Questões de Concursos Web Designer

Resolva Questões de Concursos Web Designer Grátis. Exercícios com Perguntas e Respostas. Provas Online com Gabarito.

  • 2 - Q48181.   Direito Constitucional - Nível Médio - Web Designer - MEC - CESPE - 2015
  • Acerca de direitos e garantias fundamentais e de aplicabilidade das normas constitucionais, julgue o item a seguir.
     
    Em virtude do princípio da aplicabilidade imediata das normas definidoras dos direitos e das garantias fundamentais, tais normas podem ser de eficácia plena ou contida, mas não serão de eficácia limitada.
  • 3 - Q48153.   Artes Gráficas - Nível Médio - Web Designer - MEC - CESPE - 2015
  • O uso dos computadores alterou radicalmente os processos de criação e elaboração de imagens a partir dos anos 90 do século passado. Antes, o designer gráfico trabalhava com tinta, papel, pincéis, filme fotográfico, régua, esquadro e prancheta. O computador pessoal reuniu digitalmente todo esse material, transformando o artista-criador também em arte-finalista e, de certa forma, em uma espécie de técnico de informática. Fotos, ilustrações e texto passaram a ter um modo diferenciado de tratamento. O computador proporcionou também acesso direto ao design audiovisual e à animação.
    A partir dessas informações, julgue o próximo item.
     
    GIF animado é um arquivo GIF que inclui múltiplas imagens, ou quadros, que são apresentados sequencialmente quando aberto em um navegador da Web, resultando em um filme animado.
  • 4 - Q48193.   Informática - Nível Médio - Web Designer - MEC - CESPE - 2015
  • A GNU GPL (GNU General Public License) estabelece basicamente quatro pilares básicos do software livre. Considerando esses quatro fundamentos para software livre, julgue o próximo item.
     
    A GNU GPL estabelece como fundamento que um software livre deve permitir o estudo de como o programa funciona, mas não é permitido fazer alteração no código-fonte desse programa.
  • 5 - Q24236.   Português - Nível Médio - Web Designer - CFP - QUADRIX - 2012
  • Distúrbios que afetam as lembranças

    Conheça as doenças mais comuns que levam à perda da memória

    09 de maio de 2012

    Mal de Alzheimer

         Comum em idosos, a doença se caracteriza pela incapacidade do paciente de se lembrar de eventos recentes - a degeneração da memória a curto prazo. O mal de Alzheimer piora com o tempo, e sintomas nos estágios mais avançados incluem a debilitação de habilidades cognitivas e de linguagem, instabilidade emocional e até perda de memória a longo prazo.
         A doença ainda não tem cura, mas o tratamento - à base de medicações e reabilitação neuropsicológica - permite retardar a degeneração e reduzir os sintomas.
    Manter o cérebro "trabalhando" durante todas as fases da vida é a melhor forma de evitar o Alzheimer, de acordo com o neurologista Erich Fonoff, do Hospital Sírio-Libanês.

    Amnésia

         Ocorre quando o cérebro perde a capacidade de processar e armazenar informações obtidas a curto ou longo prazo, seja por causa do mau funcionamento das células nervosas, seja devido a um trauma psicológico que inibe as lembranças. O distúrbio pode se aplicar às memórias adquiridas antes ou depois do evento causador - geralmente um traumatismo craniano, um tumor cerebral, uso indevido de medicações ou deficiência de vitamina B.
         A perda da memória pode ser transitória ou permanente. No primeiro caso, o paciente perde a noção de quem é, o que faz, o que aconteceu, mas aos poucos - ou até imediatamente - retoma as lembranças.
    No segundo, mais comum em casos pós-traumáticos, os efeitos são irreversíveis. O tratamento, quando possível e se necessário, é feito com base na psicoterapia.

    Síndrome de Korsakoff

         É um tipo específico de amnésia, relacionado ao déficit crônico de vitamina Bl, comum em alcoólatras.
    Ocorre uma lesão no hipotálamo, uma pequena região na parte inferior do cérebro fundamental para a aquisição de novas memórias. O paciente sofre um déficit cognitivo irreversível e torna-se incapaz de
    adquirir e armazenar novas informações. É uma síndrome bastante rara e, até agora, não tem cura.

