Professor - Pedagogia - Planejamento de Ensino - SEE SP

Responda as 26 questões do simulado abaixo (Professor - Pedagogia - Planejamento de Ensino - SEE SP). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

26 questões Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior

0 resolveram
0% acertos
n/d
0 gabaritaram
0 ótimo
0 bom
0 regular
0 péssimo

1Questão 319230. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Segundo Lerner e Sadovsky, in Parra e Saiz (1996), as atividades com calendários e álbuns de figurinhas visam a

2Questão 319921. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Como fonte de investigação dos fenômenos e suas transformações, os desafios para experimentar ampliam-se quando

3Questão 319941. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

A organização do trabalho escolar em ciclos está associada à progressão continuada e ao questionamento à cultura da repetência. O propósito de impulsionar os processos de mudança e de reorganização do ensino em ciclos considera os processos de avaliação capazes de

4Questão 320025. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Na área urbana, em especial, a casa, a escola e a comunidade não são unidades isoladas. São sistemas em constantes trocas com o ambiente, que é o receptor final do lixo e dos resíduos eliminados pelo corpo das pessoas. Para estudar as técnicas que a sociedade humana cria para efetuar essas trocas, mantendo casa, escola, comunidade e ambiente em condições saudáveis, o professor deve desenvolver com os alunos atividades a respeito de

5Questão 320274. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Considere o texto abaixo para responder

às questões 22 e 23.

A professora Ana e a professora Beatriz tinham um mesmo

conteúdo a ensinar a seus alunos: a distinção e o funcionamento

dos três Poderes da República (o Legislativo, o Executivo

e o Judiciário). Ana, além de disponibilizar livros sobre

o tema, levou jornais e revistas e pediu que os alunos os

levassem também. A partir desse material, realizou debates,

estimulou a pesquisa bibliográfica e propôs trabalhos de grupo.

Houve respeito ao revezamento da palavra e cooperação

entre os alunos. Beatriz apresentou o tema fazendo uma

explanação com um esquema no quadro. Apresentou alguns

recortes de jornais para ilustrar sua fala. Solicitou que seus

alunos anotassem os tópicos principais sobre o tema. Houve

aceitação e atenção à sua fala.

O conteúdo trabalhado por ambas as professoras refere-se à aprendizagem de conceitos e princípios, o que condiciona as estratégias, os instrumentos e os meios a serem utilizados no ensino, requerendo estratégias didáticas

6Questão 320958. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Uma das atividades do projeto "Comer para viver", desenvolvido

na 1a série, consistia em anotar o cardápio das famílias

dos alunos. Uma das crianças, de ascendência oriental, revelou

que sua família costumava comer algas marinhas em

grande quantidade. "Mas por que comer algas do mar?" - foi

a pergunta que encaminhou a investigação. As crianças descobriram

que as algas do mar são importantes porque concentram

uma grande quantidade de sais minerais. Os conteúdos

desenvolvidos na situação descrita foram:

I - valorização do exame de saúde periódico, pelo estudo

do crescimento e desenvolvimento físico;

II - respeito às potencialidades e limites do próprio corpo e

de terceiros, com adoção de postura física adequada;

III - identificação dos alimentos disponíveis na comunidade

e de seu valor nutricional;

IV - levantamento das necessidades relacionadas ao processo

orgânico de nutrição corporal.

Estão corretos os conteúdos:

7Questão 321109. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

O "Atlas dos Municípios da Mata Atlântica", editado em 2002

pela Organização Não Governamental (ONG) Mata Atlântica,

em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

(INPE), revela que Ilhabela, no Estado de São Paulo,

é o município que detém a maior área de mata original.

(www.sosmataatlantica.org.br).

Uma professora de uma turma de 4a série do Ensino Fundamental

promoveu uma discussão com os alunos, a partir do

estudo comparativo entre a informação revelada no Atlas sobre

Ilhabela e o Texto VII. Após intenso debate, eles concluíram

que a relação afetiva e singular que a população local estabelece

com Ilhabela é de

8Questão 321212. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Sabe-se que política não se confunde com ética, mas esta

não pode ser contraditória àquela. Nesse sentido, as leis

que regem o país devem estar pautadas na justeza ética e

na dignidade humana. Discutir com os alunos a respeito do

pleno exercício da cidadania, portanto, pressupõe trabalhar

com a turma a(o):

I – íntima relação entre respeitar e ser respeitado;

II – direito ao respeito unilateral;

III – direito a uma vida digna;

IV – direito a oportunidades para realizar projetos;

V – zelo pelos valores individualizados.

