← Mais dicas

Como ser Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal?

Descubra como se candidatar às vagas de Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal e confira quais são os principais assuntos que costumam ser abordados na prova de seleção.


Como ser Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal?
Como ser Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal?.

Aqui você descobrirá como ser Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal, como se candidatar e também o que estudar para se preparar para ter o primeiro emprego em um dos mais tradicionais bancos brasileiros.

O que é ser Jovem Aprendiz?

Jovem Aprendiz é o trabalhador de 14 a 24 anos que, por meio do Programa Aprendiz Legal tem sua primeira experiência profissional.

Essa forma de contratação mescla atividades práticas da empresa onde o jovem trabalha com formação teórica para o desenvolvimento profissional e social.

A lei que regulamenta a aprendizagem é a Lei nº10.097/2000 estabelece que as empresas de médio e grande porte podem ter de 5% a 15% de aprendizes em seu quadro de funcionários.

A carga horária do aprendiz é de 4 horas (ensino fundamental) a 6 horas (ensino médio). Em hipótese alguma o jovem pode trabalhar à noite e de madrugada. 

O contrato do Jovem Aprendiz tem duração máxima de dois anos com registro na carteira profissional.

Durante esse período ele recebe o salário mínimo vigente, 13ª salário, recolhimento do FGTS, férias (de preferência conciliando com as férias escolares) e vale-transporte. 

Por que ser aprendiz na Caixa Econômica Federal?

Fundado por Dom Pedro II em 12 janeiro de 1861, com o nome de Caixa Econômica da Corte, a Caixa Econômica Federal é um dos bancos mais tradicionais do Brasil e surgiu com o propósito de incentivar as pessoas a guardarem dinheiro por meio de sua caderneta de poupança. 

A Caixa é o maior banco público da América Latina e tem como missão “atuar na promoção da cidadania e do desenvolvimento sustentável do país, como instituição financeira, agente de políticas públicas e parceira estratégica do Estado brasileiro”. 

Dentro desse conceito de atuar na promoção da cidadania, a Caixa criou um programa destinado à contratação de aprendizes chamado Programa Adolescente Aprendiz.

Eles são portas de entrada para uma carreira de sucesso no banco, com possibilidade de chegar a cargos de alto escalão. 

Como é o programa de Jovem Aprendiz na Caixa?

A contratação de aprendizes acontece com a parceria de Entidades Sem Fins lucrativos, conforme a legislação vigente.

O programa capacita o adolescente para o trabalho administrativo e bancário, promove a inclusão social, além de fomentar valores éticos para o crescimento como profissional e cidadão.

Confira os detalhes do programa de aprendizagem da Caixa Econômica Federal:

Programa Jovem Aprendiz

  • Para ingressar é preciso ter de 15 anos completos a 17 anos completos;
  • Escolaridade mínima é o 9º ano do Ensino Fundamental ou o equivalente do EJA (Educação de Jovens e Adultos);
  • A renda familiar per capta deve ser de no máximo 50%;
  • Remuneração do aprendiz na Caixa é de R$954,00 mensais;
  • Auxílio-alimentação;
  • Vale-transporte;
  • Férias;
  • FGTS 2% (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).

Como se candidatar às vagas de Jovem Aprendiz na Caixa?

Atenção: O site do banco informa que contrata somente Adolescentes Aprendizes com idade inferior a 18 anos e que divulgação das vagas e contratação ocorre somente das chamadas Entidades Sem Fins Lucrativos, e que vagas anunciadas no Facebook, Instagram, no WhatsApp e também em sites de empregos são falsas.

Veja como se candidatar para Jovem Aprendiz na Caixa Econômica Federal:

CIEE (Centro de Integração Empresa Escola)

O CIEE é a entidade que divulga as vagas em quase todo o Brasil. Veja quais são os endereços do CIEE em cada Estado. 

No Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, São Paulo, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins a candidatura deve ser feita no site www.ciee.org.br.

Os endereços do site do CIEE nas demais localidades são:

Outra entidade que divulga as vagas de aprendizagem na Caixa Econômica é a Rede Pró Aprendiz.

Ela atende o Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

O que estudar para a prova de Jovem Aprendiz da Caixa?

Na prova há conteúdos de Língua Portuguesa, Matemática, História e Geografia. Geralmente, os assuntos abordados são os seguintes: 

  • Língua Portuguesa: Ortografia, Acentuação, Concordância nominal e verbal, Regência nominal e verbal, Pronomes, Tempos e modos verbais, Interpretação e Redação;
  • Matemática: Operações com números inteiros e racionais, Razão e Proporção, Porcentagem, Equação de 1º grau, Sistema métrico e Raciocínio Lógico;
  • História: Tópicos sobre Descoberta do Brasil até a Redemocratização;
  • Geografia: Espaço geográfico, Cartografia, Hidrografia, Relevo, Clima, Globalização.
Foto de perfil Sumaia Santana
Por Sumaia Santana em 29/04/2021 15:34:19
Redatora Web
Redatora freelancer com conhecimentos em SEO para produção de textos. Experiência na criação de artigos sobre concursos públicos, saúde física e mental, alimentação, autoconhecimento, seguros, locação de imóveis, construção/reforma e materiais de construção.

Deixe seu comentário (0)

Seja o primeiro a comentar!