Questões de Concursos SERPRO

Resolva Questões de Concursos SERPRO Grátis. Exercícios com Perguntas e Respostas. Provas Online com Gabarito.

  • 1 - Questão 5042.   Enfermagem - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  • QUESTÕES DE 1 A 6
    Hemorragia é a perda de sangue subseqüente ao rompimento de um
    vaso sanguíneo arterial ou venoso. Considerando um paciente com
    hemorragia, julgue os itens que se seguem, referentes aos sinais e
    sintomas encontrados nessa situação ou aos cuidados que devem ser
    realizados pelo técnico de enfermagem do trabalho.

    QUESTÕES DE 7 A 10
    A nutrição adequada é uma medida de prevenção e proteção da saúde
    do trabalhador; em alguns casos, o paciente deve seguir uma dieta
    apropriada para sua recuperação. Acerca das dietas, julgue os itens
    subseqüentes.
  • A dieta que permite a ingestão, pelo paciente, de alimentos cozidos, sem gordura e com pouco resíduo, é chamada de dieta branda.
  • 2 - Questão 13396.   Conhecimentos Específicos - Gestão de Pessoas - Nível Superior - Administrador - SERPRO - QUADRIX - 2014
  • O valor mensurável que a força de trabalho da organização traz para a organização em termos de habilidades ou competências coletivas e a motivação das pessoas é o que aqui denominamos de gestão do desempenho humano. Referindo-se à avaliação do desempenho humano, aponte a opção que contenha as aplicações e propósitos dos processos de aplicar pessoas.
  • 3 - Questão 13391.   Direito Previdenciário - Nível Superior - Administrador - SERPRO - QUADRIX - 2014
  • Quando o trabalhador inicia as suas atividades no mercado de trabalho, deve obrigatoriamente ser cadastrado no Programa de Integração Social (PIS) e contar com tal benefício Constitucional. O abono será liberado anualmente para os trabalhadores que cumpram os requisitos legais. Dentre as exigências de requisitos, assinale a alternativa incorreta.
  • 4 - Questão 5053.   Inglês - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  •      It now seems to me that what matters most in the majority
    of organizations is to have reasonably intelligent, hard-working
    managers who have a sense of pride and loyalty toward their
    organization; who can get to the root of a problem and are inclined
    toward action; who are decent human beings with a natural empathy
    and concern for people; who possess humor, humility, and common
    sense; and who are able to couple drive with stick-to-it-iveness* and
    patience in the accomplishment of a goal.
         It is the ability to make positive things happen that most
    distinguishes the successful manager from the mediocre or
    unsuccessful one. It is far better to have dependable managers who
    can make the right things happen in a timely fashion than to have
    brilliant, sophisticated, highly educated executives who are excellent
    at planning and analyzing, but who are not so good at implementing.
    The most cherished manager is the one who says “I can do it,” and
    then does.
         Many business schools continue to focus almost exclusively
    on the development of analytical skills. As a result, these schools are
    continuing to graduate large numbers of students who know a great
    deal about analyzing strategies, dissecting balance sheets, and using
    computers — but who still don’t know how to manage!
         As a practical matter, of course, schools can go only so far
    in teaching their students to manage. Only actual work experience
    will fully develop the kinds of managerial traits, skills, and virtues
    that I have discussed here.

    *the ability and determination to continue doing something despite difficulties.
    Wegman, Knezevic, Bernstein. A reading skills book, 3.d
    ed. Mac Graw-Hill Companies, Inc. (adapted).

    Based on the text above, judge the items below.
  • Real work experience is all that’s needed to develop managerial characteristics as those discussed in the text.
  • 5 - Questão 5045.   Inglês - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  •      It now seems to me that what matters most in the majority
    of organizations is to have reasonably intelligent, hard-working
    managers who have a sense of pride and loyalty toward their
    organization; who can get to the root of a problem and are inclined
    toward action; who are decent human beings with a natural empathy
    and concern for people; who possess humor, humility, and common
    sense; and who are able to couple drive with stick-to-it-iveness* and
    patience in the accomplishment of a goal.
         It is the ability to make positive things happen that most
    distinguishes the successful manager from the mediocre or
    unsuccessful one. It is far better to have dependable managers who
    can make the right things happen in a timely fashion than to have
    brilliant, sophisticated, highly educated executives who are excellent
    at planning and analyzing, but who are not so good at implementing.
    The most cherished manager is the one who says “I can do it,” and
    then does.
         Many business schools continue to focus almost exclusively
    on the development of analytical skills. As a result, these schools are
    continuing to graduate large numbers of students who know a great
    deal about analyzing strategies, dissecting balance sheets, and using
    computers — but who still don’t know how to manage!
         As a practical matter, of course, schools can go only so far
    in teaching their students to manage. Only actual work experience
    will fully develop the kinds of managerial traits, skills, and virtues
    that I have discussed here.

