo- SEPESP; Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo, SINDPESP, Sindicatos dos Peritos Criminais do Estado de São Paulo – SINPCRESP; Sindicato dos Investigadores de Policia do Estado de São Paulo – SIPESP; Sindicatos dos Trabalhadores em Telemática Policial do Estado de São Paulo – SINTELPOL e Associação dos Médicos Legistas do Estado de São Paulo – AMLESP todas com suas respectivas sedes nesta capital de São Paulo/ SP, as quais compõem o MOVIMENTO UNIFICADO S.O.S SEGURANÇA PÚBLICA, no uso de suas atribuições legais Estatutárias e da Lei 7.783/1989 (Lei de Greve), CONVOCA todos policiais sindicalizados e não sindicalizados, para comparecerem a Rua Santo Amaro, 71 – Centro – Próximo a Câmara Municipal de São Paulo, no dia dezesseis (16) de setembro de dois mil e dezesseis(2016), às 10:00hs em 1ª convocação e às 10:30hs em 2ª e última convocação, com qualquer número de participantes para se reunirem em Assembleia Geral Extraordinária Conjunta, com vistas a deliberação da seguinte pauta: I – Recomposição das perdas salariais calculadas pelo DIEESE, conforme inflação acumulada de janeiro de 2014 a março de 2016; II – Convocação, Nomeação e Posse imediata dos candidatos aprovados nos últimos concursos da Policia Civil e Policia Técnico Cientifica e, abertura imediata de concurso publico para todas as carreiras, III – Pleno cumprimento da LC 51/85, com as alterações inseridas pela LC 144/2014, que trata de Aposentadoria Especial dos policiais, com integralidade e paridade de proventos. São Paulo, 26 de agosto de 2016. Movimento unificado S.O.S Segurança Publica.

    Emilene Ferreira
    Por emilene007 em 07/09/2016 às 17:26:04

    Oi pessoal, tudo bem?
    Gostaria que alguém me tirasse uma dúvida. Quero começar a cursar Ciências Contábeis pra futuramente prestar concurso pra Perito, porém olhei nesse último edital e o curso solicitado é "Contabilidade". Alguém sabe se Ciências Contábeis vale da mesma forma?
    Obrigada!

    Paulo Crash
    Por paulocrash em 09/09/2016 às 09:45:14

    emilene007

    Sim, o contador pode atuar como perito criminal da PC em SP.

    Até

    Emilene Ferreira
    Por emilene007 em 09/09/2016 às 11:45:04

    Obrigada Paulo!

    Paulo Crash
    Por paulocrash em 09/09/2016 às 12:04:25

    Entrevista com um perito criminal de SP.

    https://www.youtube.com/watch?v=ue4q9OIVYkk

    Edu
    Por duda2004 em 24/10/2016 às 16:12:52

    Boa tarde a todos,

    Alguém sabe me confirmar se realmente só houve uma chamada (bem pequena por sinal) deste concurso até agora?
    Dada a morosidade do andar da carruagem, acabei me desligando um pouco do acompanhamento do DO.

    Obrigado!

    Magno Elpidio
    Por magno54 em 26/11/2016 às 10:37:47

    Caros futuros peritos, alguém está acompanhando a movimentação das últimas semanas? Parece que foram convocados (parte/todos?) os remanescentes da lista de aprovados inicial. Estou falando isso com base na informação de um conhecido Escrivão que fizemos a prova / TAF juntos e ele assumiu essa semana para iniciar o treinamento na ACADEPOL.

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 28/11/2016 às 16:47:08

    São 25 cargos criados pela LC 1.206-2013 05/11/2016

    Perito Criminal - 3ª Classe, Padrão I

    Região – Araçatuba:
    --------------------
    Rudgen Rodrigues Caldas, RG 29.431.280


    Região - Bauru
    --------------------
    Gustavo Rocha Garcia, RG 32.052.227
    Anderson Roberto de Oliveira, RG 42.182.473
    Mariana Cepollaro Diana, RG 46.019.430


    Região - Campinas
    --------------------
    Rafael Bruno Meirelles, RG 37.468.361
    Gabriela Borba Mondo, RG 6.095.668.676-RS
    Celso Ossamu Kaminishikawahara, RG 26.785.060
    Marcia Regina Moreira Leao, RG 30.329.468

