Simulado Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - Contabilidade Geral - 2015

Simulado para Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO com 9 Questões de Contabilidade. Prova com Exercícios de Ensino Superior da Banca FCC com Gabarito.

  • 64 Resolveram
  • 36% Acertos
  • 2 Gabaritaram
  • barra ótimo 3 Ótimo
  • barra qtd_bom 11 Bom
  • barra ruim37 Regular
  • barra péssimo13 Ruim

Para corrigir este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!

  • 1 - Questão 14332.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • A Cia. Comerciante S.A. adquiriu mercadorias para serem comercializadas e pagou os seguintes valores: 

    Fornecedores de Mercadorias: .......................................................................................... R$ 390.000,00 
    Frete para transporte até a empresa: .................................................................................. R$   17.000,00 
    Seguro das mercadorias: .................................................................................................... R$     7.000,00 

    Nos valores pagos estavam incluídos tributos recuperáveis pela empresa no valor de R$ 48.000,00 e tributos não recuperáveis no valor de R$ 24.000,00. 

    Com base nestas informações, o valor reconhecido como estoque referente às mercadorias adquiridas foi, em reais
  • 2 - Questão 14333.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • A Cia. PAR possuía, em 31/12/2013, um ativo imobilizado para o qual as seguintes informações, após o reconhecimento da despesa de depreciação para o ano de 2013, eram conhecidas:

    Custo de aquisição: ......................................................... R$ 700.000,00 
    (-) Depreciação acumulada: ............................................. R$ 300.000,00 
    (=) Valor contábil do ativo: .............................................. R$ 400.000,00 

    Nesta mesma data (31/12/2013) a Cia. realizou o Teste de Recuperabilidade do Ativo (teste de impairment) e obteve as seguintes informações: 

    Valor em uso do ativo: ........................................................... R$ 380.000,00. 
    Valor justo líquido das despesas de venda: ............................. R$ 350.000,00.

    Ao elaborar as Demonstrações Contábeis referentes ao ano de 2013, o valor contábil deste ativo que a Cia. PAR evidenciou em seu Balanço Patrimonial de 31/12/2013 foi, em reais,
  • 3 - Questão 14334.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • O Patrimônio Líquido da Cia. Rosa & Rosa, em 31/12/2013, apresentava os seguintes saldos em suas contas: 

    Capital Social: ...................................................................... R$ 500.000,00 
    Reserva Legal: ...................................................................... R$ 100.000,00 
    Reserva Estatutária: ............................................................... R$   70.000,00 
    Reserva de Incentivos Fiscais: ................................................ R$   30.000,00 

    Em 2014, a Cia. Rosa & Rosa apurou um Lucro Líquido de R$ 200.000,00 e a destinação do mesmo ocorre da seguinte forma: 

    - Reserva Legal: constituída nos termos da Lei n° 6.404/76 e alterações posteriores; 
    - Dividendos obrigatórios: o estatuto da Cia. estabelece que devem ser distribuídos 30% do Lucro Líquido ajustado por todas as reservas constituídas e permitidas nos termos da Lei n° 6.404/76 e alterações posteriores; 
    - O saldo remanescente é retido como Reserva para Expansão. 

    Sabe-se que R$ 50.000,00 do Lucro Líquido foram decorrentes de incentivos fiscais recebidos pela Cia. Rosa & Rosa e esta, para não tributar este ganho, reteve-o na forma de Reserva de Incentivos Fiscais, utilizando a possibilidade estabelecida na Lei n° 6.404/76 referente aos dividendos obrigatórios.

    Com base nestas informações, o valor que a Cia. Rosa & Rosa distribuiu como dividendos obrigatórios foi, em reais,
  • 4 - Questão 14335.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • Determinada empresa obteve, em 01/12/2014, um empréstimo para financiar seu capital de giro. O valor do empréstimo obtido foi de R$ 8.000.000,00 para pagamento integral (principal e juros) em 01/12/2015 e a taxa de juros compostos contratada foi 12% ao ano. Os custos de transação incorridos e pagos para a obtenção deste empréstimo foram R$ 160.000,00. Sabendo-se que este empréstimo é mensurado pelo custo amortizado, o valor reconhecido no Balanço Patrimonial, em 01/12/2014, foi, em reais,
  • 5 - Questão 14336.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • Uma empresa adquiriu por R$ 460.000,00, em 31/12/2012, uma máquina para ser usada no processo produtivo, efetuando o pagamento à vista. Na data de aquisição, a empresa estimou a sua vida útil econômica em 7 anos e o seu valor residual em R$ 40.000,00. A empresa adota o método das quotas constantes para o cálculo da despesa de depreciação e vendeu esta máquina, em 31/12/2014, por R$ 250.000,00 à vista. Com base nestas informações, o resultado obtido com a venda desta máquina apresentado na Demonstração do Resultado do Exercício de 2014 foi, em reais
  • 7 - Questão 14338.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • A constatação de valor monetário para itens do ativo e do passivo decorrente da aplicação de procedimentos técnicos suportados em análises qualitativas e quantitativas é definida como
  • 8 - Questão 14339.   Contabilidade - Nível Superior - Auditor Conselheiro Substituto - TCM GO - FCC - 2015
  • Os valores registrados na etapa em liquidação referem-se a despesa

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!