    (www.estadao.com.br)
  • Sobre a palavra "seja", em destaque no texto, no contexto em que aparece, pode-se afirmar corretamente que.
  • 6 - Q24243.   Raciocínio Lógico - Nível Médio - Web Designer - CFP - QUADRIX - 2012
  • Considere as afirmações a seguir

    I. O quadrado da hipotenusa é igual à soma dos quadrados dos catetos.
    II. Coma bem devagar.
    III.Se você comer devagar, então ficará mais satisfeito.
    IV. A soma dos ângulos internos de um triângulo é igual a 180°.
    V.Já!

    Dentre as cinco afirmações, quantas delas são proposições?
  • 8 - Q48176.   Artes Gráficas - Design Gráfico - Nível Médio - Web Designer - MEC - CESPE - 2015
  • World Wide Web Consortium (W3C) é a principal organização de padronização da World Wide Web. É dever de todo desenvolvedor Web respeitar e seguir os padrões de acessibilidade do W3C, já que, de outro modo, poderá impor barreiras tecnológicas a diversas pessoas, desestimulando e até mesmo impedindo o acesso a suas páginas. Acessibilidade é um conceito de inclusão que afeta diretamente o desenvolvimento de sistemas e aplicativos de navegação digital, incluindo o design visual e interativo.
    Considerando essas informações, julgue o item subsecutivo, relacionado à acessibilidade na Internet.
     
    O formato gráfico recomendado pelo W3C para imagens rasterizadas (pixel) é o JPG.
  • 9 - Q48207.   Redação Oficial - Nível Médio - Web Designer - MEC - CESPE - 2015
  • À luz do disposto no Manual de Redação da Presidência da República a respeito da redação de correspondências oficiais, julgue o item que se segue.
     
    Deve-se empregar o vocativo Excelentíssimo Senhor, seguido do cargo, em documentos destinados a chefes de Poder, ao passo que se deve empregar o vocativo Senhor, sem especificação do cargo, em documentos destinados a demais autoridades.
  • 10 - Q24234.   Português - Nível Médio - Web Designer - CFP - QUADRIX - 2012
  • Distúrbios que afetam as lembranças

    Conheça as doenças mais comuns que levam à perda da memória

    09 de maio de 2012

    Mal de Alzheimer

         Comum em idosos, a doença se caracteriza pela incapacidade do paciente de se lembrar de eventos recentes - a degeneração da memória a curto prazo. O mal de Alzheimer piora com o tempo, e sintomas nos estágios mais avançados incluem a debilitação de habilidades cognitivas e de linguagem, instabilidade emocional e até perda de memória a longo prazo.
         A doença ainda não tem cura, mas o tratamento - à base de medicações e reabilitação neuropsicológica - permite retardar a degeneração e reduzir os sintomas.
    Manter o cérebro "trabalhando" durante todas as fases da vida é a melhor forma de evitar o Alzheimer, de acordo com o neurologista Erich Fonoff, do Hospital Sírio-Libanês.

    Amnésia

         Ocorre quando o cérebro perde a capacidade de processar e armazenar informações obtidas a curto ou longo prazo, seja por causa do mau funcionamento das células nervosas, seja devido a um trauma psicológico que inibe as lembranças. O distúrbio pode se aplicar às memórias adquiridas antes ou depois do evento causador - geralmente um traumatismo craniano, um tumor cerebral, uso indevido de medicações ou deficiência de vitamina B.
         A perda da memória pode ser transitória ou permanente. No primeiro caso, o paciente perde a noção de quem é, o que faz, o que aconteceu, mas aos poucos - ou até imediatamente - retoma as lembranças.
    No segundo, mais comum em casos pós-traumáticos, os efeitos são irreversíveis. O tratamento, quando possível e se necessário, é feito com base na psicoterapia.

    Síndrome de Korsakoff

         É um tipo específico de amnésia, relacionado ao déficit crônico de vitamina Bl, comum em alcoólatras.
    Ocorre uma lesão no hipotálamo, uma pequena região na parte inferior do cérebro fundamental para a aquisição de novas memórias. O paciente sofre um déficit cognitivo irreversível e torna-se incapaz de
    adquirir e armazenar novas informações. É uma síndrome bastante rara e, até agora, não tem cura.

    (www.estadao.com.br)
  • O trecho "de eventos recentes", em destaque no primeiro parágrafo do texto, exerce função sintática de: