Enem 2020: Inep divulga mudanças nos editais

Dinake Núbia em 27/04/2020 às 14:27:57 Comunicar erro!

Entre as mudanças está o prazo para solicitação de isenção da inscrição e também a data de aplicação das provas do Enem digital 2020.

Enem 2020: Inep divulga mudanças nos editais

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou nesta quarta-feira (22/4) as mudanças feitas nos editais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2020), que conta com as modalidades impressa e digital.

Conforme informações, nos dois editais agora constam a possibilidade de pedir a isenção da taxa no momento da inscrição.

A medida já havia sido comunicada na semana passada, mas foi oficializada somente nesta quarta-feira (22/4), no Diário Oficial da União.

O objetivo da mudança é não prejudicar estudantes de baixa renda, que muitas vezes tem dificuldade no acesso à internet e, com o fechamento de escolas e bibliotecas devido a pandemia do coronavírus, este acesso está ainda mais dificultoso.

O pedido de isenção também se aplica aos estudantes que não realizaram as provas em 2019 e não justificaram ausência. Confira abaixo todos os casos em que os estudantes podem solicitar isenção da taxa de inscrição:

  • Estar cursando a última série do ensino médio no ano de 2020, em qualquer modalidade de ensino, na escola da rede pública declarada ao Censo da Educação Básica;
  • Ter cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada; e ter renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio;
  • Declarar estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por ser membro de família de baixa renda e que esteja inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com renda familiar per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Aplicação das provas do Enem 2020

Conforme previsto no edital, o candidato pode se inscrever apenas para uma das modalidades, ou no impresso ou no digital. Apenas uma opção será validada no momento da inscrição.

Além da mudança nos pedidos de isenção, a data de aplicação da Enem 2020 digital também foi adiada e agora está prevista para os dias 22 e 29 de novembro. Entretanto, a data para o Enem 2020 impresso segue mantida para os dias 1º e 8 de novembro.

Conforme as últimas mudanças realizadas nos últimos anos no Enem, as provas acontecem em dois domingos consecutivos.

Outra medida anunciada foi a alteração de cidades que receberão as provas digitais, que passam de 15 capitais para todas as 27 unidades da Federação.

No total, 110 cidades devem receber o novo modelo de aplicação. Entretanto, só poderão fazer o Enem digital os estudantes que concluíram ou concluem o ensino médio em 2020.

O Enem 2020 digital será aplicado em locais autorizados pelo Inep. O participante deverá comparecer ao local de prova determinado para realizar o Exame e não será possível fazer a prova em computador particular.

No primeiro dia do Exame serão aplicadas as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Ciências Humanas e suas Tecnologias.

A aplicação terá 5 horas e 30 minutos de duração. O participante somente deverá responder às questões da prova de Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol) escolhida na inscrição.

No segundo dia serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias.

A aplicação terá 5 horas de duração, contadas a partir da autorização do aplicador para o início das provas. A dinâmica de aplicação é a mesma para as duas modalidades.

Confira aqui os editais para saber mais informações!