← Início

Questões de Concursos - IFC SC - Exercícios com Gabarito

Questões de Concursos Públicos - IFC SC - com Gabarito. Exercícios com Perguntas e Respostas, Resolvidas e Comentadas. Acesse Grátis!


O conhecimento humano, dependendo dos diferentes referenciais, é explicado diversamente em sua gênese e desenvolvimento, o que condiciona conceitos diversos de homem, mundo, cultura, sociedade educação, etc. Diversos autores têm analisado e comparado as abordagens do processo de ensino aprendizagem classificando e agrupando as correntes teóricas segundo critérios diferentes.

Assim, no que se refere à Abordagem Sociocultural, é INCORRETO afirmar: 
Deixou um legado no qual encontramos um dos hinos do samba paulista, Trem das Onze, em que a cor local paulistana foi retratada de maneira tanto prosaica como poética. Nesta mesma época, surgiu o conjunto paulista até hoje presente, os Demônios da Garoa, que mantém viva a chama do samba de:
De acordo com este pesquisador, o processo da fala é mais provável de começar com a recordação do falante das informações guardadas na memória permanente. Portanto, se as imagens estão guardadas na memória permanente, os métodos de ensino de uma língua que se utilizam do método audiovisual, proporcionam uma memorização maior e ajudam na recordação dos vocábulos e frases na hora do desempenho verbal durante a comunicação. “O processo de informação mental que nós precisamos para falar depende do uso de imagens em grande escala”. O uso de mídia ilustrada, pode aumentar a duração da atenção pois este método ajuda na concentração durante o aprendizado (prende a atenção). Referimo-nos a: 
Suas composições foram marcadas pela vitalidade e malícia, fizeram grande sucesso entre as camadas nobres da sociedade portuguesa, pois o compositor, transferido para Portugal em 1763, figurou como compositor aclamado na corte portuguesa do século XVIII. Foi, por assim dizer, o primeiro compositor brasileiro a sair do anonimato. Este foi:
Após 30 anos de atividade no Brasil, ele foi substituído pela Educação Musical, criada pela Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira de 1961. Referimo-nos ao:
Uma das formas de conhecer a realidade dos contextos pedagógico - musicais é questionando os indivíduos que fazem parte daqueles cenários, como alunos, professores, funcionários da administração, entre outros. Entretanto, são poucos os dados sistematizados que revelam a formação inicial de professores de música sob a perspectiva dos próprios licenciandos, daqueles que recebem a formação e, ao mesmo tempo, atuam como professores. Para fundamentar esta questão encontra-se Pérez Gomez (1995), trazendo pontos convergentes. Inicialmente, o autor identificou quatro perspectivas de formação de professores, são elas:
A "história da arte" é uma ciência multidisciplinar que procura estudar de modo objetivo a arte através do tempo, classificando as diferentes formas de cultura, estabelecendo a sua periodização e salientando as características artísticas distintivas e influentes. O estudo da história da arte teve início durante:
Desde a implantação do ensino de artes no Brasil, em 1816, quando se criou a Academia Imperial de BelasArtes e se contratou artistas que ensinavam no Instituto de França3 (OLLÉ, 2007), até a sua inclusão como componente obrigatório no currículo escolar, na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB/1996), esta disciplina passou por diversas transformações. Essa implantação se deu com:
"A atividade musical realizada em casa, ou em qualquer ambiente que a pessoa esteja, proporciona fundamentos importantíssimos na formação do indivíduo e seguramente apresenta-se como excelente instrumento didático-pedagógico capaz de provocar grandes avanços em ambiente escolar" (CAMPBELL; DICKSON, 2000). Desde a antiguidade vários filósofos expressaram a importância da música para a educação. A observação que, "o ritmo e a harmonia penetram profundamente nos recessos da alma e lá se estabelecem, fazem surgir à graça do corpo e da mente que só pode ser encontrada em alguém educado da forma correta", foi feita por:
A pintura é utilizada como elemento decorativo e retratando as cenas do cotidiano. A qualidade das obras é superior, mostrando um maior grau de abstração e a utilização de outros instrumentos que não as mãos, como espátulas. Trata-se do período: