Simulado CRO PR - Atualidades - Auxiliar de Departamento - 2016

Categoria: Simulados | Questões: 5 | Disciplina: Atualidades | Ensino: Médio | Cargo: Auxiliar de Departamento | Órgão: CRO PR | Banca: QUADRIX

  • 0 gabaritaram
  • Difícil
  • 17 resolveram
barra ótimo 2 Ótimo
barra bom 3 Bom
barra ruim 10 Ruim
barra péssimo 2 Péssimo

    Para corrigir este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples, fácil e grátis!

  • 1 - Questão 31886.
  • Os meios de comunicação têm noticiado protestos em Caracas, na Venezuela, de opositores contra decisão que restringe as manifestações diante do Conselho Nacional Eleitoral e a favor do referendo revogatório contra o presidente Nicolás Maduro. Sobre o tema, leia as afirmativas.

    I. As mobilizações acontecem em um cenário de mal-estar social com a severa escassez de alimentos e remédios, além de uma inflação projetada de 700%, de acordo com o FMI, para 2016. Além disso, o país sofre com cortes cotidianos de energia elétrica e água, além dos altos índices de criminalidade.
    II. O governo descarta a possibilidade de um referendo revogatório em 2016, alegando que os prazos legais não permitem o que a oposição deseja. 
    III. Se a consulta acontecer depois de 10 de janeiro de 2017, quando o mandato presidencial completa quatro anos, e Maduro for derrotado, os dois anos restantes serão completados pelo vice-presidente, designado pelo chefe de Estado. Se o referendo acontecer este ano e o chavismo for derrotado, novas eleições serão convocadas.

    Pode-se afirmar que:
  • 2 - Questão 31887.
  • A mídia relembrou, recentemente, o sequestro de 276 crianças de um internato em Chibok, nordeste da Nigéria, pelo grupo Boko Haram, há pouco mais de dois anos (a ação ocorreu em abril de 2014). Cinquenta e sete escaparam horas depois, mas até hoje não se sabe o destino das outras 219. Especialistas em direitos humanos da ONU e da África pediram que o grupo extremista revele imediatamente a localização das vítimas e que o governo da Nigéria aumente seus esforços para libertar todos os civis sequestrados pelo grupo.

    Leia as seguintes afirmativas sobre o assunto e assinale a incorreta. 
  • 3 - Questão 31888.
  • O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, anunciou, em 17 de maio, o nome de Ilan Goldfajn para o comando do Banco Central, em substituição ao atual presidente, Alexandre Tombini. Com base em seus conhecimentos atuais sobre o assunto, analise as afirmativas.

    I. O novo nomeado já foi diretor de Política Econômica do próprio BC no mandato do presidente Fernando Henrique Cardoso e no início do governo Luiz Inácio Lula da Silva, entre 2000 e 2003.
    II. Goldfajn era economista-chefe e sócio do Itaú Unibanco. Economista com mestrado e doutorado, ele já atuou em organizações internacionais, como o Banco Mundial, o Fundo Monetário Internacional (FMI) e as Nações Unidas.
    III. A posse de Goldfajn no Banco Central, assim como dos diretores que ele indicar, passa também por aprovação da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal.

    Pode-se afirmar que:
  • 4 - Questão 31889.
  • A lenda do boxe Muhammad Ali morreu de "choque séptico provocado por causas naturais não específicas", afirmou sua família.
    Ali se tornou uma das maiores figuras esportivas do planeta. Ele morreu na noite de sexta-feira (madrugada de sábado em Brasília) em um hospital de Phoenix, Arizona, Estados Unidos.
    O boxeador de 74 anos sofria de doença respiratória, condição que foi complicada pela doença de Parkinson.

    (http://www.bbc.com/portuguese/internacional-36453921. Acesso em 04/06/16.)

    Sobre o esportista, leia as afirmativas e assinale a incorreta.
  • 5 - Questão 31890.
  • No início de junho de 2016 cerca de 80% dos eleitores suíços rejeitaram a proposta para introduzir uma renda básica garantida para todos os que vivem no país. Segundo as notícias veiculadas, assinale a alternativa que melhor espelha o valor que, se tivesse sido aprovado no plesbicito, o Estado Suíço pagaria.

+Simulados CRO PR

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!

Não elaboramos as questões, apenas as transcrevemos de provas já aplicadas em concursos públicos anteriores.