    Região - Capital e Grande São Paulo
    ----------------------------------------
    Mariana Rossignoli do Carmo, RG 40.676.533
    Ronaldo da Silva Alves Batista, RG 40.701.208
    Luziane Potrich Belle, RG 8.087.727.461-RS
    Murilo Piton Paulon, RG 44.990.586
    Leticia de Souza Resende, RG 10.473.689-MG

    Região - Presidente Prudente:
    ----------------------------------------
    Renata Rumi Ishiki, RG 20.799.928

    Região - Ribeirão Preto
    ----------------------------------------
    Eduardo Ribeiro Sartore, RG 45.984.714
    Leonardo de Almeida Ferreira e Silva, RG 41.261.156

    Região - Santos
    ----------------------------------------
    Rodrigo Goncalves Faga, RG 44.894.688
    Jessica Baleiro Okado, RG 46.635.115

    Região - São José do Rio Preto
    ----------------------------------------
    Angelo Helio Ponce Soler Junior, RG 44.019.599
    Aderbal Ruy Teodoro da Silva, RG 34.278.269

    Região - São José dos Campos
    ----------------------------------------
    Nathalia Carolina de Souza Seixas, RG 46.175.728
    Eduardo Amorim de Moura, RG 14.783.151
    Thaisa Jacinto Aguirra, RG 43.797.887

    Região - Sorocaba
    ----------------------------------------
    Jose Eduardo Antonelli, RG 7.515.564-PR
    Carolina Costola de Souza Pavani, RG 34.423.460,


    Fonte: http://www.policiacivil.sp.gov.br/portal/ShowProperty?nodeId=/dipolContent/UCM_025440//idcPrimaryFile&


    Estes Peritos foram chamados para posse em 21/11/2016
    Fonte: http://www.policiacivil.sp.gov.br/portal/ShowProperty?nodeId=/dipolContent/UCM_025599//idcPrimaryFile&

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 28/11/2016 às 16:56:46

    Em São Paulo a colocação da última candidata está em 25º.
    Parece que muita gente não aceitou a vaga, pois foram 5 vagas para São Paulo e a lista rodou até a 25º posição.

    Ficamos no aguardo de mais convocações.

    Se alguém tiver novidades, por favor, nos comuniquem no grupo.

    Att, Alfredo.

    Edu
    Por duda2004 em 01/12/2016 às 09:17:51

    Olá, alfredofigo,

    Também entendi que apenas 5 assumiram dentre os 25 chamados. Isso me faz pensar que ou o curso de formação é muito difícil, ou as condições de trabalho atuais estão desestimulantes.

    Eu sabia que a taxa de desistência do curso era de quase 50%, mas esses 80% devem representar algo mais...

    De qualquer jeito, só chegando lá para formar uma opinião embasada.

    Abs.

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 01/12/2016 às 11:47:18

    Oi Duda2004,

    Eu não sabia da dificuldade no curso de formação.
    Eu sempre penso que os primeiros colocados tendem a desistir das vagas, pois possuem grande capacidade e certamente passaram ou passarão em outros concursos, desta forma, acredito que a taxa de desistência tende a diminuir conforme são chamados os candidatos da lista.

    O trabalho de Perito não é fácil como as pessoas imaginam. Os horários, trabalho noturno em locais perigosos, contato com corpos em avançado estado de putrefação, falta de benefícios (mercado, médico, refeição), falta de perspectiva de aumento de salário (correção da inflação). Tudo isso influência na desistência das vagas.

    Alguém no grupo já participou do curso de formação?
    Quais os fatores de dificuldade?

    Obrigado,
    Att, Alfredo Figo

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 03/12/2016 às 18:55:15

    Olá Alfredofigo,

    gostaria de agradecer pelas informações com relação aos nomeados, sou excedente da região de Campinas e visito o fórum para me manter informada. Na região de Campinas a lista rodou até a décima nona colocada, e concordo com vc quando escreve q a tendência é de que as desistências diminuam, ao analisar a lista nota-se q os primeiros colocados tem grande pontuação em títulos e portanto provavelmente tenham opções mais atraentes de trabalho.

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 05/12/2016 às 14:30:36

    evelinsilva, boa tarde!

    Pela minha análise, estas pessoas que possuem títulos tendem a permanecer nas vagas.
    Alguns candidatos utilizaram da estratégia de pontuar na prova de títulos com artigos acadêmicos. Hoje em dia é muito fácil realizar esta publicação. Este foi um dos primeiros concursos em que vi este tipo de pontuação.

    Bom...agora já não é hora de questionar ou polemizar, vamos aguardar. Li que a Polícia Civil receberá uma boa verba em 2017.

    Se alguém souber algo sobre o curso de formação, favor compartilhar.

    Obrigado.

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 05/12/2016 às 15:56:56

    Nossa, não tinha me atentado para esse detalhe das pontuações utilizando de publicações!!

    Esperamos q invistam essa verba em contratações, se ela realmente acontecer!

    Até mais!!

    Silvia Boschi
    Por bss81 em 05/12/2016 às 18:47:46

    Gente, em novembro foram nomeadas 5 pessoas para a região da capital. As outras 20 foram nomeadas em março. Nas duas nomeações houve poucas desistências.
    Na nomeação de março foram chamadas 112 pessoas de todo o estado. A lista da capital foi até a 18° posição (+ 5 deficientes) e parece que depois chamaram até o 20° colocado, devido a duas desistências. Na nomeação de novembro foram chamados 25 em todo o estado e a lista da capital chamou 5 pessoas (do 21° ao 25° colocado nesta região). Não há tantas desistências assim e o curso da acadepol não tem fama de ser difícil.
    E concordo com alfredofigo que as pessoas com títulos tendem a permanecer nas vagas, pois o mercado de trabalho no Brasil não absorve pessoas com alta qualificação.

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 06/12/2016 às 08:23:42

    bss81,

    Obrigado pelas informações.
    Vamos nos manter informados. Eu estava preocupado com o curso de formação, pois haviam muitas "desistências". rsrsrs

    Então...aguardamos 2017.

    Obrigado.

    Magno Elpidio
    Por magno54 em 10/01/2017 às 16:20:57

    Feliz 2017 para todos! Realmente os boatos de contratação dos remanescentes do concurso 2013/14 estão bem fortes (em prol da celeridade, eficiência e valores já despendidos).
    Quanto ao curso de formação, apenas um breve panorama: tenho um conhecido que participou comigo de TAFs que está na Coriolano fazendo o curso de preparação para escrevente. Segundo ele, o negócio é "punk". Prova toda semana, notas mínimas, cobrança, cobrança, cobrança. Ele precisou alugar um quarto próximo de lá pois estava impossível ir e voltar todos os dias pois saia sempre depois das 19h e entrava antes das 7h. Não entendi bem mas ele me disse que a alocação será por ordem decrescente em relação ao desempenho nesse curso de preparação (!?!?!?!). Não sei se o curso de escrevente foi diferente ou não sei se houve algum mal entendido mas, enfim, ele falou que o negócio é pesado. Muita gente de longe da capital e todos lá na pegada.
    Fica o relato...

    https://jcconcursos.uol.com.br/portal/noticia/concursos/policia-civil-pc-edital-previstos-2016-63043.html

    Nayara
    Por nayafranca em 20/01/2017 às 17:42:28

    Boa tarde, inaptos no concurso podem entrar em contato 14 988110753 advogada com experiência nesses casos.;

    Fernando Alves de Oliveira
    Por faobh em 28/01/2017 às 17:08:07

    Será que algum licenciado foi aprovado neste último concurso? Ou foram somente os com curso superior modalidade bacharelado?

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 31/01/2017 às 09:14:21

    faobh,

    "Será que algum licenciado foi aprovado neste último concurso? Ou foram somente os com curso superior modalidade bacharelado?"
    Verifique o edital do concurso. Eles foram muito exigentes em relação a documentação.

    Já adianto que não estão chamando ninguém.

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 15/03/2017 às 17:46:13

    http://www.policiacivil.sp.gov.br/portal/ShowProperty?nodeId=/dipolContent/UCM_028693//idcPrimaryFile&

    Alguém está sabendo de alguma coisa?

    Att, Alfredo

    mac7
    Por mac7 em 16/03/2017 às 16:51:02

    Acredito que seja um complemento da nomeação do dia 05/11, pois alguns nomeados não tomaram posse.
    Fazer exame novamente??? Nós fizemos exames não faz muito tempo!! Só quase dois anos!!!

    Alfredo Figo
    Por alfredofigo em 17/03/2017 às 08:48:12

    mac7,

    Eu não fiz exame médico nenhum.
    Você chegou a fazer exame médico?

    Obrigado.
    Att, Alfredo.

