Exercícios Concepções de Mundo, Homem e Educação com Gabarito

Responda as 10 questões abaixo (Exercícios Concepções de Mundo, Homem e Educação com Gabarito). Ao terminar, clique no botão para ver sua nota e o gabarito. Boa prova!

10 questões Pedagogia, Concepções de Mundo, Homem e Educação, Médio

30 resolveram
30% média
Difícil
0 gabaritaram
0 Ótimo
3 Bom
20 Regular
7 Péssimo
Queiroz e Moita (2007) discorrem sobre os fundamentos sociofilosóficos da educação, a importância dos seus estudos na formação docente e explicam que Fundamentos são os princípios básicos, o alicerce para o entendimento das outras disciplinas. Conforme as autoras, para a prática pedagógica, esses estudos representam
Conforme Rios (2001), a filosofia ao refletir sobre a educação e ao problematizar seus fundamentos e os valores presentes no comportamento humano em sociedade, reveste-se de uma feição peculiar, pois considera a educação sob a perspectiva:
Para organizar as ações em instituições educativas, é possível localizar as contribuições sistematizados por Barros e Pequeno (2018). Os autores argumentam sobre o papel da educação no desenvolvimento humano. Compreender esse papel envolve refletir sobre a cultura. De acordo com os estudiosos:

I- Todas as pessoas são seres culturais que, no decurso da vida, se apropriam da cultura socialmente acumulada ao longo da história e também produzem cultura.
II- Não é possível entender cultura desvinculada dos aspectos da vida em sua totalidade.
III- As vivências com outras pessoas possibilitam nossa humanização e sobrevivência no mundo.
Quando se menciona sobre as relações interpessoais, fazem-se necessário compreender melhor os outros, pois em algumas situações os sujeitos costumam afirmar que: é muito difícil compreender outra pessoa a partir de planos mágicos como a astrologia, leitura de cartas do baralho ou consultando uma quiromante. A partir dessa premissa o ser humano começa entender as barreiras e defesas que limitam o relacionamento que ele estabelece com o outro, contudo, para romper com tais barreiras acaba sendo necessário definir algumas metas pessoais que envolvem a ideia em:
O direito à educação na infância e na adolescência é hoje defendida pela maioria da população. Nos dias atuais é inaceitável que uma criança esteja fora da escola na chamada idade escolar. Uma mãe analfabeta, com baixa escolaridade, vai brigar pelo direito do filho a ter uma vaga na escola. Mas, provavelmente, não brigará pelo dela. Ela não se vê como alguém que tem direito à educação. Diante disso, é correto afirmar que
Sobre os fundamentos filosóficos da educação, é correto afirmar:
Para Libâneo, a organização e os processos de gestão assumem diferentes modalidades, conforme a concepção que se tenha das finalidades sociais e políticas da educação em relação à sociedade e à formação dos alunos. Situássemos as concepções em uma linha contínua, teríamos em um extremo a concepção técnico-científica e no outro a sociocrítica.
Coloque 1 para as afirmativas que se referem à concepção técnico-científica e 2 para as que se referem à concepção sociocrítica.

( ) Prevalece uma visão burocrática e tecnicista de escola.
( ) A direção é centralizada em uma pessoa.
( ) A organização escolar é concebida como um sistema que agrega pessoas.
( ) A organização escolar é considerada construção social levada a efeito por professores, alunos, pais e por integrantes da comunidade.
( ) A organização escolar é tomada como uma realidade que funciona racionalmente.
( ) As escolas que operam com esse modelo dão muito peso à estrutura organizacional.
( ) O processo de tomada de decisão dá-se coletivamente.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
Nos “Cadernos do Cárcere” (2001), Gramsci considera que “a escola é o instrumento para elaborar os intelectuais de diversos níveis”. Para Gramsci, os intelectuais classificam-se como:
Na tradição filosófica em que predomina a abordagem metafísica busca-se a(o):
Ao longo da história a educação vem sendo permeada por diferentes correntes filosóficas que influenciam o modo de pensar e da ação pedagógica. Dentre os pensadores que contribuíram para o desenvolvimento dessas correntes temos: