Simulado: Exercícios Orações Coordenadas com Gabarito

10 questões Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Responda as 10 questões do simulado abaixo (Exercícios Orações Coordenadas com Gabarito). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

1.213 resolveram
47% acertos
Difícil
23 gabaritaram
110 ótimo
545 bom
455 regular
103 péssimo
Dados estatísticos de usuários que resolveram este simulado.

1Questão 52450. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Assinale a opção em que o período não é construído de orações coordenadas.

2Questão 52451. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Assinale a alternativa que contém uma coordenativa conclusiva:

3Questão 52452. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Identifique a oração coordenada conclusiva:

4Questão 52453. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Orações Coordenadas: “estudamos, logo deveremos passar nos exames”. A oração em destaque é:

5Questão 52454. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Um livro de receita é um bom presente porque ajuda as pessoas que não sabem cozinhar. A palavra “porque” pode ser substituída, sem alteração de sentido, por

6Questão 52455. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Assinale a alternativa em que o sentido da conjunção está corretamente indicado entre parênteses.

7Questão 52456. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

“(...) fi-la construir de propósito, levado de um desejo tão particular que me vexa imprimi-lo, mas vá lá.” O vocábulo sublinhado introduz oração que denota:

8Questão 52457. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

Todas as orações estão analisadas corretamente, exceto:

9Questão 52458. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

“Sai, afastando-me dos grupos, e fingido ler os epitáfios. E, aliás, gosto dos epitáfios; eles são, entre a gente civilizada, uma expressão daquele pio e secreto egoísmo que induz o homem a arrancar à morte um farrapo ao menos da sombra que passou. Daí vem, talvez, a tristeza inconsolável dos que sabem os seus mortos na vala comum; parece-lhes que a podridão anônima os alcança a eles mesmos.”
(Quincas Borba - M. de Assis)

“(...) que a podridão anônima os alcança a eles mesmos.” É uma oração:

10Questão 52459. Português, Orações Coordenadas, Ensino Médio

No período: “E era uma tal multidão de astros a tremeluzir que, juro, às vezes, tinha a impressão de ouvir o burburinho infantil de suas vozes.”, o vocábulo sublinhado introduz uma oração: