Simulado: Residência Médica - Infectologista - HUB - Cirurgia Geral

3 questões Medicina, Cirurgia Geral, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior

Responda as 3 questões do simulado abaixo (Residência Médica - Infectologista - HUB - Cirurgia Geral). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

17 resolveram
47% acertos
Difícil
3 gabaritaram
3 ótimo
5 bom
5 regular
4 péssimo
Dados estatísticos de usuários que resolveram este simulado.

1Questão 58419. Medicina, Cirurgia Geral, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Texto associado.
Um homem de 60 anos de idade com diagnóstico de colecistite crônica calculosa será submetido à colecistectomia videolaparoscópica. Ele também apresenta hipertensão arterial sistêmica, em uso de medicação, com bom controle da pressão; não tem outras queixas ou doenças associadas além das citadas e não faz uso de outros medicamentos.
Considerando o caso clínico apresentado, a avaliação pré-operatória desse paciente e o ato anestésico, julgue os itens subsequentes.

Nesse paciente, o uso do anestésico inalatório halotano promove o aumento da pressão arterial, por provocar aumento da resistência vascular sistêmica.

2Questão 58420. Medicina, Cirurgia Geral, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Texto associado.
Um homem de 60 anos de idade com diagnóstico de colecistite crônica calculosa será submetido à colecistectomia videolaparoscópica. Ele também apresenta hipertensão arterial sistêmica, em uso de medicação, com bom controle da pressão; não tem outras queixas ou doenças associadas além das citadas e não faz uso de outros medicamentos.
Considerando o caso clínico apresentado, a avaliação pré-operatória desse paciente e o ato anestésico, julgue os itens subsequentes.

Em casos semelhantes ao apresentado, geralmente é permitido ao paciente, durante o período perioperatório, continuar utilizando as medicações anti-hipertensivas.

3Questão 58421. Medicina, Cirurgia Geral, Médico Infectologista, HUB, CESPE, Ensino Superior, 2010

Texto associado.
Um homem de 60 anos de idade com diagnóstico de colecistite crônica calculosa será submetido à colecistectomia videolaparoscópica. Ele também apresenta hipertensão arterial sistêmica, em uso de medicação, com bom controle da pressão; não tem outras queixas ou doenças associadas além das citadas e não faz uso de outros medicamentos.
Considerando o caso clínico apresentado, a avaliação pré-operatória desse paciente e o ato anestésico, julgue os itens subsequentes.

De acordo com a ASA (American Society of Anesthesiologists), esse paciente é classificado, quanto ao estado físico, como ASA I, pois a doença sistêmica que apresenta é leve e está compensada.