Questões de Concursos - História do Brasil - Exercícios com Gabarito

Questões de Concursos Públicos - História do Brasil - com Gabarito. Exercícios com Perguntas e Respostas, Resolvidas e Comentadas. Acesse Grátis!


A “Nova República” representa uma nova fase da história política brasileira, marcada pela confiança da sociedade em restabelecer a democracia plena e recuperar a economia e o padrão de vida dos brasileiros. Em 1989, vários candidatos concorreram nas primeiras eleições diretas para a Presidência da República, após os anos de ditadura militar, sendo eleito Presidente:
O que é desenvolvimento sustentável?
O futuro das florestas brasileiras encontra-se ameaçado. Além da extração ilegal de madeira e das queimadas, a agricultura, a pecuária e a urbanização se aceleraram e devoram a Amazônia pelas bordas. A mais recente ameaça está na monocultura:
Entre os vários problemas ambientais em evidência, um dos mais graves é a poluição do ar provocada pelo lançamento do dióxido de carbono-CO2 na atmosfera. Esse gás tão poluidor NÃO é proveniente do(a):
Antes da segunda Guerra Mundial a economia brasileira baseava-se na produção de produtos agrícolas. Com a guerra, várias medidas visando o desenvolvimento econômico foram tomadas, entre as quais:
“Vargas seria veiculado junto aos jovens e às crianças como um ser superior – estratégia usada pelas políticas de culto à personalidade. Por isso mesmo, foi durante o Estado Novo que se construiu definitivamente o mito Vargas, fruto do carisma do presidente, mas também da eficiente máquina de propaganda existente.” (D"ARAUJO,MariaCelina.O Estado Novo .Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2000, p. 36).

Com relação à cultura, à educação e à propaganda no Estado Novo, é correto afirmar que:
“Nesse sentido, discordamos de uma explicação baseada num só fator – que consideramos, entretanto, muito importante – e sugerimos questionar a estabilidade em torno de três temas fundamentais: o papel dos partidos políticos (especificamente a aliança PSD/PTB); o papel das Forças Armadas (notadamente o Exército, sob a chefia do General Lott) e o papel do Executivo, através de sua política econômica-administrativa.” (BENEVIDES, Maria Victoria de Mesquita. O governo Kubitschek – Desenvolvimento e Estabilidade política . Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1976. p. 26).

Com relação à política econômica de Juscelino Kubitschek, é correto afirmar que:
“Na noite de 24 para 25 de janeiro de 1835, um grupo de escravos de origem africana, adeptos do Islã, saiu às ruas de Salvador e, durante mais de três horas, enfrentou tropas da cavalaria e milícias. Centenas de escravos e libertos participaram, cerca de setenta morreram e mais de quinhentos foram punidos com penas de morte, prisão, açoites e deportação.” (A Construção do Brasil . In: Revista Nossa História. São Paulo: Editora VeraCruz, 2006. p. 79).

O episódio ficou conhecido como:
“Portugal nunca se conformou com o decréscimo da produção aurífera, atribuindo a queda da arrecadação do quinto ao extravio e ao contrabando. Para os colonos mineiros, a percepção da pobreza e da dependência da Metrópole foi crescendo lentamente, até atingir uma verdadeira tomada de consciência, expressa na Inconfidência.” (BARROS, Edgar Luiz de. Os Sonhadores de Vila Rica . São Paulo: Atual, 1989. p. 22).

Com relação à Inconfidência Mineira, é correto afirmar que:
A produção de açúcar no período colonial voltava-se efetivamente para a exportação e, por gerar vultosos lucros, comandava a economia. A escolha do açúcar como solução para desenvolver a colonização portuguesa no Brasil pode ser explicada pelo fato de que: