Simulado CRF TO - Ética na Administração Pública - Assistente Administrativo - 2015

Simulado para Assistente Administrativo - CRF TO com 3 Questões de Administração Pública (Ética na Administração Pública). Prova com Exercícios de Ensino Médio com Gabarito.

  • 231 Resolveram
  • 62% Acertos
  • 64 Gabaritaram
  • barra ótimo 64 Ótimo
  • barra qtd_bom 87 Bom
  • barra ruim61 Ruim
  • barra péssimo19 Péssimo

Para corrigir este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!

  • 1 - Questão 31564.   Administração Pública - Ética na Administração Pública - Nível Médio - Assistente Administrativo - CRF TO - 2015
  • O Decreto nº 1.171, de 22 de junho de 1994, aprova o Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal e trata da conduta do servidor público. Nesse sentido, indique a conduta que não é vedada ao servidor:
  • 2 - Questão 31565.   Administração Pública - Ética na Administração Pública - Nível Médio - Assistente Administrativo - CRF TO - 2015
  • A Lei n. 8.429, de 2 de junho de 1992 dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função na administração pública direta, indireta ou fundacional e dá outras providências.

    Sobre esta lei, marque a alternativa incorreta.
  • 3 - Questão 31566.   Administração Pública - Ética na Administração Pública - Nível Médio - Assistente Administrativo - CRF TO - 2015
  • Ainda, sobre os atos de improbidade, analise as afirmações abaixo.

    I - Uma ação ou omissão que viole os deveres de honestidade, imparcialidade, legalidade, e lealdade às instituições constitui ato de improbidade administrativa que atenta contra os princípios da administração pública.
    II - praticar ato visando fim proibido em lei ou regulamento ou diverso daquele previsto, na regra de competência é crime e não ato de improbidade.
    III - revelar fato ou circunstância de que tem ciência em razão das atribuições e que deva permanecer em segredo constitui ato de improbidade, porem, não atenta contra os princípios da administração pública.

    Marque a alternativa correta.

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Cadastrar-se. É simples, rápido e grátis!