Concurso do IBGE é adiado para 2021 devido pandemia do coronavírus

O novo concurso do IBGE será realizado em 2021 devido pandemia do coronavírus. Mas, e se você já efetuou a inscrição e fez o pagamento? Veja como proceder.

Publicado por Dinake Núbia em 18/03/2020 às 16:04:57

Concurso do IBGE é adiado para 2021 devido pandemia do coronavírus

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) adiou para 2021 a realização do concurso público para o Censo Demográfico de 2020.

O motivo é a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que não permite a preparação dos trabalhadores em tempo hábil. 

No total, cerca de 200 mil trabalhadores temporários seriam contratados para fazer levantamento censitário em todos os lares do Brasil e as atividades estavam previstas para começar no dia 1º de agosto deste ano.

As provas seriam aplicadas no mês de maio. 

Entretanto, o IBGE avaliou e definiu que não é possível realizar todos os treinamentos, visto que a primeira etapa estava prevista para o mês de abril e seguiria até julho.

Atualmente, o mundo está em crise com a nova pandemia do coronavírus, que já afetou 291 brasileiros e outros 8.819 casos são suspeitos. 

Com a suspensão, o novo concurso será realizado em 2021 e o levantamento censitário terá início no dia 1º de agosto, com duração de três meses.

Conforme estabelecido com o Ministério da Saúde, o orçamento de R$ 2,3 bilhões será realocado para aplicação em medidas de enfrentamento ao novo coronavírus. 

Já fiz o pagamento, e agora? 

O concurso foi adiado e você já fez o pagamento da taxa de inscrição? Saiba como proceder. 

As inscrições para o concurso estavam previstas para terminar no próximo dia 24 de março, mas, devido cancelamento do Censo, elas foram suspensas. 

De acordo com uma nota divulgada pelo IBGE, nesta terça-feira (17/3), o órgão publicará nos próximos dias as orientações para o reembolso das taxas de inscrições que já foram pagas. 

Entretanto, a medida adotada deve ser a mesma de 2016, no Censo Agro, quando o candidato teve que comparecer pessoalmente em uma Agência do Banco do Brasil, munido de documentos pessoais originais (Identidade e CPF), e fazer o saque do dinheiro. 

Com o adiamento do concurso para 2021, todas as inscrições realizadas serão canceladas e todas as taxas de inscrições serão devolvidas aos candidatos que já efetuaram o pagamento. 

Em 1990, o Censo Demográfico, que é feito de 10 em 10 anos, também foi adiado. O motivo foi que Fernando Collor, então presidente, não autorizou a contratação de 180 mil pessoas em tempo hábil. Diante disso, o censo foi realizado em 1991. 

Agora, o novo cancelamento é em razão da pandemia do novo coronavírus, que adiou o Censo Demográfico para 2021, entre os dias 1º de agosto e 31 de outubro. 

O certame prevê a vagas para recenseador e agente censitário. No total, são 208.695 mil vagas em caráter temporário. As oportunidades estão distribuídas em 5.569 municípios do Brasil.

Pnad Contínua é suspensa

Também nesta terça-feira (17/3), o IBGE informou que as visitas domiciliares da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) também foram suspensas. 

Por meio de nota, o IBGE afirmou que está estudando alternativas para realizar a pesquisa, mas sem a necessidade de visitas domiciliares, considerando o quadro de emergência da saúde pública.

Lembrando que você pode testar seus conhecimentos sobre vários assuntos usando nossos simulados. É totalmente online e gratuito. Treine quantas vezes quiser! Acesse os Simulados Gabarite.