← Mais simulados

Simulado: Agente de Escolta e Vigilância Penitenciário - Português - Prova Sejus ES 2012

Simulados, Provas e Questões - Agente de Escolta e Vigilância Penitenciário - Português - Prova Sejus ES 2012 . Ao Terminar de Resolver o Teste, Clique em Corrigir para ver o Gabarito.

2.679 resolveram
62% acertos
Médio
48 gabaritaram
652 ótimo
1.279 bom
698 regular
50 péssimo

Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
De acordo com o texto, é possível afirmar que
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Segundo analistas estrangeiros,
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
No trecho – A explosão do valor dos contratos de tevê... – o termo em destaque pode ser substituído, sem alteração de sentido, por
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Em – ... Campeonato Brasileiro finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. – a palavra em destaque tem como sinônimo:
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
No trecho – Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United, todavia o que impressiona é a rápida expansão. – o termo em destaque pode ser substituído, sem alteração de sentido por
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
A expressão tendão de Aquiles, mencionada em relação ao futebol brasileiro, significa
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
No trecho – Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais uma bolha? – o termo em destaque tem como antônimo:
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
O termo em destaque no trecho – Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do Brasil. – refere-se aos
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Assinale a alternativa correta em relação à norma culta da língua.
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
 Leia as orações a seguir:

I. Entreguei o livro à aluna.
II. Assistimos à novela.
III. Comprei um automóvel à gasolina.

Está(ão) de acordo com a norma culta
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Assinale a alternativa que apresenta concordância nominal de acordo com a norma culta.
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Leia as orações a seguir:

I. Dizem que José está apto com essa função.
II. Ele está muito acostumado de tomar cerveja.
III. A secretária é muito atenciosa para com a família.

A regência nominal está correta apenas em
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Assinale a alternativa que apresenta o correto emprego da vírgula.
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Leia as orações a seguir:

I. Me diga quando será o aniversário.
II. Quem me trouxe essas flores?
III. Ele não se esqueceu do que falei.

A colocação pronominal está de acordo com a norma culta apenas em
Texto associado.
Leia o texto para responder às questões de números 01 a 08.

Poder econômico do Brasil assusta o mundo do futebol

   Inundado por investimentos, patrocínios e empréstimos de
bancos, o futebol brasileiro vive um momento de crescimento
financeiro que começa a mudar o mapa do esporte no mundo. Um
panorama do futebol nacional mostra que, em vários aspectos,
clubes começam a ter receitas parecidas com as dos grandes times
europeus. Entre os cartolas de tradicionais equipes da Europa, a
constatação é de que está cada vez mais caro tirar um jovem do
Brasil. Para especialistas, fica uma questão: até que ponto essa
exuberância econômica no Brasil é sustentável ou é apenas mais
uma bolha?
    Ainda nenhum clube brasileiro se aproxima dos times com
maior renda do mundo, como o Real Madrid e o Manchester United,
todavia o que impressiona é a rápida expansão. Atualmente, as
maiores receitas no Brasil são as do Corinthians e do Inter-RS.
    A explosão do valor dos contratos de tevê também injetou
milhões no futebol e, com o novo acordo, o Campeonato Brasileiro
finalmente se aproxima das maiores ligas do mundo. O Corinthians
também terminará 2011 como o clube mais valioso do país, mas
o time que mais cresceu foi o Santos. Essa expansão já tem sido
suficiente para começar a mudar a lógica das transferências de
jogadores. “Hoje, o jogador que vai para a Europa sai em busca
de uma opção profissional, não por dinheiro”, afirmou Marcos
Motta, em Zurique durante reunião fechada da elite da indústria
do futebol mundial.
    O tendão de Aquiles do futebol brasileiro, porém, são as
dívidas que assolam vários clubes, mesmo entre aqueles que têm
feito contratações milionárias. Por isso, analistas estrangeiros
alertam que o risco é de que uma bolha esteja sendo formada,
como ocorreu com vários clubes espanhóis, que por mais de uma
década gastaram além do que podiam e agora estão quebrados.

(Chade, Jamil. http://www.estadao.com.br/noticias. Adaptado)
Assinale a alternativa que apresenta regência verbal de acordo com a norma culta.

Deixe seu comentário (47)

Foto de perfil frederico ramos valadares
Por frederico ramos valadares em 17/12/2016 10:48:19
Este simulado é muito bom,acertei quase todas!
Foto de perfil vazia
Por Vagner Martins em 17/12/2016 10:45:05
muito bom simulado errei 5 mas simulado bem elaborado
Foto de perfil vazia
Por Alberto Matos em 05/05/2016 21:32:48
Errei quase todas kkkkkkkkkkkk
Muitos anos sem estudar
Foto de perfil vazia
Por Carlos Roberto Cardoso da Silva Junior em 24/10/2015 10:08:38
80% estou melhorando. 26/10/2015.
Foto de perfil vazia
Por fatima de jesus guimaraes em 12/10/2015 16:45:32
RAfapepe, abundância e exuberância estão como sinônimos, a questão pede o antônimo = escassez..... é só prestar atenção.
Foto de perfil Bruna vitorino
Por Bruna vitorino em 22/04/2015 16:55:19
Errei apenas uma, a do antônimo questão 7.
Foto de perfil Ana Cláudia Santos
Por Ana Cláudia Santos em 16/04/2015 14:30:36
Você acertou 15 de 15 questões. Gabaritado
Parabéns! Você acabou de fazer 15 pontos no Ranking de Gabaritadas.
Foto de perfil vazia
Por HENRIQUE FERREIRA DA SILVA em 05/01/2015 12:31:01
Fui bem, mas preciso melhorar, acertei 80% e uma errei de bobeira.
Foto de perfil vazia
Por João Paulo em 05/12/2014 15:30:05
vunesp como sempre moleza
Gabaritado
Foto de perfil gabarito
Por gabarito em 03/12/2014 23:42:47
Você acertou 12 de 15 questões.Muito bom
Foto de perfil gilberto marques dias junior
Por gilberto marques dias junior em 13/05/2014 10:42:28
ESTUDANDO ATENDENTE DE NECROTERIO E AUXILIAR BORA (GIBA)
Foto de perfil vazia
Por sandro romerio de sousa em 30/04/2014 11:54:05
acertei 10/15 preciso melhorar bastante.
Foto de perfil vazia
Por Jeane Ferreira Gomes em 21/12/2013 16:24:35
entender do assunto facilita bastante na compreensão de textos.
Foto de perfil Jeck Ferraz
Por Jeck Ferraz em 31/10/2013 21:58:24
Que pena. Só errei no carro movido a gasolina. Mas entendi e não erro mais! Vejam: Você já viu carro movido "ao álcool"? Dizemos: carro movido a alcool, sem preposição. Com a gasolina ocorre a mesma coisa. Um exemplo parecido: "Candidata a rainha da festa"
Foto de perfil vazia
Por Jose Carlos Pacheco em 06/10/2013 15:55:01
gostaria de estar espirado no dia da prova com hoje..aceitei 12 ..paz e luz..
Foto de perfil vazia
Por Norberto Pastori Junior em 20/09/2013 18:09:35
Virgi Maria dus gabarito! quando eu pensei que tava gabaritando tudo, foi ai que a concordancia nominal e a regenciação me deichou desgabaritado que até errei a resposta do"cartola" tbm! Tô meio bolado com a da gasolina e a novela sobre a Krazía lá!
Foto de perfil Fabiane Brito dos Santos
Por Fabiane Brito dos Santos em 26/08/2013 15:51:57
Não fui muito bem, infelizmente.
Estudar mais!! Acertei só 8.
Foto de perfil Graziella Pereira Santos
Por Graziella Pereira Santos em 29/05/2013 16:27:25
errei 4 mas 2 tinha marcado certo e depois fiquei na duvida e troquei
Foto de perfil vazia
Por Vitor Lucas Alves de Oliveira em 24/05/2013 09:36:34
80%. É preciso se atentar mais a detalhes.
Foto de perfil Gustavo Vaz
Por Gustavo Vaz em 02/05/2013 16:11:28
80%, 12 questões.

Bons estudos galera.
Foto de perfil vazia
Por FRANK ARAUJO DA SILVA em 21/04/2013 11:43:47
FIZ 11 DE 15,TA BOM!
Foto de perfil Fernanda Alcântara
Por Fernanda Alcântara em 15/04/2013 20:11:58
Achei fácil só na parte da interpretação textual, o restante das questões são complexas.
Foto de perfil JÚLIO CÉSAR FEIJÃO MATOS
Por JÚLIO CÉSAR FEIJÃO MATOS em 15/04/2013 10:58:25
Muito bom simulado. Português é sempre desafiante!
Foto de perfil DERICK MARCELO
Por DERICK MARCELO em 12/04/2013 01:16:26
errei 7 mais nem estudei tá bom !
Foto de perfil Bull Terrier
Por Bull Terrier em 03/04/2013 00:21:17
13 de 15 ta fluindo!!
Foto de perfil Eder Elias
Por Eder Elias em 02/04/2013 16:15:26
Análise do seu Resultado:
Você acertou 14 questões de um total de 15.
O seu aproveitamento foi de 93%
O seu desempenho foi avaliado como Muito bom.

