Questões de Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA para Concursos

Resolva Questões de Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA para Concursos Grátis. Exercícios com Perguntas e Respostas. Provas Online com Gabarito.

  • 1 - Questão 53932.   Veterinária - Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA - Nível Superior - Veterinário - EMATERCE - CETREDE - 2018
  • O aproveitamento de matéria orgânica dos abatedouros para alimentação animal traz inúmeros benefícios para a empresa, para o meio ambiente ou para a saúde pública. Para obtenção de farinhas, como farinha de carne e osso, esse material deverá ser processado na graxaria. Indique qual alternativa descreve a sequência CORRETA da elaboração desse subproduto não comestível.
  • 2 - Questão 53933.   Veterinária - Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA - Nível Superior - Veterinário - EMATERCE - CETREDE - 2018
  • Uma característica bastante singular dos ruminantes é a eficiente capacidade de converter os ácidos graxos insaturados que compõem as gorduras vegetais em gorduras saturadas, as quais são depositadas nos diversos tecidos corporais. Algumas raças de animais, entre as quais se destaca o gado Wagyu, são especialistas em depositar essa gordura no músculo Longissimus dorsi, e essa característica e conhecida como
  • 3 - Questão 53934.   Veterinária - Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA - Nível Superior - Veterinário - EMATERCE - CETREDE - 2018
  • Entre as operações de abate de suínos, consta o descanso ante mortem que tem por finalidade reduzir o estresse e, consequentemente, aumentar as reservas de glicogênio para produção de ácido lático pós mortem. Para essa espécie sabe-se que o rápido abaixamento do pH antes do resfriamento da carne pode provocar uma alteração conhecida como 
  • 4 - Questão 53931.   Veterinária - Tecnologia de Produtos de Origem Animal TPOA - Nível Superior - Veterinário - EMATERCE - CETREDE - 2018
  • O Programa Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (APPCC) é um sistema de gestão cujo objetivo é detectar riscos para providenciar os respectivos controles e assim tentar promover a maior segurança sanitária possível para o alimento. O APPCC pode trabalhar em sintonia com outros programas de gerenciamento, não sendo compatível o programa alínea