Simulado CETESB - Interpretação de Textos - Engenheiro Ambiental - 2009

Categoria: Simulados | Questões: 4 | Disciplina: Português | Assunto: Interpretação de Textos | Ensino: Superior | Cargo: Engenheiro Ambiental | Órgão: CETESB | Banca: VUNESP

  • 27 gabaritaram
  • Regular
  • 138 resolveram
barra ótimo 27 Ótimo
barra bom 95 Bom
barra ruim 14 Ruim
barra péssimo 2 Péssimo

    Para corrigir este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples, fácil e grátis!

  • Que coreanos comam cachorros é um fato antropológico que não deveria causar maior surpresa nem revolta. Franceses deliciam-se com cavalos e rãs, chineses devoram tudo o que se mexe - aí inclusos escorpiões e gafanhotos - e boa parte das coisas que não se mexem também. Os papuas da Nova Guiné, até algumas décadas atrás, fartavam-se no consumo ritual dos miolos de familiares mortos. Só pararam porque o hábito estava lhes passando o kuru, uma doença neurológica grave. Nosso consolidadíssimo costume de comer vacas configura, aos olhos dos hinduístas, nada menos do que deicídio. A não ser que estejamos prontos a definir e impor um universal alimentar, é preciso tolerar as práticas culinárias alheias, por mais exóticas ou repugnantes que nos pareçam.

    (Hélio Schwartsman, Folha de S.Paulo, 14.11.2009)
  • 1 - Questão 23752.
  • No texto, Schwartsman critica
  • 2 - Questão 23753.
  • Deicídio significa um ato de
  • 3 - Questão 23754.
  • Assinale a alternativa em que um adjetivo no superlativo está formado como em consolidadíssimo.
  • 4 - Questão 23755.
  • Assinale a alternativa em que o verbo parecer esteja empregado com a mesma regência com que aparece em: ... por mais exóticas ou repugnantes que nos pareçam.

Simulados Relacionados

Comentários Simulado

    ADRIANA SANTOS DE JESUS
  • Por fedri em 14/04/2017 às 13:36:58
  • Gabaritei!

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!

Não elaboramos as questões, apenas as transcrevemos de provas já aplicadas em concursos públicos anteriores.