Simulado Consórcio Intermunicipal Grande ABC - Direito Administrativo - Gestor - 2015

Simulado para Gestor de Políticas Públicas Regionais - Consórcio Intermunicipal Grande ABC com 5 Questões de Direito Administrativo. Prova com Exercícios de Ensino Superior da Banca CAIPIMES com Gabarito.

  • 69 Resolveram
  • 62% Acertos
  • 11 Gabaritaram
  • barra ótimo 27 Ótimo
  • barra qtd_bom 18 Bom
  • barra ruim23 Ruim
  • barra péssimo1 Péssimo

Para corrigir este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!

  • 2 - Questão 29927.   Direito Administrativo - Nível Superior - Gestor de Políticas Públicas Regionais - Consórcio Intermunicipal Grande ABC - CAIPIMES - 2015
  • A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de:

    I- legalidade.
    II- tempestividade.
    III- eficiência.
    IV- impessoalidade.
    V- publicidade.
    VI- moralidade.
    VII- oportunidade.

    Com base nas informações acima, indique a alternativa correta.
  • 3 - Questão 29928.   Direito Administrativo - Nível Superior - Gestor de Políticas Públicas Regionais - Consórcio Intermunicipal Grande ABC - CAIPIMES - 2015
  • Complete as lacunas abaixo com a alternativa correta.

    Os contratos ___________ da administração regem-se pelo Código Civil ou Comercial, os contratos ____________ da administração, ao contrário, pelas características especialíssimas de que se revestem, estão sujeitos a regime autônomo, ____________, que ultrapassa ou exorbita as normas do direito comum, o que é evidente, porque as pessoas públicas, quando contratam , não se encontram na mesma situação que o simples particulares.
  • 4 - Questão 29929.   Direito Administrativo - Nível Superior - Gestor de Políticas Públicas Regionais - Consórcio Intermunicipal Grande ABC - CAIPIMES - 2015
  • Analise as afirmativas dando valores, (V) verdadeiro ou (F) falso e, em seguida assinale a alternativa que apresenta a sequência correta de cima para baixo.

    (  ) A execução do contrato administrativo pode ser alterada por acontecimentos, alheios à vontade das partes contratantes, mas que tornam impossível o cumprimento das obrigações contratuais. Fenômenos da natureza, incêndios, epidemias, greves que afetam a vida social, enfim, fatos que, comprovados, resultarem de causas estranhas à vontade dos contratantes e forem, além disso, imprevisíveis e inevitáveis diante das possibilidades técnicas do momento, que configuram a denominada força maior.
    (  ) A força maior libera da responsabilidade a parte que deixa de cumprir as obrigações no contrato.
    (  ) Se a força maior desaparecer, a parte contratante volta à normalidade, assumindo a responsabilidade pelas obrigações convencionadas no contrato.

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!