Errei a 14, por errar ao gabaritar.... que dó.... poderia ter gabaritado.
Foto de perfil vazia
Por andria oliveira em 26/03/2013 22:23:16
amei este simulado, m=tive a prova que não estou tão mal, mas preciso melhorar. Acertei 10 de 15.
Foto de perfil vazia
Por ricardo calisto em 21/03/2013 23:19:08
errei 8 mas ta otimo
Foto de perfil Jocely Baratto
Por Jocely Baratto em 20/03/2013 13:41:57
Puxa não fui tão mal assim acertei 11 de 15 valeu!
Foto de perfil vazia
Por marília gaburro em 19/03/2013 18:12:28
vou estudar mais...acertei 10 de 15 !!!
Foto de perfil mary ane alves macedo
Por mary ane alves macedo em 17/03/2013 19:58:54
Errei uma, para variar era uma questão de pronomes, rs....Sou péssima no assunto...
Mas fiquei feliz com os 93%!!!!!!
Respondendo ao rafapepe: O gabarito é "escassez" pq o enunciado pede o antônimo de "exuberância"
Espero ter ajudado!
Foto de perfil vazia
Por Fabrício Fonseca de Oliveira em 15/03/2013 21:26:29
Acertei só 8 porém estudando Muito, pois interpretar texto é muito bom e exige muito atenção do leitor !

Estudando: Polícia militar-SP
Foto de perfil vazia
Por GETULIO SILVA DE OLIVEIRA em 15/03/2013 10:17:24
Neste eu já passei?
Foto de perfil simara leite
Por simara leite em 14/03/2013 08:37:49
errei 2 questoes. ta boa!
Foto de perfil Pedro Zagonel
Por Pedro Zagonel em 13/03/2013 02:11:02
Questão 15
Quem aspira, aspira a alguma coisa.
Os alunos apiravam ao Diploma? É isso?
Foto de perfil Adelinda Aparecida Del Padre
Por Adelinda Aparecida Del Padre em 10/03/2013 10:54:17
O oreia era antonimo kkkkkkkkkkkkkkk e a gasolina nã tem crase????/ sabia não kkkk
Foto de perfil vazia
Por Jackson monteiro em 08/03/2013 16:09:02
Erei 5 noss, rafapepe "antonimo" significa contrario intao seria o contrario de exuberancia, axo ke é isso.
Foto de perfil vazia
Por Jean Felipe Martins de Oliveira em 07/03/2013 16:35:45
Mas o antonimo de Exuberância não é escassez!!! O que a pergunta se referia era ao fato de possuir muito ou pouco. Espero ter ajudado.
Foto de perfil GLAUBER MOREIRA BARBOSA DA SILVA
Por GLAUBER MOREIRA BARBOSA DA SILVA em 07/03/2013 15:11:19
Rafapepe a questão fala em antônimo. Deveria ser assinalada a questão que indica o oposto.

Espero ter ajudado.
Foto de perfil Nando R. Carvalho
Por Nando R. Carvalho em 06/03/2013 22:55:33
Feliz! Mais uma gabaritada.
Foto de perfil Rafael dos santos paiva
Por Rafael dos santos paiva em 06/03/2013 03:17:46
Errei a questão 7;Marquei "abundância" e o gabarito é "escassez".se alguém poder explicar essa questão,serei muito grato,pois não a entendi.
Foto de perfil EDERSON ARTEIRO
Por EDERSON ARTEIRO em 05/03/2013 18:02:45
errei 1 por bobagem e a numero 15 tem 2 respostas certas. Na minha conta, só errei uma.
Foto de perfil vazia
Por paulo bertolazo em 04/03/2013 19:34:50
errei 3, mas ta ótimo!!!
Foto de perfil renata silva caetano dos santos
Por renata silva caetano dos santos em 04/03/2013 12:41:29
errei 5 preciso estudar mais ... valeu gabarite
Foto de perfil vazia
Por leonardo de paula pereira em 04/03/2013 11:43:54
Errei 2, mas ta valendo!