Simulado TCE SP - Improbidade Administrativa: Lei 8.429/92 - Auxiliar da Fiscalização Financeira - 2015

Categoria: Simulados | Questões: 5 | Disciplina: Direito Administrativo | Assunto: Improbidade Administrativa | Ensino: Médio | Cargo: Auxiliar da Fiscalização Financeira | Órgão: TCE SP | Banca: FCC

  • 1 gabaritaram
  • Difícil
  • 34 resolveram
barra ótimo 4 Ótimo
barra bom 7 Bom
barra ruim 16 Ruim
barra péssimo 7 Péssimo
  • 1 - Questão 34553.
  • Pedro, servidor público estadual, revelou fato de que teve ciência em razão das suas atribuições e que devia permanecer em segredo. Em razão disso, foi processado e condenado por improbidade administrativa. Nos termos da Lei nº 8.429/92, uma das sanções a que Pedro está sujeito corresponde à
  • 2 - Questão 34554.
  • O Diretor de determinada autarquia estadual contratou empresa para o fornecimento de material hospitalar sem realizar prévio procedimento licitatório, alegando situação emergencial. Em razão disso, foi processado por improbidade administrativa, tendo o Ministério Público demonstrado ser necessário, no caso, a realização de licitação. Em sua defesa, o referido Diretor apresentou três argumentos: (I) ser parte ilegítima para figurar no polo passivo de ação de improbidade; (II) inexistência de prejuízo ao erário; (III) inexistência de conduta dolosa, haja vista ter agido com culpa. No caso narrado, de acordo com a Lei nº 8.429/92,
  • 3 - Questão 34555.
  • Marta, servidora pública do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, tinha inimizade com uma de suas colegas de trabalho, Talita e, em razão disso, formulou representação acusando-a da prática de improbidade administrativa, mesmo sabendo da sua inocência. Nesse caso, dentre outras sanções, Marta está sujeita à 
  • 4 - Questão 34556.
  • Júlio, Diretor de determinada autarquia federal, foi processado por improbidade administrativa. Nos termos da Lei nº 8.429/92, Júlio poderá ser afastado do exercício de seu cargo, quando a medida se fizer necessária à instrução processual. O citado afastamento
  • 5 - Questão 34557.
  • João foi processado por improbidade administrativa, em razão da prática de ato causador de prejuízo ao erário. Após o recebimento da ação e citação de João, este apresentou petição em juízo propondo um acordo ao Ministério Público Estadual. Assim, ofereceu-se a pagar metade do prejuízo causado ao Estado por estar dentro de suas possibilidades financeiras. Nos termos da Lei de Improbidade, o acordo proposto é
  • Para corrigir este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É grátis!

+Simulados TCE SP

Comentar Simulado

Não elaboramos as questões, apenas as transcrevemos de provas já aplicadas em concursos públicos anteriores.

Para comentar este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É grátis!