← Mais dicas

Quem é o Coordenador Pedagógico? Funções, desafios, rotina e prática

Por Luana Caroline em 31/10/2020 12:58:46 | Pedagogia, Educação Escolar, Professor

O coordenador pedagógico é um dos profissionais que compõem o quadro funcional no âmbito das instituições de ensino. Saiba qual é o perfil desse profissional: Funções, desafios, rotina e prática.


Coordenador pedagógico? Funções, desafios, rotina e prática
Coordenador pedagógico? Funções, desafios, rotina e prática.

São muitas as pessoas que estão envolvidas na educação, e uma delas é o coordenador pedagógico.

Nem sempre as funções deste profissional ficam bem definidas na prática cotidiana das escolas, sendo que muitas vezes acabam desempenhando atividades que são incumbência de outras pessoas.

Por isso, é importante conhecer este perfil profissional e suas principais funções na escola.

Quem é o coordenador pedagógico?

O coordenador pedagógico é um dos profissionais que compõem o quadro funcional no âmbito das instituições de ensino.

O coordenador pedagógico é o responsável pela orientação do trabalho coletivo dos demais profissionais da educação, realizando a conexão entre estes e possibilitando que as atividades na escola fluam de maneira satisfatória.

O coordenador pedagógico tem um papel fundamental na escola. Dele derivam ideias e nativas para que os processos educativos se estabelecem na prática.

Desde a instituição da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDB (Lei 9394/1996), o perfil do coordenador mudou bastante.

Se antes ele era o responsável por controlar e fiscalizar as ocorrências na escola, agora suas funções são essenciais para a fluidez das dinâmicas escolares.

O coordenador pedagógico é um articulador entres os vários sujeitos envolvidos na educação, como a rede de ensino (que pode ser municipal, estadual, particular), os professores e servidores do ambiente escolar, famílias e alunos.

As ações do coordenador pedagógico visam concretizar os objetivos propostos para a educação, envolvendo todos os sujeitos neste processo.  

Quais são as funções do coordenador pedagógico?

As principais atribuições de um coordenador pedagógico são:

  • Coordenar as esferas que estão envolvidas com o funcionamento pedagógico das instituições de ensino;
  • Tomar a liderança na construção dos documentos escolares, como é o caso do Projeto Político Pedagógico (PPP), bem como monitorar se as ações propostas estão sendo efetivadas;
  • Viabilizar e garantir a manutenção dos materiais e recursos necessários para as aulas e demais atividades pedagógicas;
  • Promover reuniões e debates para manutenção do diálogo sobre as dinâmicas na escola, seja entre os profissionais da educação ou com familiares e comunidade;
  • Supervisionar e orientar as práticas pedagógicas, tendo em vista alcançar os objetivos propostos coletivamente;
  • Auxiliar, ou buscar auxílio, quando existem problemas em alguma das esferas envolvidas na educação (alunos, famílias, professores);
  • Promover ações de formação continuada dos professores e servidores da educação;
  • Realizar a aproximação com famílias e comunidade sempre que necessário, buscando melhorias para a educação dos alunos.

Estas são algumas das funções desenvolvidas pelos coordenadores pedagógicos.

Nem sempre na prática estas funções são plenamente desempenhadas por estes profissionais, e em muitos casos eles acabam tendo ainda outras atribuições.

Desafios na função de coordenador pedagógico

Existem desafios na função de coordenador pedagógico, os quais abarcam principalmente os desvios de sua atuação. Isso porque em muitos casos o coordenador pedagógico acaba desempenhando papeis que não lhe cabem.

O perfil do coordenador pedagógico abrange três pilares que são ser um formador, um articulador e um transformador no ambiente escolar.

No entanto, é comum que nesta função surjam dificuldades em vários aspectos e que acabem sobrecarregando o coordenador com outras responsabilidades.

Em muitos casos é o coordenador quem precisa resolver questões entre professores e alunos, intermediar a relação entre professores e famílias, bem como da rede de ensino com os profissionais da escola.

Nem sempre estas atividades são simples. Os problemas que abrangem a família dos alunos, por exemplo, acabam sempre chegando aos coordenadores.

A questão burocrática do ensino, como documentos exigidos pela rede, acaba sendo direcionada ao coordenador. Isso sem falar nas vezes em que o coordenador precisa substituir professores em sala de aula, mesmo que não seja sua área de formação.

Assim, é muito comum ver coordenadores pedagógicos que acabam exercendo múltiplas funções no ambiente escolar. Isso faz com que não consigam desempenhar adequadamente as atribuições próprias de sua função.

Foto de perfil Luana Caroline
Por Luana Caroline em 31/10/2020 12:58:46
Professora de Geografia
Mestra em Geografia (2014), Especialista em Neuropedagogia (2013), Especialista em Educação Profissional e Tecnológica (2018) e Graduada em Licenciatura em Geografia (2011).

Deixe seu comentário (0)

Seja o primeiro a comentar!