Questões de Noções de Ética para Concursos

Resolva Questões de Noções de Ética para Concursos Grátis. Exercícios com Perguntas e Respostas Online com Gabarito.

Aviso legal: Resolva as questões por simulado. Por lá você tem estatísticas de resolução.

  • Questão 6317.   Noções de Ética - Nível Superior - OAB
  • A imunidade profissional do advogado no tocante às suas manifestações, em juízo ou fora dele, desde que relativas ao exercício profissional, alcança os seguintes crimes:
  • Questão 9188.   Noções de Ética - Ética na Administração Pública - Nível Médio - Técnico Legislativo - Câmara de Rio de Janeiro RJ - FJG - 2014
  • Se determinado servidor público municipal se recusa a prestar a declaração de seus bens à Administração Pública dentro do prazo determinado, sob a alegação de que se trata de violação ao direito fundamental à privacidade, pode-se afirmar que:
  • Questão 13233.   Noções de Ética - Ética na Administração Pública - Nível Superior - Administrador - PRODEST ES - VUNESP - 2014
  • Na hipótese de o servidor testemunhar uma conduta irregular de seu superior hierárquico que atente contra o Código de Ética dos Servidores Públicos do Estado do Espírito Santo, é correto afirmar que o servidor
  • Questão 25957.   Noções de Ética - Ética na Administração Pública - Nível Médio - Assistente Administrativo - CNEN - IDECAN - 2014
  • Nos termos das regras deontológicas aplicáveis ao servidor público federal, analise as afirmativas correlatas. 

    I.“A função pública deve ser tida como exercício profissional e, portanto, dissociada da vida particular de cada servidor  público.” 
                                              LOGO  
    II.
    “Os  fatos e atos verificados,  fora do horário de  trabalho, na  conduta do dia a dia e na vida privada, não poderão  acrescer ou diminuir o bom conceito na vida funcional do servidor.” 

    Assinale a alternativa correta.
  • Questão 24363.   Noções de Ética - Ética na Administração Pública - Nível Superior - Contador - CGM RJ - 2015
  • De acordo com o expressamente disposto no Código Penal, a conduta de omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, com o fim de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade sobre fato juridicamente relevante configura crime de: