HUB - Medicina - Médico Infectologista - 2010

Responda as 12 questões do simulado abaixo (HUB - Medicina - Médico Infectologista - 2010). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

12 questões Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior

29 resolveram
64% acertos
Médio
1 gabaritaram
4 ótimo
21 bom
4 regular
0 péssimo

1Questão 44280. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Julgue os itens seguintes, a respeito da anatomia e fisiologia humanas.

O fator intrínseco, mucoproteína secretada pelas células parietais gástricas, é essencial para a absorção de vitamina B12 no íleo terminal.

2Questão 44281. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Julgue os itens seguintes, a respeito da anatomia e fisiologia humanas. 

As células C da tireoide são responsáveis pela produção do hormônio calcitonina, atuando como reguladoras no metabolismo do cálcio.

3Questão 44282. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

No que concerne à avaliação e ao tratamento das queimaduras, julgue os seguintes itens.

Nos casos de suspeita de lesão por inalação de fumaça, em paciente que apresente rouquidão, sibilos e escarros carbonáceos, a realização de broncoscopia está contraindicada devido ao risco de pneumotórax por barotrauma.

4Questão 44283. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

No que concerne à avaliação e ao tratamento das queimaduras, julgue os seguintes itens.

Nas queimaduras com eletricidade, uma vez que o músculo é o principal tecido lesado, há grande risco de desenvolvimento de nefropatia por deposição de hemocromatinas (mioglobinas).

5Questão 44284. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

O câncer é considerado uma doença genética, pois é desencadeado por alterações no ácido desoxirribonucleico (DNA) da célula. A compreensão das bases moleculares do câncer depende da identificação e caracterização dos genes envolvidos na origem e progressão dessa doença. Acerca desses genes, julgue os próximos itens.

Os genes supressores tumorais atuam como reguladores negativos, funcionando como redutores da proliferação celular; as mutações que levam à perda das funções que são reguladas por esses genes podem contribuir para o desenvolvimento de tumores.

6Questão 44285. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

O câncer é considerado uma doença genética, pois é desencadeado por alterações no ácido desoxirribonucleico (DNA) da célula. A compreensão das bases moleculares do câncer depende da identificação e caracterização dos genes envolvidos na origem e progressão dessa doença. Acerca desses genes, julgue os próximos itens.

Os oncogenes resultam de mutações que ocorrem em razão da exposição a diversos agentes carcinogênicos físicos, químicos ou biológicos, e sua expressão leva a uma proliferação celular anormal, resultando na formação do tumor.

7Questão 44286. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Considerando que, durante a investigação clínica de um paciente de 48 anos de idade com acidose metabólica hiperclorêmica com hiato aniônico (anion gap) plasmático dentro da normalidade, tenha-se obtido o diagnóstico de acidose tubular renal distal tipo 1, julgue os itens a seguir.

No referido paciente, devem-se investigar como possíveis causas dessa doença renal o mieloma múltiplo, o hiperparatireodismo primário, o uso de aminoglicosídeos e a síndrome de Fanconi.

8Questão 44287. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Considerando que, durante a investigação clínica de um paciente de 48 anos de idade com acidose metabólica hiperclorêmica com hiato aniônico (anion gap) plasmático dentro da normalidade, tenha-se obtido o diagnóstico de acidose tubular renal distal tipo 1, julgue os itens a seguir.

Nesse caso, o hiato aniônico (anion gap) urinário deve apresentar valor nulo ou positivo.

9Questão 44288. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Considerando que, durante a investigação clínica de um paciente de 48 anos de idade com acidose metabólica hiperclorêmica com hiato aniônico (anion gap) plasmático dentro da normalidade, tenha-se obtido o diagnóstico de acidose tubular renal distal tipo 1, julgue os itens a seguir.

Hipercalciúria, nefrocalcinose e nefrolitíase são alterações que devem ser investigadas no paciente em tela, pois estão frequentemente associadas a essa nefropatia.

10Questão 44289. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Com relação à doença de Alzheimer, julgue os itens a seguir. 

A ressonância magnética nuclear contribui para o diagnóstico dessa doença, por descartar outras possíveis causas que explicariam os sintomas apresentados pelos pacientes, como a presença de um hematoma subdural crônico.

11Questão 44290. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Com relação à doença de Alzheimer, julgue os itens a seguir. 

A realização de exame de ressonância magnética nuclear é essencial para a programação terapêutica de pacientes com diagnóstico confirmado de doença de Alzheimer.

12Questão 44291. Medicina, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Com relação à doença de Alzheimer, julgue os itens a seguir. 

As alterações de linguagem (comprometimento da memória semântica), com a simplificação dos discursos e redução da diversidade de palavras utilizadas, fazem parte do quadro clínico dessa doença.