← Início

Questões de Concursos - Endocrinologia - Exercícios com Gabarito

Questões de Concursos Públicos - Endocrinologia - com Gabarito. Exercícios com Perguntas e Respostas, Resolvidas e Comentadas. Acesse Grátis!


Não é/São características nucleares encontradas em citologia de punção aspirativa por agulha fina de carcinomas papilíferos da tireóide
Considere os dois quadros clínicos abaixo, ocasionados por efeito adverso de medicamentos utilizados em diabetes tipo 2.

Quadro I: fraqueza, ataxia, Hb: 8,5 g/dL, VCM: 120 fL, aumento de DHL e do índice de segmentação de neutrófilos.
Quadro II : dor abdominal e lipase elevada. Nódulo tireoideano cuja punção aspirativa sugere carcinoma.

Das abaixo, as drogas mais prováveis são, respectivamente,

Uma mulher com índice de massa corporal de 28 kg/m2 apresenta glicemias em torno de 135 mg/dL repetidas vezes. Seu médico prescreve exercícios físicos, dieta hipo- calórica e um hipoglicemiante com menor risco de hipoglicemia e que não induz ganho de peso. Ele deve ter prescrito

Na síndrome de Cushing a produção excessiva de cortisol pela adrenal é causada, na maioria das vezes, por

Em um paciente com hipotireoidismo secundário, em decorrência de doença da hipófise anterior, espera-se encontrar

Homem, 64 anos, comparece ao ambulatório para acompanhamento periódico do diabetes. Refere que fazia uso de metformina 1000 mg 2x ao dia e glibenclamida 5 mg 3x ao dia, mas, há 2 anos, a glibenclamida foi suspensa e iniciada insulina glargina. No momento está usando 30 unidades de glargina à noite. No entanto, tem levantado até duas vezes por noite com episódios de hipoglicemia. Durante o dia, a glicemia varia entre 150 a 200 mg/dL. A hemoglobina glicada colhida há dois dias é 7,6%.

A conduta mais apropriada neste momento é
A hipercalemia é o distúrbio eletrolítico mais grave na insuficiência renal. A forma mais rápida de avaliação deste quadro é por intermédio do eletrocardiograma, que poderá mostrar, EXCETO  
O achado de células foliculares tireoidianas com transformação oxifílica associadas a linfócitos em diferentes estágios de maturação, em proporções semelhantes, favorece o diagnóstico, de acordo com The Bethesda System for Reporting Thyroid Cytopathology, 2018, de
Mulher, 69 anos, refere história recente de ganho de peso, sonolência diurna, intolerância ao frio, perda de memória e dores musculares. É hipertensa e dislipidêmica e faz uso de losartana e atorvastatina. Na avaliação clínica, apresenta-se em bom estado geral, bradicárdica, com pele fria e seca, cabelos secos e frágeis, e hiporreflexia tendinosa.

Na avaliação diagnóstica complementar com exames subsidiários, é mais provável que se encontre(m)
Mulher, 65 anos, apresenta fadiga, intolerância ao frio, ganho de peso, depressão, menorragia, rouquidão, pele seca e áspera, bradicardia e reflexos tendinosos profundos lentos.

Assinale a alternativa que apresenta as alterações laboratoriais que mais provavelmente serão encontradas.