IDECAN divulga gabarito do concurso do IFRR 2019. Confira!

IDECAN, banca que organiza o certame, divulgará o gabarito preliminar no dia 14 de janeiro de 2020. A previsão é que o resultado final do concurso seja divulgado em maio.

Publicado por Dinake Núbia em 15/12/2019 às 08:49:02

IDECAN divulga gabarito do concurso do IFRR 2019. Confira!

Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas do concurso do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima (IFRR) serão divulgados no dia 14 de janeiro de 2020. 

Os gabaritos provisórios serão disponibilizados diretamente no site do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (IDECAN). Consulte o gabarito aqui.

O concurso público para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima (IFRR) é voltado para o preenchimento de cargos de Técnico-Administrativo em Educação. 

Os salários variam de R$ 1.945,07 a R$ 4.180,67, conforme classe escolhida.

Recursos contra o gabarito da prova

Para interpor recursos, os candidatos disporão de dois dias úteis, a partir do dia subsequente ao da divulgação, sendo os dias 15 e 16 de janeiro, em requerimento próprio disponibilizado no endereço eletrônico Idecan.

A interposição de recursos deverá ser feita via Internet, por meio do Sistema Eletrônico de Interposição de Recursos, com acesso pelo candidato, com o fornecimento de dados referentes à sua inscrição.

O recurso deverá ser feito de forma individual, devidamente fundamentado, comprovando as alegações com citações de artigos, de legislação, itens, páginas de livros, nomes dos autores etc., e, ainda, a exposição de motivos e argumentos com fundamentações circunstanciadas.

O candidato deve ser claro, consistente e objetivo em seu pleito.

Os recursos julgados serão divulgados no site do Idecan, podendo ser acessado individualmente pelo recorrente, através de sua área virtual de candidato.

Serão indeferidos os recursos: 

  • cujo teor desrespeite a Banca Examinadora e/ou a Comissão Organizadora; 
  • que estejam em desacordo com as especificações contidas neste capítulo; 
  • cuja fundamentação não corresponda à questão recorrida; 
  • sem fundamentação e/ou com fundamentação inconsistente, incoerente ou os intempestivos; 
  • com dados incompletos. 

Após análise, se houver anulação de questão, a pontuação correspondente a esse item será atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem recorrido.

Se houver alteração, por força de impugnações, de gabarito oficial preliminar de item integrante de provas, essa alteração valerá para todos os candidatos.

Caso aconteça as mudanças, a prova será corrigida conforme gabarito oficial definitivo, previsto para ser divulgado no dia 6 de março de 2020. 

Saiba mais: Como elaborar um recurso contra gabarito de concurso? Veja um modelo!

Classificação final no concurso público

Os candidatos aprovados na prova objetiva e na prova de títulos serão classificados em ordem decrescente, de acordo com a soma obtida entre a nota da prova objetiva, somada à nota da prova de títulos.

Serão considerados aprovados, os candidatos que obtiver nota final igual ou superior a 55 pontos.

Na classificação final, em caso de empate entre dois ou mais candidatos, terá preferência, para efeito de desempate, o candidato que: 

  • tiver idade igual ou superior a 60 anos;
  • obtiver maior nota na Prova Objetiva, área de Conhecimentos Específicos; obtiver maior nota na Prova de Desempenho Didático;
  • candidato que obtiver maior nota em Língua Portuguesa; 
  • obtiver maior número de pontos na Prova de Títulos;
  • tiver maior idade, considerando dia, mês, ano e, se necessário, hora e minuto do nascimento.

Aprovação e convocação para nomeação

Os candidatos aprovados serão convocados obedecendo à ordem classificatória por cargo/especialidade, observado o preenchimento das vagas existentes no IFRR.

A convocação será feita por meio de edital, publicado no site do Idecan, obrigando-se a declarar, por escrito, no prazo de até três dias úteis, se aceita ou não o cargo.

Caso não, será automaticamente excluído do certame. 

Se aceitar o cargo, o candidato deverá atender, cumulativamente, para investidura no cargo, aos seguintes requisitos: 

  • ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos;
  • ter idade mínima de 18 anos completos; 
  • estar em pleno gozo dos direitos políticos; 
  • estar quite com as obrigações eleitorais e, em caso de candidato do sexo masculino, também com as militares;
  • firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal; 
  • possuir os requisitos exigidos para o cargo; 
  • apresentar outros documentos que vierem a ser exigidos; 
  • ser considerado apto em todos os exames médicos pré-admissionais, devendo o candidato apresentar os exames clínicos e laboratoriais solicitados, os quais correrão às suas expensas;
  • não acumular cargos, empregos ou funções públicas; 
  • não receber proventos de aposentadoria que caracterize acumulação ilícita de cargos;
  • apresentar declaração de que não sofreu, no exercício de função ou cargo público, penalidade incompatível com a nova investidura em cargo público. 

Lembrando que você pode testar seus conhecimentos sobre vários assuntos usando nossos simulados. É totalmente online e gratuito. Treine quantas vezes quiser! Acesse os Simulados Gabarite.