    Silvia Boschi
    Por bss81 em 17/03/2017 às 09:12:43

    Ontem, 16/03, em entrevista à radio CBN, o governador anunciou que em 10-15 dias sairá uma nova nomeação.
    @alfredofigo: em maio de 2015, se não me engano, tivemos que entregar diversos exames médicos no DAP. O que não serviu p/ nada...

    mac7
    Por mac7 em 17/03/2017 às 18:37:41

    alfredofigo, que eu me lembre todos os classificados dentro do número de vagas foram convocados para exame médico.
    Caso não tenha sido convocado não há motivo para preocupação.Não era uma etapa do concurso e poderá apresentar os exames após a nomeação.

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 08/04/2017 às 14:21:59

    Nomeações previstas:
    http://sinpcresp.org.br/posts/sinpcresp-se-reune-com-ssp-e-reitera-pedido-de-nomeacoes#.WOOeQYbIrzc.facebook

    Magno Elpidio
    Por magno54 em 09/04/2017 às 19:52:05

    @evelinsilva, peço vênia para transcrever na íntegra o artigo que você postou. Como creio que há muitos de nós que já estão descrentes que ainda tenhamos alguma esperança (eu incluso), talvez isso traga uma luz (beeeeemmm pequena mas, quem sabe?!). Que (Deus, Buda, Oxalá, Nossa Senhora...) interceda por nós!

    SINPCRESP SE REÚNE COM SSP E REITERA PEDIDO DE NOMEAÇÕES

    terça, 04 de abril de 2017 , Por: Presidência e Secretaria Geral

    Na tarde de ontem, o Secretário de Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, recebeu o Presidente do SINPCRESP na sede da secretaria. Participaram também da reunião o Secretário Adjunto, Sérgio Turra Sobrane, e o Secretário Geral do SINPCRESP. Entre os assuntos da pauta, mereceu destaque a defasagem do quadro pessoal da SPTC.

    O SINPCRESP reiterou a urgente necessidade de nomeação dos aprovados no concurso público de 2013, ilustrando que, desde a publicação do edital, a vacância no cargo de Perito Criminal quase duplicaria o número de vagas previsto dada a morosidade. Em mais um ofício protocolado junto ao SSP, o SINPCRESP solicita o fim dos cargos vagos da carreira, com o pedido de nomeação imediata de 310 candidatos aprovados no concurso de PC-01/2013 e a nomeação dos excedentes até o preenchimento integral do número de cargos vagos da carreira de Perito Criminal.

    O SSP se mostrou sensível ao déficit de pessoal da SPTC, porém mais uma vez justificou a nomeação fracionada pela falta de orçamento. Depois de muita conversa, o Secretário assinou o pedido de nomeações para as carreiras de Perito Criminal e Médico Legista, preenchendo 117 vagas nas carreiras. Após a reiteração do SINPCRESP, mencionou que pretende dar nomeação a mais 250 Peritos Criminais até agosto de 2017, com isso dando nomeação a todos os aprovados dentro do número de vagas do edital de 2013. Quando questionado sobre as mais de 300 vacâncias que permaneceriam mesmo diante desse planejamento, o SSP anunciou que já vem tratando do assunto com sua equipe e que tem ganhando espaço a ideia já aventada pelo SINPCRESP de se prorrogar a validade do concurso e nomear os excedentes até o limite das vacâncias. Com isso, o orçamento previsto para a realização de concursos neste ano, da ordem de R$ 115,5 milhões, poderia ser realocado para a remuneração dos novos Peritos Criminais nomeados. Em estimativa do SINPCRESP, o Estado gastaria cerca de R$ 34 milhões com a folha de pagamento destes novos profissionais, uma economia de mais de 70% desta verba e melhor atendimento à população.

    Após assinado pelo SSP, o pedido de nomeações ainda tramita pela Secretaria de Gestão Pública e pelo Palácio dos Bandeirantes. Mas, de acordo com a previsão do SSP, as nomeações devem ser publicadas nos próximos 10 dias.

    Evelin Daiane da Silva
    Por evelinsilva em 10/04/2017 às 10:35:43

    Oi magno54, vênia concedida, rsrsrsrs.

    Estou longe do número de vagas para minha região, mas quem sabe com a prorrogação até 2019!!!! O jeito é não deixar de acompanhar as movimentações e seguir estudando.

    Magno Elpidio
    Por magno54 em 18/04/2017 às 10:22:33

    Falta de peritos criminais prejudica serviços no Estado
    Sindicato da categoria diz que profissionais enfrentam problemas, porque número é 40% abaixo do necessário
    DA REDAÇÃO 16/04/2017

    A quantidade de peritos criminais é 40% menor do que o necessário no Estado de São Paulo, reclama o sindicato da categoria. O resultado, segundo a entidade, é a ineficiência do Estado para colocar bandidos na cadeia. Enquanto isso, aprovados em concursos públicos não foram chamados.

