O que é Prova de Títulos em Concursos Públicos?

Por Sumaia Santana em 08/04/2019

A Prova de Títulos (Avaliação de Títulos ou Análise Curricular) é figurinha carimbada dos concursos públicos. Você que acompanha o site Gabarite já se deparou com esse tipo de avaliação.

Existem certames que a Prova de Títulos substitui a Prova Objetiva. Vamos explicar o que é e como funciona a prova de títulos nesse artigo.

Entenda o que é a prova de títulos

A Prova de Títulos é a avaliação do currículo acadêmico e da experiência profissional do candidato.

Essa etapa é classificatória, ou seja, o candidato soma pontos e não sai prejudicado caso não tenha nenhum título que atenda os critérios apontados pela banca organizadora do concurso público.

Os títulos acadêmicos aceitos são os diplomas de graduação, pós-graduação, cursos de especialização, cursos profissionalizante, mestrado e doutorado em cursos como fisioterapia, direito, psicologia, pedagogia, entre outros.

Ainda sobre a escolaridade, são aceitos comprovantes de participação de seminários, simpósios e congressos.

No caso dos concursos públicos de Direito, comprovantes de produção e publicação de artigos e livros e trabalhos científicos também contam pontos.

A Prova de Títulos acontece até 10 depois da Prova Objetiva e a entrega é por meio de carta registrada com Aviso de Recebimento (AR), ou então, por meio de SEDEX.

Mas, também acontece do candidato ter que entregar os documentos no dia Prova Objetiva. Os títulos devem ser autenticadas em cartório e os que estiverem em outro idioma precisam ser traduzidos por um tradutor juramentado.

Eles devem ser anexados ao Formulário de Entrega de Títulos presente nos editais. No edital de abertura dos concursos sempre vem informações de como preencher o formulário de avaliação de títulos. Fique atento!

Como separar os títulos para aprovação?

Comece a separar os títulos assim que sair o edital do concurso público que interessar. Leia o edital atentamente para não deixar escapar nenhum detalhe.

Se você não entender algum ponto, entre em contato com os canais disponibilizados pela organizadora, geralmente telefone (de segunda-feira a sexta-feira) e e-mail.

Essa antecedência é importante porque alguns comprovantes devem ser redigidos e assinados por responsáveis pelo setor de RH de empresas e também porque usar serviços de cartório exige tempo.

E como já dissemos, a tradução dos títulos em outro idioma é aceita apenas se for feita por tradutor juramentado.



Comentar Dica

Para comentar esta dica é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!