Questões de Concursos Prefeitura de Boa Saúde RN

Resolva Questões de Concursos Prefeitura de Boa Saúde RN Grátis. Exercícios com Perguntas e Respostas. Provas Online com Gabarito.

  • 1 - Questão 47701.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • Suponha os seguintes fatos a serem registrados na contabilidade de um determinado ente público: 

    I – Recebimento de receitas tributárias no valor de R$ 1.000,00,
    II – Empenho da despesa no valor de R$ 900,00, e 
    III – Liquidação de despesa corrente no valor de R$ 700,00, porém ainda não pagas no exercício. 

    O valor total de despesas inscritas em restos a pagar processados é de
  • 2 - Questão 47692.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • O balanço patrimonial é a demonstração contábil que evidencia, qualitativa e quantitativamente, a situação patrimonial da entidade pública. É possível, a partir desse demonstrativo, extrair várias informações, entre elas
  • 3 - Questão 47704.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • O percentual de 22,5% da arrecadação dos impostos sobre a renda e proventos de qualquer natureza integra o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O outro componente do FPM é
  • 5 - Questão 47691.   Português - Interpretação de Textos - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  •                         Estresse e obesidade passam de pai para filho

    Viver em condições ruins pode desativar genes; mudanças são permanentes e transmitidas para descendentes.
                     Por Salvador Nogueira

          A sua genética está escrita, e é ela que você vai transmitir para os seus filhos – não importa o que você faça durante a vida. Isso é o que Darwin nos ensinou. Mas talvez não seja toda a verdade. Pesquisadores da Universidade de Zurique encontraram evidências de algo que muitos cientistas vinham suspeitando nos últimos anos: o que você passa durante a vida pode modificar seu DNA, gerando alterações que são transferidas aos descendentes. O código genético de uma pessoa é afetado pelo ambiente. Certas situações têm o poder de ativar ou desativar certos genes. Isso já era bem conhecido e aceito pela ciência. Mas muitos especialistas acreditavam que as modificações fossem zeradas na geração seguinte, ou seja, não passassem dos pais para os filhos. O novo estudo descobriu que, sim, elas passam para os descendentes – e demonstrou como isso acontece. Em testes com ratos, os cientistas suíços constataram que os microRNAs, pequenas moléculas produzidas em situações de estresse, fome, sedentarismo ou obesidade, são incorporados aos espermatozoides e vão parar no feto.

          Os descendentes dos ratos submetidos a estresse ou obesidade já nasceram com uma tendência natural, genética, a serem estressados ou obesos – e tudo graças a certos microRNAs, que tinham passado de geração a geração. “O mecanismo me parece bastante plausível, e aparentemente os experimentos foram bem desenhados", afirma Sandro de Souza, biólogo molecular da UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte).

    Superinteressante. São Paulo: Editora Abril, n. 335, jul. 2014. [Adaptado]
  • (1) O novo estudo descobriu (2) que, sim, elas passam para os descendentes – (3) e demonstrou (4) como isso acontece". 

    Em relação às orações numeradas no período em análise, é correto afirmar:
  • 6 - Questão 47694.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • O déficit orçamentário evidenciado no balanço orçamentário é representado
  • 7 - Questão 47695.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • Considera-se recurso disponível para fins de abertura de créditos suplementares e especiais
  • 8 - Questão 47703.   Contabilidade Pública - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • A natureza da receita orçamentária busca identificar a origem do recurso segundo seu fato gerador. Existe, ainda, a necessidade de identificar a destinação dos recursos arrecadados. A destinação pode ser classificada em
  • 9 - Questão 47708.   Contabilidade - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  • De acordo com o Código de Ética Profissional do Contador, o profissional da contabilidade deve fixar previamente o valor dos serviços, por contrato escrito, considerados alguns elementos, dentre os quais estão:
  • 10 - Questão 47686.   Português - Nível Superior - Contador - Prefeitura de Boa Saúde RN - COMPERVE - 2014
  •                                     Com a força de um trator 

       A primeira mulher a operar máquinas pesadas no Estádio Mané Garrincha conta como superou o preconceito e mudou os rumos de sua carreira

          Eunice da Silva Oliveira teve de aprender cedo a superar desafios. Ficou viúva cedo e precisou sustentar sozinha a filha de 11 meses. Hoje, aos 39 anos, orgulha -se em dizer que Thaís, que tem 18, já está na faculdade, incentivada pelo perfil trabalhador e arrojado da mãe. Características que afloraram novamente em 2011, no canteiro de obras do Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). Oito meses depois de ser admitida para serviços de limpeza, Eunice foi promovida. Assumiu a direção de uma empilhadeira e passou a ser a primeira mulher a operar máquinas pesadas na obra. 

          O salário aumentou de 730 para 4.200 reais. Entre as novas atribuições, estavam empilhar e suspender meia tonelada de tijolos por dia. “Nunca tive medo de pegar no pesado", diz. Eunice já tinha carteira de habilitação, mas foi selecionada para a vaga após um curso de condução de veículos pesados de três dias. 

          Reconstruída, a arena Mané Garrincha teve sua capacidade ampliada de 45.000 para 70.800 lugares, obra que custou 1,2 bilhão de reais e levou 1.027 dias para ficar pronta. 

    Olhar feminino 

         No começo, ela lutou para se familiarizar com o novo universo. Além da tensão por causa da enorme responsabilidade, Eunice enfrentou algumas piadinhas machistas. “Sempre tinha um que soltava uma graça, "cuidado que é mulher no volante", mas a maioria me dava apoio". Operando uma das empilhadeiras, virou exemplo de superação entre os operários. “ Não acho que é um serviço só para homens e muito menos que deixo de ser feminina", afirma Eunice, que não abria mão do batom antes de iniciar a jornada de trabalho. 

          Com o dinheiro que ganhou na obra da Copa, Eunice quitou suas dívidas, reformou a casa e comprou um carro novo. “E ainda consegui guardar um dinheirinho na poupança", conta. Estimulada pela experiência no Mané Garrincha, Eunice quis permanecer no setor da construção civil. Após a conclusão da arena, fez questão de tirar carteira de habilitação na categoria D para também poder dirigir ônibus, caminhões e outros tipos de tratores. Passou cinco meses desempregada, até ser contratada por uma empresa em Brasília, e hoje segue dirigindo veículos pesados. “As empreiteiras em geral dão preferência aos homens, mas acabei conseguindo por causa da minha experiência no Mané Garrincha". 

          E, mesmo não sendo muito fã de futebol, a operária pretende viver a emoção de assistir a pelo menos um jogo no estádio que ajudou a erguer. “Sempre que passo lá, bate uma saudade daqueles tempos. Foi um trampolim para mim e para muitos amigos que tive o prazer de conhecer". 

    Abril na Copa – Edição especial. Placar. São Paulo: Editora Abril, n. 1391, jun. 2014. [Adaptado]
  • Após a conclusão da arena, fez questão de tirar carteira de habilitação na categoria D para também poder dirigir ônibus, caminhões e outros tipos de tratores. 

    A palavra destacada, no trecho, funciona como