Estão corretos os itens:

9Questão 321443. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Uma estratégia didática privilegiada para a ampliação dos conhecimentos em Ciências Naturais é o trabalho com projetos. As atividades desenvolvidas em um projeto têm como produto a

10Questão 321464. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Uma professora de uma turma da 1ª série do Ensino Fundamental, ao discutir com os alunos a temática da marcação do tempo pela lua e pelo sol, mostrou a existência de outros calendários. Apresentando aos alunos outras culturas que marcam fatos e festas das suas tradições por outros paradigmas diferentes daqueles definidos pelo calendário civil, está transversalizando os conteúdos, principalmente, com

11Questão 321616. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Para registrar os dados coletados e sistematizar os conhecimentos sobre as redes de abastecimento de água, desde a captação até a distribuição, os alunos podem trabalhar na

12Questão 322124. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

José, professor do Ensino Médio acompanhou sua turma numa visita à Câmara Municipal para algumas entrevistas com os vereadores. Essa atividade pedagógica estimula o protagonismo juvenil porque

13Questão 323663. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Para ampliar os conhecimentos dos alunos sobre a história da cidade de São Paulo, um professor planejou uma aulapasseio à Estação da Luz e seu entorno. Ao propor, no dia seguinte, que os alunos reconstituíssem no papel o trajeto, sem esquecer dos pontos destacados durante o percurso, o professor trabalhou a

14Questão 323905. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Os três conceitos fundamentais que orientam uma concepção de História voltada para o desenvolvimento dos alunos como atores conscientes, capazes de entender o processo histórico como conhecimento e como experiência de forma crítica, são:

15Questão 324672. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Uma professora da 4a série do Ensino Fundamental solicitou que seus alunos trouxessem para a sala de aula fotografias da cidade de São Paulo em diferentes épocas. Fazendo um estudo comparativo do conjunto do material disponível, a turma pôde identificar

16Questão 324741. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

A escola que prioriza a discussão das histórias dos índios, dos movimentos de reação destes ao domínio europeu, os mecanismos de resistência desenvolvidos pelos africanos escravizados e seus descendentes e as formas criativas de sobrevivência na sociedade escravocrata e nos quilombos está buscando narrar a História

17Questão 324807. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

O protagonismo juvenil encontra na escola um espaço para iniciação na vida pública. Uma das formas de exercício deste protagonismo são as assembléias de classe, que se configuram, segundo Sayão e Aquino (2004), como

18Questão 324816. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

O trabalho da professora Carmem tem sido inovador em relação ao reforço e aos processos de recuperação; sua experiência é desenvolvida dentro do processo regular de aulas, por meio de sistema de monitoria entre os alunos e de atividades diversificadas que resgatam aprendizagens de conteúdos escolares. As alternativas pedagógicas que direcionam o trabalho de suporte e de recuperação junto aos alunos têm como princípio

19Questão 325848. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

De acordo com Lerner e Sadovsky, in Parra e Saiz (1996), para que as crianças compreendam nosso sistema de numeração, o trabalho didático pressupõe

20Questão 326052. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Em Conselho de Classe, os professores da turma C levantaram estratégias coletivas para recuperar paralelamente e acompanhar sistematicamente o avanço dos alunos, o que deverá ocorrer por meio de

21Questão 326176. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Para investigar o fenômeno da erosão resultante da ocupação do solo ribeirinho próximo ao endereço da escola, uma professora orientou os alunos a coletar informações e organizar os dados coletados. Esta atividade deve ter como fontes para análise:

22Questão 326724. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Na Semana do Folclore, a professora de uma turma da 3ª

série do Ensino Fundamental de uma das unidades escolares

de Ilhabela levou para a sua turma o Texto VII como

disparador para discussão sobre o movimento de resistência

cultural dos negros africanos que foram trazidos para o

Brasil. Durante a discussão, uma aluna declarou "já conhecer

a congada porque seu avô participava dela há muito tempo".

A professora solicitou, então, que a aluna trouxesse seu

avô à escola para uma entrevista com a turma. Paralelamente,

os alunos pesquisaram e coletaram informações sobre

esse auto popular brasileiro de motivação africana – a

congada. Tal aprendizado está diretamente relacionado à

categoria dos conteúdos procedimentais porque

23Questão 327457. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Em uma turma de 1a série, dos registros decorrentes de

uma atividade de escrita do número 3526 sob a forma de

ditado, apareceram estes:

31000500206 - 300050026 - 35206

Tais escritos resultam de

24Questão 327479. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Segundo os PCN, "um conhecimento fundamental para a leitura da Pluralidade Cultural são as muitas linguagens que se apresentam como fator de identidade de grupos e indivíduos". O trabalho com as diferentes linguagens artísticas no Ensino Fundamental possibilita que os alunos percebam

25Questão 327526. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

Como desdobramento de uma roda de conversa sobre extraterrestres,

uma professora de 1a série propôs a construção

de uma "trilha dos alienígenas", em grupos de cinco crianças.

Quando as trilhas ficaram prontas, os grupos se puseram

a jogar e, para isso, combinaram as regras para se movimentarem

nos tabuleiros. A construção e o jogo de trilhas

são atividades significativas porque aproximam as crianças

da aprendizagem de:

I - operações;

II - números;

III - formas e espaço;

IV - unidades de tempo.

Estão corretos os elementos:

26Questão 328298. Pedagogia, Planejamento de Ensino, Professor, SEE SP, CESGRANRIO, Ensino Superior, 2005

De acordo com os PCN, uma proposta para o estudo da Geografia é a leitura da paisagem local dos arredores da casa, da escola, do bairro onde residem os alunos. O registro dessas leituras através do desenho evidencia as primeiras noções de