← Início

Questões de Concurso - História - Exercícios com Gabarito

Questões de Concurso - História com Gabarito. Exercícios com Perguntas e Respostas Resolvidas e Comentadas. Acesso Online Grátis!


Texto associado.

A colonização do Brasil assentou-se, fundamentalmente, no latifúndio, na monocultura e no trabalho escravo. Proclamada a independência, não houve efetiva ruptura com o passado colonial. A abolição da escravidão, por exemplo, somente se deu em fins do século XIX, ainda assim inconclusa. A República Velha, nascida de um golpe de Estado, representou o domínio das oligarquias, com forte exclusão social e processos políticos viciados. A Revolução de 1930 inaugurou a Era Vargas e o início da modernização do país. Depois da ditadura do Estado Novo, o país iniciou o processo de aprendizado democrático em meio a crises agudas, que culminaram com o golpe de 1964. Após 21 anos de regime militar, restaurou-se a democracia, cujo grande marco definidor é a Constituição de 1988.

Considerando as informações acima e os aspectos significativos da História do Brasil, julgue os itens

O regime militar iniciado em 1964 impediu que políticos nordestinos, como os cearenses, assumissem cargos de projeção nacional.

A República Velha (1889-1930) no Brasil teve na chamada "Política dos Governadores" um dos seus elementos mais caracterizadores. Na prática, essa política traduzia-se:

Texto associado.
Fugindo à luta de classes, a nossa organização sindical tem sido um instrumento de harmonia e de cooperação entre o capital e o trabalho. Não se limitou a um sindicalismo puramente “operário”, que conduziria certamente a luta contra o “patrão”, como aconteceu com outros povos.
FALCÃO, W. Cartas sindicais. In: Boletim do Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio. Rio de Janeiro, 10 (85), set. 1941 (adaptado).
Nesse documento oficial, à época do Estado Novo (1937-1945), é apresentada uma concepção de organização sindical que

"O Tratado de Versalhes nem liquidou, nem abrandou a Alemanha. Uma vez que continha uma cláusula denunciando a culpa do país como um agressor, dava a todos os alemães patriotas um grande motivo de queixa [...]. A Alemanha, embora desarmada pelo tratado, ainda possuía a economia mais poderosa da Europa. Dentro de vinte anos, ela estaria pronta para mais uma vez tentar exigir do mundo o devido respeito".

(O mundo em armas. História em Revista)

O texto acima se reporta à:

Depois de conquistar o reconhecimento da independência por nações estrangeiras, o império brasileiro enfrentou internamente diversos obstáculos provocados por insurreições e revoltas que colocaram em risco a manutenção da unidade territorial,

O nome completo de Duque de Caxias, patrono do exército brasileiro, é

O processo de extinção da escravatura ocorreu no Brasil de maneira lenta e gradual, a partir da metade do século XIX. Após a Guerra do Paraguai, uma nova lei representava a tentativa do governo imperial de reduzir a tensão social no Brasil, declarando livres os filhos de mulheres escravas nascidos após a lei. Essa foi a:

A vinda da Família Real para o Brasil em 1808 cau- sou profundas transformações no modo de vida da en- tão colônia portuguesa. As transformações que mais impactaram na vida dos habitantes foram a abertura dos portos e o Tratado de Comércio e Navegação de 1810, que previa taxas mais vantajosas para os comer- ciantes:

Em face da intensa retirada da floresta, observam-se, hoje em Paulista, apenas vestígios da Mata Atlântica. Para se tentar preservar o que resta dessa vegetação, foram criadas no município algumas unidades de conservação.

I. Estação Ecológica de Caetés preserva a vegetação dos mangues.

II. Reserva Ecológica de Jaguarana preserva a floresta Atlântica.

 III. Reserva Ecológica Mata de Dois Irmãos com uma exuberante floresta de eucaliptos.

IV. Reserva Ecológica Mata do Janga preserva o bioma Mata Atlântica.

V. Reserva Ecológica da Mata de Jangadinha preserva a vegetação de mata e mangue.

Estão corretas

A década de 30 assinala o início da modernização brasileira. As circunstâncias que envolveram a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) também contribuíram para que a fisionomia do país fosse sendo alterada. Na segunda metade da década de 50, correspondendo aos "Anos JK", aprofundou-se esse processo modernizador, além de se ter estimulado a sociedade brasileira a acreditar em sua capacidade de criar e de produzir. Ao aprofundamento das contradições e da crise política do início dos anos 60 correspondeu o golpe militar de 1964, inaugurando uma era que conheceu momentos de grande êxito econômico, em meio a um quadro geral de autoritarismo político, experiência que se esgotaria em cerca de vinte anos. Relativamente a esse quadro da evolução brasileira contemporânea, julgue os itens a seguir.

Ao mesmo tempo em que iniciou o processo de integração econômica, lançando as bases da construção do Brasil moderno, a Era Vargas (1930-1945) também correspondeu à gradativa redução da participação do Estado na economia e ao avanço das concepções descentralizadas de administração e de política.