Como e o que estudar para Concurso Público do INSS?

Por Jeniffer Elaina em 06/02/2019

Quer saber como e o que estudar para concurso público do INSS? Acompanhe o texto e descubra tudo o que você precisa!

Estudar para concurso público do INSS é a chave para conseguir uma boa pontuação nas provas. Apenas com muita dedicação os candidatos conseguem se destacar entre os tantos que concorrem às vagas.

Para se ter uma ideia, no concurso de 2012 do órgão, foram 916.210 mil inscritos para 1.875 vagas!

Por isso, antes mesmo de começar a se preparar, você precisa ter um objetivo claro. Qual o cargo e salário pretendido? Como as mudanças poderão melhorar a sua vida? Essas metas costumam ajudar a manter a sua motivação na hora de estudar.

Também é fundamental que você leia o edital do concurso. Isso porque, é nele que ficam listados os conteúdos cobrados nas provas.

Algumas matérias são comuns, e serão apontadas nas nossas dicas logo mais. Porém, elas podem ou não cair no teste, e até serem somadas a outras. Se o edital do concurso ainda não tiver sido divulgado, baseie-se nos anteriores, e adapte-se após a divulgação.

Veja também: Concurso INSS: Apostilas, Cursos, Provas e Exercícios

Dicas de como estudar para concursos do INSS:

1. Defina um cronograma

Como citado, é fundamental que o candidato leia o edital do concurso. Assim, você saberá quais disciplinas deve estudar e o tempo que ainda possui para essa dedicação.

Em seguida, defina um cronograma de estudos para cada matéria. É importante dar maior atenção aos temas que você tem grande dificuldade. Os demais podem ser distribuídos de modo mais espaçado.

Defina os dias de estudo para cada um, e intercale, ao menos, dois temas por dia. Dedicar-se de forma ininterrupta a uma mesma área de conhecimento pode dificultar a sua apreensão.

2. Estabeleça uma rotina de estudos

Também indicado determinar um horário de estudos. Com ele, torna-se menos provável que você deixe a preparação de lado por outro compromisso. Além disso, esse cuidado ajuda a acostumar o seu cérebro, que, com o tempo, se mostrará mais focado ao aprendizado.

3. Organize seu espaço

Sempre que possível, estude em um espaço silencioso e organizado. Pode ser no seu quarto, na sala de casa, no escritório ou em uma biblioteca. O importante é que seu material esteja à mão, e que a sua concentração seja simples.

Por isso, lembre-se, ainda, de evitar distrações. No momento de estudo, elimine a TV, conversas, o acesso à internet e ao smartphone. Assim, será mais fácil manter o foco.

4. Use o tempo ocioso

Não é porque você tem um cronograma fechado, que não pode potencializar a sua preparação. Isso significa que, sempre que possível, você deve se dedicar aos conteúdos.

Pode ser por poucos minutos: na pausa para o almoço, na fila do banco ou na volta para casa. Leia novos textos, assista a vídeos, ouça a podcasts. Esse estudo extra pode facilitar a sua compreensão dos assuntos.

5. Busque materiais diversos sobre INSS

Para estudar para concurso público do INSS, você poderá escolher entre um curso presencial ou online. Independente desse modo de preparação, porém, é importante que você busque conteúdos para além dos oferecidos.

Utilize vídeos, podcasts, livros e textos além do planejado. Isso poderá te ajudar a entender as disciplinas necessárias.

6. Estude a Ética no Serviço Público

Uma das matérias mais cobradas em concursos do INSS é a Ética no Serviço Público. Para estudá-la, dedique-se às normas do Decreto no 1.171/94 (Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal) e do Decreto no 6.029/07.​​​​​​​

Veja também: Questões sobre Ética no Serviço Público

7. Veja conteúdos de Regime Jurídico Único

As questões sobre Regime Jurídico Único nos concursos cobra conhecimento da Lei 8.112/90. A norma indica os direitos e deveres do servidor público federal, fundamentais a quem pleiteia um cargo do tipo.​​​​​​​

Veja também: Exercícios sobre a Lei 8112/90

8. Atenção às Noções de Direito

Na hora de estudar para concurso público do INSS, você precisará dar atenção, principalmente, ao Direito Constitucional e Direito Administrativo.

São solicitados conteúdos como direitos e deveres individuais e coletivos; Administração Pública; poderes administrativos; controle legislativo; entre outros.​​​​​​​

9. Dedique-se à Língua Portuguesa

Nos concursos do INSS, os conteúdos relacionados à Língua Portuguesa costumam incluir a acentuação, classes de palavras e pontuação.

Assim como figuras de linguagem, gênero e número, verbos, concordância nominal e verbal, oração, significação das palavras e outros.​​​​​​​

10. Estude Raciocínio Lógico

São diversas as matérias de raciocínio lógico cobradas nas provas. Geralmente, elas incluem temas como diagramas lógicos, análise combinatória e sentenças abertas. Tais quais operação com conjuntos, porcentagens, probabilidade, redundância e outras.​​​​​​​

11. Estude Noções de Informática

Para obter uma boa pontuação na prova de Noções de Informática, dedique sua atenção a conceitos da internet e intranet, e aos modos de uso dos softwares.

Assim como a informações sobre o pacote Office, Sistema Windows e Linux, e a noções de segurança. Mesmo que você seja um especialista na prática, leia sobre os assuntos. Isso facilitará as respostas teóricas no teste.​​​​​​​

12. Revise seus conhecimentos sobre Seguridade Social

Quando o tema é Seguridade Social, costumam ser cobrados conhecimentos como origem e evolução legislativa no Brasil, a aplicação das normas previdenciárias, regras relacionadas a empresas e empregadores domésticos, salário-de-contribuição, crimes contra a Seguridade Social e outros.​​​​​​​

13. Faça revisões do conteúdo

Durante os seus estudos, é importante que você faça resumos sobre os temas. Isso auxilia na apreensão dos conteúdos, especialmente quando são utilizados tópicos e mapas mentais.

Depois, de tempos em tempos, você poderá revisar as informações. Assim, elas serão mantidas “frescas” em sua manate, facilitando a realização da prova.​​​​​​​

14. Descanse!

Apesar da dedicação ser essencial, todo concurseiro precisa fazer pausas. Primeiro, entre os estudos: o ideal é que você estude por até 90 minutos, e depois descanse o cérebro por cerca de 10 ou 15 minutos. Esse intervalo facilita a apreensão do conteúdo.

Dois ou três dias antes da prova, também é interessante interromper a preparação. O máximo indicado é que você faça revisões neste período.

Afinal, o que você não aprendeu até a data, dificilmente vai apreender em tão pouco tempo. Dedique-se a hobbies e ao lazer, para que seu corpo descanse e se sinta mais relaxado para a seleção.

Agora você já sabe como estudar para concurso público do INSS. Dedique-se ao máximo, mas não exagere. Manter a sua saúde em dia vai, sem dúvida, ajudar no seu sucesso.

Comentar Dica

Para comentar esta dica é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!