Simulado: Modo de Produção Asiático, Grécia Antiga e Mundo Romano - Exercícios 2

10 questões História, Antiguidade, Ensino Médio

Responda as 10 questões do simulado abaixo (Modo de Produção Asiático, Grécia Antiga e Mundo Romano - Exercícios 2). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

158 resolveram
30% acertos
Difícil
5 gabaritaram
12 ótimo
21 bom
80 regular
45 péssimo
Dados estatísticos de usuários que resolveram este simulado.

1Questão 54143. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFES) Na Antigüidade Oriental, o Modo de Produção Asiático caracterizou-se fundamentalmente pelo(a):

2Questão 54144. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFPB) Entre os historiadores, existe o consenso de que o saber histórico é construído a partir de fontes. Portanto, é incorreto afirmar que as fontes históricas são:

3Questão 54145. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFES) Entre as causas do declínio das cidades-estado (pólis) da Grécia, é possível destacar o(a):

4Questão 54146. História, Antiguidade, Ensino Médio

(F.M. Itajubá-MG) O sistema econômico, social e político do Império Romano funcionou bem nos três primeiros séculos da Era Cristã; a partir de então, começou uma crise que o levou à desintegração no século V. Qual dos itens a seguir indica uma das causas reais da queda do Império Romano?

5Questão 54147. História, Antiguidade, Ensino Médio

(FATEC-SP) Na visão do historiador grego Tucídides, a guerra do Peloponeso estendeuse por longo tempo e, no seu curso a Hélade (Grécia), sofreu desastres como jamais houvera num lapso de tempo comparável. Nunca tanta gente foi exilada ou massacrada, quer no curso da própria guerra, quer em conseqüência de dissenções civis. Com relação à Guerra do Peloponeso podemos afirmar que o seu resultado foi:

6Questão 54148. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFPB) A periodização é parte fundamental do saber histórico. Nesse sentido, afirma-se:

I. O marco histórico pode ser definido como qualquer acontecimento cuja importância social o transforma em referência na explicação histórica.
II. A consagrada divisão temporal de História Antiga, História Medieval, História Moderna e História Contemporânea reflete o eurocentrismo da idéia de História Universal linear.
III. A periodização é um recurso metodológico do saber histórico que serve para orientar a compreensão de acontecimentos e processos vividos como forma de evitar o anacronismo, ou seja, evitar atribuir a uma época o que a ela não pertence.

Considerando as afirmações, está(ão) corretas(s):

7Questão 54149. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFPB) A historiografia costuma chamar as sociedades que se desenvolveram antes da invenção da escrita como “pré-históricas”. Os homens dessas sociedades paulatinamente superaram suas deficiências físicas e de raciocínio, bem como de adaptação ao ambiente, onde passaram a criar condições materiais para sobreviver. Sobre esse longo período, em que viveram essas sociedades, afirma-se:

I. O paleolítico é caracterizado como o período da pedra lascada, em que a luta pela sobrevivência tinha por base a caça, a pesca e a coleta. Os homens eram nômades, viviam em bandos e habitavam as cavernas.
II. A principal conquista do neolítico foi o domínio do fogo, que possibilitou ao homem defender-se de animais, preparar alimentos, proteger-se do frio e sedentarizar-se, organizando-se em tribos e vivendo em aldeias agrícolas auto-suficientes.
III. Duas características marcaram a Idade dos Metais: a revolução urbana e o uso de instrumentos de metal na fabricação de utensílios e armas.

Esse período se distingue pela harmonia entre os povos. Considerando as afirmativas, está(ão) correta(s):

8Questão 54150. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFPB) A historiografia costuma chamar as sociedades que se desenvolveram antes da invenção da escrita como “pré-históricas”. Os homens dessas sociedades paulatinamente superaram suas deficiências físicas e de raciocínio, bem como de adaptação ao ambiente, onde passaram a criar condições materiais para sobreviver. Sobre esse longo período, em que viveram essas sociedades, afirma-se:

I. O paleolítico é caracterizado como o período da pedra lascada, em que a luta pela sobrevivência tinha por base a caça, a pesca e a coleta. Os homens eram nômades, viviam em bandos e habitavam as cavernas.
II. A principal conquista do neolítico foi o domínio do fogo, que possibilitou ao homem defender-se de animais, preparar alimentos, proteger-se do frio e sedentarizar-se, organizando-se em tribos e vivendo em aldeias agrícolas auto-suficientes.
III. Duas características marcaram a Idade dos Metais: a revolução urbana e o uso de instrumentos de metal na fabricação de utensílios e armas. Esse período se distingue pela harmonia entre os povos.

Considerando as afirmativas, está(ão) correta(s):

9Questão 54151. História, Antiguidade, Ensino Médio

(UFPB) A historiografia costuma chamar as sociedades que se desenvolveram antes da invenção da escrita como “pré-históricas”. Os homens dessas sociedades paulatinamente superaram suas deficiências físicas e de raciocínio, bem como de adaptação ao ambiente, onde passaram a criar condições materiais para sobreviver. Sobre esse longo período, em que viveram essas sociedades, afirma-se:

I. O paleolítico é caracterizado como o período da pedra lascada, em que a luta pela sobrevivência tinha por base a caça, a pesca e a coleta. Os homens eram nômades, viviam em bandos e habitavam as cavernas.
II. A principal conquista do neolítico foi o domínio do fogo, que possibilitou ao homem defender-se de animais, preparar alimentos, proteger-se do frio e sedentarizar-se, organizando-se em tribos e vivendo em aldeias agrícolas auto-suficientes.
III. Duas características marcaram a Idade dos Metais: a revolução urbana e o uso de instrumentos de metal na fabricação de utensílios e armas. Esse período se distingue pela harmonia entre os povos.

Considerando as afirmativas, está(ão) correta(s):

10Questão 54152. História, Antiguidade, Ensino Médio

(Univali-SC) A partir deste tipo de homem, atinge-se o Homo Sapiens. O homem chegou a este estágio de desenvolvimento por volta de 40.000 anos antes de Cristo. Bem diferente dos anteriores, este tipo de homem era alto, possuía membros retos e peito amplo, fronte mais alta, queixo arredondado. Sua grande capacidade craniana demonstra elevado grau de inteligência, que provou através do aperfeiçoamento da arte, da magia e da vida social. O texto acima refere-se ao: