Senador: O que faz, quanto ganha e o que precisa para ser um?

Publicado por Sumaia Santana em 08/08/2019

O senador é um político eleito para ser a voz de um Estado ou do Distrito Federal. Ele também ficar de olho no trabalho realizado pelo governo e indicar nomes para ministérios.

Mas, estas são apenas algumas das funções desempenhadas pelo senador. Existem 81 cadeiras, sendo três senadores por estado e o tempo de mandato é de oito anos. Fique aqui para tirar suas dúvidas sobre o que faz um senador da república.

O que é um senador?

O senador é um político cuja função mais conhecida é defender os interesses de um Estado ou Distrito Federal. O senador permanece na função por oito anos e não há limite para reeleição.

Sendo assim, pode-se, literalmente, ficar a vida inteira no Senado. Um exemplo de senador que teve muitos mandatos foi Eduardo Suplicy que representou São Paulo por 24 anos.

Durante os oito anos de mandato, o senador tem por missão apresentar projetos de lei para levar investimentos de saúde, educação, segurança, obras de implantação e melhoria do saneamento básico, e tudo que melhorem a vida dos cidadãos do Estado que ele representa.

Tais propostas são levados à Câmara dos Deputados onde são aprovados ou rejeitados. Porém, a missão desse membro do Poder Legislativo é bem mais ampla.

O senador é quem fica na cola dos deputados para ver se eles estão cumprindo suas obrigações, fiscaliza os órgãos subordinados ao governo, apresentam, sugerem alterações e aprovam projetos de lei, aprovam ou recusam o orçamento público e, por fim, participam de sabatinas para escolha do Procurador Geral da República e presidentes do Banco do Central, STU (Supremo Tribunal da União) e STF (Supremo Tribunal Federal), além dos embaixadores e diplomatas.

Caso o presidente e seu vice, procurador-geral da República, ministros do STF e o advogado-geral da União cometam algum crime, é trabalho dos senadores processarem e julgarem.

Como você pode ver, o trabalho do senador é fundamental e exige muita consciência na hora da escolha.

O que precisa para ser senador?

Os requisitos para ser senador são ter nascido no Brasil ou ser naturalizado, ter no mínimo 35 anos, morar no Estado que ele pretende defender, ser filiado a um partido político e estar no exercício dos seus direitos políticos.

Mas, o senador é realmente importante?

Sim! Para você ter uma ideia, sem os senadores, os Estados com bancadas pequenas de deputados federais não poderiam participar das votações que já falamos quais são.

Desta forma, Estados com grande número de deputados, como São Paulo, por exemplo, que tem 70 ficariam com o papel de tomar decisões importantes.

Podemos comparar, de uma maneira bem simplista, a importância do senador com o trabalho desempenhado pelos membros do conselho de um prédio residencial.

Eles fiscalizam o mandato do síndico, verificam as finanças do condomínio e ficam em cima para ver se o dinheiro é realmente usado para a finalidade indicada.

Quanto ganha um senador?

O salário do senador é de R$33.763,00. Além disso, há ainda benefícios como auxílio viagem, verba de gabinete e apartamento funcional, ou então, auxílio moradia de no máximo R$5.500.

Levando em consideração apenas a remuneração, os senadores ao lado dos deputados são os políticos mais bem pagos no mundo.

No levantamento feito pela revista The Economist os super salários destes políticos brasileiros, colocam o Brasil na 5ª colocação num total de 29 países analisados.

E se o senador for afastado do cargo?

Aí quem assume é o seu suplente. Um senador pode ter até dois suplentes. Quando o senador registra sua candidatura precisa ter os nomes dos seus substitutos.

Os “vice senadores” assumem assim que o titular se ausentar do cargo, independentemente do motivo. Contudo, se o senador sair por conta de candidatura à prefeitura, por exemplo, e perde, ele volta ao seu posto de senador para completar o seu mandato.

Por que o mandato do senador é de oito anos?

A escolha dos senadores é feita a cada quatro anos, mas, alternadamente. A eleição para senador funciona assim: em um pleito, é escolhido um  grupo de um terço de senadores.

Nesta primeira etapa de renovação do Senado é eleito um senador por Estado. Quatro anos depois são um grupo de dois terços de senadores. Nesta segunda etapa, cada Estado elege dois senadores.

Você pode testar os seus conhecimentos sobre esse tema usando nossos simulados. É totalmente online e gratuito. Treine quantas vezes quiser! Acesse os Simulados Gabarite.

Comentar Dica

Para comentar esta dica é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!