Diplomata: Saiba o que faz e suas Atribuições

Publicado por Sumaia Santana em 22/05/2019

O trabalho do diplomata é representar o Brasil em outros países e em organizações internacionais de vários segmentos. Isso significa promover a cultura, valores, comércio e turismo para atrair investimentos para o país e promover e estreitar parcerias com outras nações.

Também faz parte das funções exercidas pelo diplomata orientar cidadãos brasileiros residentes no exterior em casos que envolvam catastófres ambientais, segurança e direitos humanos. O salário do diplomata é de R$12.962 (inicial) a R$18.478,00.

Um caso de ação diplomática recente foram os pedidos de clemência ao governo indonésio para não executarem a sentença de morte por tráfico de drogas para os brasileiros Marco Archer Cardoso Moreira e Rodrigo Muxfeldt Gularte.

As solicitações foram feitas pela então presidente Dilma Rousseff e pelo Ministério das Relações Exteriores. Com as duas negativas, os brasileiros foram executados.

Como se tornar um diplomata?

Para ser um diplomata é necessário ensino superior em qualquer área, e não apenas em Relações Internacionais como algumas pessoas imaginam.

O próximo passo é prestar o Concurso de Admissão à Carreira Diplomática para entrar no Itamaraty, órgão do Ministério das Relações Exteriores.

O processo seletivo acontece uma vez ao ano desde 1996 e é organizado pelo Cesp/UnB. Os aprovados no concurso fazem curso preparatório de um ano e meio no Instituto Rio Branco e estágio. Conheça agora as três etapas do CACD:

  1. Primeira Fase: Prova Objetiva de caráter eliminatório com questões de Língua Portuguesa, Língua Inglesa, História Brasileira e Mundial, Noções de Direito, Noções de Direito Internacional Público, Geografia e Noções de Economia;
  2. Segunda Fase: Prova Escrita de caráter eliminatória onde o candidato fará uma redação e duas atividades de interpretação textual. Na segunda fase há também uma redação, tradução de texto em inglês para o português, tradução de texto em português para inglês e tradução de um resumo em inglês. A segunda fase tem caráter eliminatório e classificatório;
  3. Terceira Fase: Provas Escritas de caráter eliminatório e classificatório de História do Brasil, Política Internacional, Noções de Direito, Noções de Direito Internacional Público, Geografia, Noções de Economia, Língua Espanhola e Língua Francesa.

O que estudar para concursos públicos?

O CACD 2019 foi confirmado pelo presidente Jair Bolsonaro durante a formatura de novos diplomatas. Mas, ainda não há informações sobre quando o edital será publicado. Enquanto o edital não é divulgado, você fica com nossas questões de concursos para Diplomata!