Simulado CNPQ - Direito Constitucional - Analista em Ciência e Tecnologia Júnior - 2011

Categoria: Simulados | Questões: 5 | Disciplina: Direito Constitucional | Cargo: Analista em Ciência e Tecnologia Júnior | Órgão: CNPQ

  • 3 gabaritaram
  • 61% acertos
  • 53 resolveram
barra ótimo 19 Ótimo
barra bom 18 Bom
barra ruim 16 Ruim
barra péssimo 0 Péssimo

Para resolver este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É grátis!

  • Considerando os preceitos contidos na Constituição Federal, julgue os seguintes itens.
  • 1 - Questão 26059.   Ensino Superior - CESPE
  • Consideram-se terras da União as terras devolutas indispensáveis à defesa das fronteiras, das fortificações, das construções militares e das vias federais de comunicação, bem como indispensáveis à preservação ambiental, e as áreas de fronteiras.
  • 2 - Questão 26060.   Ensino Superior - CESPE
  • Compete aos municípios a organização e a prestação, de forma direta ou sob regime de concessão ou permissão, dos serviços públicos de transporte urbano coletivo local.
  • 3 - Questão 26061.   Ensino Superior - CESPE
  • O Estado, por meio de lei, deve apoiar e estimular as empresas que invistam em pesquisa, criação de tecnologia adequada ao país, formação e aperfeiçoamento de seus recursos humanos e que pratiquem sistemas de remuneração que assegurem ao empregado, desvinculada do salário, participação nos ganhos econômicos resultantes da produtividade de seu trabalho.
  • 4 - Questão 26062.   Ensino Superior - CESPE
  • Pessoa que se exima de obrigação legal a todos imposta por motivo de crença religiosa deve sofrer as consequências legais por seu ato, já que o Brasil é um país laico.
  • 5 - Questão 26063.   Ensino Superior - CESPE
  • Entre as possibilidades de violação de domicílio, inclui-se a realizada em horário noturno e autorizada por ordem judicial.

Simulados CNPQ ícone destaque

Simulado Comentários:

Ninguém comentou ainda este simulado. Seja o primeiro!

Comente o Simulado!

Para comentar este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É grátis!

Não elaboramos as questões, apenas as transcrevemos de provas já aplicadas em concursos públicos anteriores.