    “Você fica angustiada. Acaba deixando um monte de coisas de lado, porque fica naquela expectativa que pode ser chamada a qualquer momento”, traduz uma moradora da Grande São Paulo, de 32 anos, sobre o sentimento de ter passado em um concurso público e ainda não ter começado a trabalhar.

    Ela, que pediu para não ter o nome revelado, é apenas uma das milhares de pessoas aprovadas na seleção para perito criminal da Polícia Científica. “O resultado saiu em maio de 2015 e até agora chamaram apenas 30% dos 447 aprovados. Se pelo menos dessem um cronograma”, lamenta.

    Efeito cascata

    O resultado, segundo os funcionários, é a ineficiência do trabalho. Um perito criminal da Polícia Científica em Santos, há 25 anos, ouvido pela Reportagem, diz que, por falta de pessoal, é comum parar um atendimento em Praia Grande para fazer um outro, de emergência, na Ponta da Praia, em Santos.

    “A logística é bastante complicada, até porque o trânsito está cada vez mais difícil”, diz ele, que também pediu para não ter o nome publicado.

    Isso gera, segundo o profissional, diversas consequências. “Você vai parar na corregedoria que apura atraso na confecção dos laudos. Tem cobrança também do Ministério Público e aí entramos num círculo vicioso muito ruim”, explica.

    Há os peritos que não suportam a pressão e acabam pedindo afastamento por problemas de saúde. “É muita pegação no pé”, diz uma fotógrafa da Polícia Científica, afastada do serviço desde o fim do ano passado.

    Com 23 anos de experiência, ela não resistiu à rotina. “É a pior situação que já vivi nesses anos de polícia. A coisa nunca esteve tão ruim”, reclama.

    Números

    O presidente do Sindicato dos Peritos Criminais do Estado de São Paulo (Sinpcresp), Eduardo Becker, prevê que a situação pode piorar até o fim do ano, porque cerca de 200 profissionais devem se aposentar.

    Na opinião de Becker, o Governo Estadual precisa admitir cerca de 500 peritos. A conta leva em consideração o preconizado pela Organização das Nações Unidas (ONU), que seria necessário um perito criminal para atender 5 mil habitantes. Atualmente, São Paulo conta com 1.177 funcionários atuando nessa área, o que dá uma média de um perito para 45 mil habitantes.

    “O governo tem investido em viatura, mas não tem pessoal. É por isso que você vê tanto carro parado nas delegacias. Um único perito tem que cobrir um raio de 200 quilômetros”, lamenta Becker.

    O sindicalista diz, ainda, que São Paulo (Estado com a maior população carcerária do País - mais de 230 mil detentos) não tem nenhum preso cadastrado no banco de dados. “Porque não tem material nem gente para fazer esse serviço”.

    Respostas

    A Tribuna enviou uma série de perguntas à Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP). Seguem, abaixo, as questões e as respostas dadas pelo Estado.

    O Estado pretende chamar peritos aprovados em concurso?
    A Superintendência de Polícia Técnico-Científica (SPTC) informa que, desde 2011, foram contratados para Baixada Santista 37 policiais científicos. Essas contratações são realizadas sempre de acordo com as provisões orçamentárias e com a Lei de Responsabilidade Fiscal. O número atual é próximo ao considerado ideal pela Superintendência.

    O Governo concorda com os números apresentados pelo sindicato sobre a defasagem e necessidade de contratações?
    Sem resposta.

    Com a reforma do Palácio da Polícia, para onde iria a Polícia Científica?
    Até o momento, o órgão não foi notificado formalmente de necessidade de desocupação, por parte do IC (Instituto de Criminalística), do prédio do Palácio da Polícia.

    Quando os cerca de 230 mil detentos serão cadastrados no banco de dados?
    A SSP tem realizado estudos baseados em relatórios apresentados pela Polícia Cientifica para viabilizar esse tipo de coleta de DNA.

    http://www.atribuna.com.br/noticias/noticias-detalhe/cidades/falta-de-peritos-criminais-prejudica-servicos-no-estado/?cHash=5728750709a1712d877c6a1894ffe891

    Magno Elpidio
    Por magno54 em 10/05/2017 às 15:47:40

    Contra déficit, secretário de Segurança anuncia 1.040 novos policiais civis em SP

    Agentes devem atuar nos municípios após quatro meses de preparação na Acadepol, disse Mágino Barbosa Filho, em Ribeirão Preto. Desde início da gestão Alckmin, Estado teve perda de 3 mil agentes.

    O secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Mágino Barbosa Filho (Foto: Rodolfo Tiengo/G1) O secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Mágino Barbosa Filho (Foto: Rodolfo Tiengo/G1)
    O secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Mágino Barbosa Filho (Foto: Rodolfo Tiengo/G1)
    O secretário de Segurança Pública do Estado, Mágino Barbosa Filho, confirmou nesta quarta-feira (10) a nomeação de 1.040 policiais civis para São Paulo. Segundo ele, os novos agentes devem começar a atuar nos municípios após quatro meses de preparação na Academia de Polícia (Acadepol).
    A medida visa minimizar o déficit dos quadros da instituição, que perdeu três mil profissionais desde o início da gestão de Geraldo Alckmin (PSDB), segundo levantamento feito no final de 2016 pelo G1 com dados do Diário Oficial e do Portal da Transparência. No ano passado, o governador havia anunciado a nomeação de outros 835 policiais.
    "Nomeamos mais 1.040 policiais civis e ao longo deste ano ainda vamos nomear mais policiais civis. A nossa ideia é reduzir ao máximo esse déficit que existe nos efetivos da Polícia Civil", disse Barbosa Filho durante visita a Ribeirão Preto (SP) para a cerimônia de passagem do Comando de Policiamento do Interior (CPI-3).
    O déficit no efetivo tem relação com a forma como as prisões têm sido realizadas no Estado, de acordo com o Instituto Sou da Paz. Estudo realizada pela entidade com base em estatísticas oficias da Segurança Pública aponta que, de cada dez prisões no Estado, sete são em flagrante, um sinal de falta de investigação da Polícia Civil para os pesquisadores.
    O secretário, no entanto, não definiu quais cidades serão priorizadas com os novos profissionais.
    "Não tem previsão, isso depende de uma análise que a gente faz para o Estado inteiro. Então ao término do curso lá na academia, onde todos policiais têm que passar, vamos fazer a distribuição do efetivo para todo Estado."
    Déficit de policiais civis
    A Polícia Civil de São Paulo perdeu 3 mil policiais desde que Geraldo Alckmin (PSDB) assumiu o governo do estado em 2011. Levantamento realizado pelo G1 com dados do Diário Oficial e do Portal da Transparência mostra que, em contrapartida, o efetivo da Polícia Militar pouco se alterou no período: a taxa de ocupação dos cargos da instituição sempre se manteve na casa dos 95%.
    Para especialistas, a diferença de investimento é clara, aponta a priorização de uma polícia de confronto e acirra uma competição já existente entre as duas instituições. O governo garante que "investe constantemente na modernização e ampliação de todas as polícias" e que "não há qualquer privilégio de uma em detrimento das outras".
    Em janeiro de 2011, quando tomou posse, Alckmin encontrou uma Polícia Civil com defasagem de 13% no número de funcionários. A instituição deveria contar com 35.337 policiais, mas apenas 30.714 estavam em atividade.
    Em julho de 2013, o próprio governador promulgou a Lei Complementar nº 1206 que determinou que o contingente da Polícia Civil fosse ampliado e composto por um total de 36.506 profissionais - já excluindo o cargo de carcereiro que acabou extinto pelo tucano.
    A lei de 2013 adicionou 1.169 cargos aos quadros da Polícia Civil. O reforço aconteceria especificamente no braço técnico-científico da instituição, que é o encarregado pelos trabalhos de perícia criminal. As novas vagas foram anunciadas, mas, até agora, não foram ocupadas integralmente. E, segundo o governo, não há nem previsão certa para que sejam.
    Após quase seis anos de gestão Alckmin, o déficit de servidores na Polícia Civil na verdade quase dobrou, subindo para 24%, ou seja, 8,7 mil policiais a menos do que o previsto em lei. Em outubro de 2016, o efetivo da instituição era de 27.714 profissionais.

    http://g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/noticia/contra-deficit-estadual-secretario-de-seguranca-publica-anuncia-1040-novos-policiais-civis-para-sp.ghtml

Mais Polícia Civil SP

Comentar Fórum

Para comentar neste fórum é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!

Faça seu comentário com educação e civilidade, sem agredir ou ofender ninguém, e evite palavrões.