    *the ability and determination to continue doing something despite difficulties.
    Wegman, Knezevic, Bernstein. A reading skills book, 3.d
    ed. Mac Graw-Hill Companies, Inc. (adapted).

    Based on the text above, judge the items below.
  • Most organizations are now interested in reasonably intelligent workers and who work hard.
  • 6 - Questão 13398.   Conhecimentos Específicos - Gestão de Pessoas - Nível Superior - Administrador - SERPRO - QUADRIX - 2014
  • A gestão do conhecimento pode ser definida como o processo por meio do qual as organizações geram valor a partir de seu capital ou dos ativos intelectuais. Admitamos a integração do trabalho sob a forma de pirâmide em três níveis da gestão do conhecimento, sendo o primeiro nível gestão da documentação, o segundo nível criação, compartilhamento e gestão da informação, e o terceiro nível a inteligência organizacional. Das opções seguintes, escolha a que contenha integração do trabalho no nível da inteligência organizacional.
  • 7 - Questão 5028.   Enfermagem - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  • A contaminação do paciente por microrganismos pode ser evitada por meio de vários procedimentos. A respeito desse assunto, julgue os itens a seguir.
  • Descontaminação é a destruição de formas vegetativas microbianas esporuladas.
  • 8 - Questão 5040.   Enfermagem - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  • QUESTÕES DE 1 A 6
    Hemorragia é a perda de sangue subseqüente ao rompimento de um
    vaso sanguíneo arterial ou venoso. Considerando um paciente com
    hemorragia, julgue os itens que se seguem, referentes aos sinais e
    sintomas encontrados nessa situação ou aos cuidados que devem ser
    realizados pelo técnico de enfermagem do trabalho.

    QUESTÕES DE 7 A 10
    A nutrição adequada é uma medida de prevenção e proteção da saúde
    do trabalhador; em alguns casos, o paciente deve seguir uma dieta
    apropriada para sua recuperação. Acerca das dietas, julgue os itens
    subseqüentes.
  • Um cuidado imediato do técnico de enfermagem, nesse caso, deve ser: aplicar no paciente 2 mg de heparina intradérmica para conter o fluxo sanguíneo.
  • 9 - Questão 13383.   Conhecimentos Específicos - Princípios Normas e Atribuições Institucionais - Nível Superior - Administrador - SERPRO - QUADRIX - 2014
  • Os dirigentes e os empregados do SERPRO pautam suas ações pelos seguintes princípios, no relacionamento com os diversos setores da sociedade, assegurando aos órgãos governamentais:

    I. o zelo e a transparência na utilização de seu patrimônio e na aplicação dos recursos públicos.
    II. o reconhecimento do papel e apoio à atuação dos órgãos controladores, prestando-lhes informações pertinentes e confiáveis no tempo adequado.
    III. a participação e apoio às ações do Governo Federal voltadas à gestão das finanças públicas e a governança do Estado, em benefício da sociedade.

    De acordo com o Código de Ética e de Conduta Empresarial do SERPRO, é correto o que se afirma em:
  • 10 - Questão 5060.   Português - Nível Médio - Técnico de enfermagem - SERPRO - CESPE - 2008
  •      A ansiedade não é doença. Faz parte do sistema de
    defesa do ser humano e está projetada em quase todos os animais
    vertebrados. O significado mais aceito hoje em dia vem do
    psiquiatra australiano Aubrey Lewis, que, em 1967, caracterizoua
    como “um estado emocional com a qualidade do medo,
    desagradável, dirigido para o futuro, desproporcional e com
    desconforto subjetivo”.
         A ansiedade não é doença. É problema de ordem do
    comportamento que afeta o convívio social. A ansiedade pode se
    apresentar como sintoma em muitas doenças ditas emocionais e
    mentais, e interfere sobremaneira nos níveis de satisfação do
    indivíduo.
         Quem não se sentiu ansioso até hoje? Com o mundo do
    jeito que está, natural é se sentir ansioso; é permitido ficar
    ansioso. Prejudicial é não saber lidar com a ansiedade.
    A proposta é abordar meios eficazes de lidar com esse
    comportamento que gera tantos distúrbios.
         Diz Patch Adams que indivíduo saudável é aquele que
    tem uma vida vibrante e feliz, porque utiliza ao máximo o que
    possui e só o que possui, com muito prazer. Este é o indivíduo
    satisfeito que não anseia quimeras e que sabe viver alegre e feliz.

    Internet: www.irc-espiritismo.org.br (com adaptações).

    A partir da leitura interpretativa e da tipologia do texto acima,
    julgue os itens a seguir.
  • De acordo com o texto, o comportamento ansioso caracterizado como ansiedade faz prever episódios futuros, enquanto o medo deriva de situações já experimentadas no passado.