Fisiologia do Sistema Músculo Esquelético - Exercícios com Gabarito - Enfermagem

Responda as 10 questões abaixo (Fisiologia do Sistema Músculo Esquelético - Exercícios com Gabarito - Enfermagem). Ao terminar, clique no botão para ver sua nota e o gabarito. Boa prova!

10 questões Enfermagem, Fisiologia do Sistema Músculo Esquelético, Médio

15 resolveram
26% média
Difícil
0 gabaritaram
0 Ótimo
4 Bom
5 Regular
6 Péssimo
Quando, na avaliação de um membro traumatizado, o profissional se deparar com a perda/remoção de uma extremidade do corpo (total), deve tomar as seguintes condutas no suporte básico de vida:

I. Realizar avaliação primária, com ênfase para a manutenção da permeabilidade de vias aéreas e da boa ventilação.
II. Controlar hemorragia no segmento afetado (iniciar com compressão direta e, em caso de sangramento persistente, com risco de vida ao paciente, considerar o uso de torniquete, que deverá ser avaliado cuidadosamente).
III. Cobrir ferimento com curativo seco.
IV. Evitar manipular a lesão que não sangra (pode ser rompido o coágulo sanguíneo e ocorrer novo sangramento).

Está correto o que se afirma em: 
Conhecer os tipos de lesões traumáticas é importante para a conduta adequada do socorrista. Existe um tipo de lesão, na qual as extremidades ósseas que formam uma articulação ficam deslocadas, permanecendo desalinhadas e sem contato entre si, estando o osso desencaixado da articulação. Esse tipo de lesão é uma
Lesão da articulação causada por um movimento violento sem fraturas, porém causa muita dor e edema, necessitando de imobilização. Pode causar rompimento de vasos sanguíneos, tendões e ligamentos. O enunciado refere-se à
Uma lesão de tecido mole produzida por uma pancada rompendo os vasos de pequeno calibre, ocasionando sangramento no tecido, é chamada de:
No que se refere aos músculos esqueléticos que apresentam o fenômeno da contratilidade, proporcionando o encurtamento de suas fibras e o consequente movimento, é correto afirmar que eles realizam contração
A consolidação óssea, em relação às suas fases, encerra-se com o fenômeno da
Na avaliação do estado geral de um paciente, a perda da força motora dos músculos é denominada:
Uma mulher com 50 anos de idade, magra e de baixa estatura é sedentária, tabagista, faz uso frequente de corticoides e, praticamente não se expõe ao sol. A dieta, que a mesma consome, é rica em carne, e diz não gostar de verduras, queijos ou iogurtes, pois prefere ingerir pães. Gosta de alimentação com muito sal e bebe, aproximadamente, seis xícaras de café ao dia. Há relato de que a menarca foi precoce, que a menopausa ocorreu aos 45 anos, e que não teve filhos. De acordo com o MS (2007), nesta situação, dentre os fatores de risco para osteoporose e fraturas ósseas, estão:
Ao participar de um programa de prevenção à LER/DORT - Lesões por Esforço Repetitivo/Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (SESAB, 2009), o enfermeiro deve saber que são exemplos dessa síndrome clínica
O exame neurológico do trabalhador permite identificar alguns défices relacionados à força muscular. Qual registro corresponde, nessa avaliação, à diminuição ou fraqueza muscular?