Simulado TRF 2ª REGIÃO - Gestão de Pessoas - Analista Judiciário - 2012

Resolva 5 questões de Recursos Humanos (Gestão de Pessoas) Ensino Superior Banca FCC. Teste seus Conhecimentos em Provas Online com Gabarito.

  • 62 Resolveram
  • 71% Acertos
  • 12 Gabaritaram
  • barra ótimo 36 Ótimo
  • barra qtd_bom 13 Bom
  • barra ruim12 Ruim
  • barra péssimo1 Péssimo
  • 1 - Questão 34768.   Recursos Humanos - Gestão de Pessoas - Nível Superior - Analista Judiciário - TRF RJ - FCC - 2012
  • Gestão estratégica de pessoas é
  • 2 - Questão 34769.   Recursos Humanos - Gestão de Pessoas - Nível Superior - Analista Judiciário - TRF RJ - FCC - 2012
  • Sobre a cultura organizacional, analise:

    I. É vista como os valores e expectativas comuns, da mesma forma que as histórias, lendas, rituais e cerimônias.
    II. A cultura pode ser explicitada por meio de códigos de ética, declarações de princípios, credos, ou simplesmente por meio do conjunto das políticas e normas da organização.
    III. Não correspondem às prioridades dadas ao desempenho na função, à capacidade de inovação, à lealdade; à hierarquia e às maneiras de resolver os conflitos e problemas.
    IV. É um recurso da administração, mas não pode ser usado para alcançar os objetivos desta, como a tecnologia, os insumos de produção, os equipamentos, os recursos financeiros e os recursos humanos.

    É correto o que consta APENAS em
  • 3 - Questão 34770.   Recursos Humanos - Gestão de Pessoas - Nível Superior - Analista Judiciário - TRF RJ - FCC - 2012
  • Dentre as teorias da motivação, aquela que, numa primeira visão, sugere que os gerentes devem coagir, controlar e ameaçar os funcionários a fim de motivá-los e, numa segunda visão, acredita que as pessoas são capazes de ser responsáveis, não precisam ser coagidas ou controladas para ter um bom desempenho, é a teoria

Para corrigir este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!

Comentar Simulado

Para comentar este simulado é preciso Entrar ou Cadastrar-se. É simples e rápido!

Não elaboramos as questões, apenas as transcrevemos de provas já aplicadas em concursos públicos anteriores.