Simulado: Medicina Preventiva - Residência Médica - UNIFESP

5 questões Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior

Responda as 5 questões do simulado abaixo (Medicina Preventiva - Residência Médica - UNIFESP). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

15 resolveram
23% acertos
Difícil
0 gabaritaram
0 ótimo
1 bom
10 regular
4 péssimo
Dados estatísticos de usuários que resolveram este simulado.

1Questão 58687. Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior, 2015

Pesquisadores da Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo planejaram estudar o prognóstico clínico da tuberculose pulmonar usando amostragem probabilística. Decidiram selecionar para o estudo todos os pacientes cujos prontuários tivessem número de inscrição terminado com o algarismo 7. Que tipo de amostra probabilística foi essa?

2Questão 58688. Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior, 2015

De 20 mulheres com tensão pré-menstrual que receberam extrato de soja, seis melhoraram em seis meses. De outras 20 mulheres com tensão pré-menstrual que receberam placebo, duas melhoraram em seis meses. Os dois parâmetros resultantes foram, então, comparados. Qual teste estatístico deve ser aplicado na análise?

3Questão 58689. Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior, 2015

Tem grau de recomendação "A" (Recomenda-se que se ofereça o serviço, pois existe extrema certeza de que o benefício é substancial.) pelo United States Preventive Services Task Force (2010) e Ministério da Saúde do Brasil (2013) o rastreamento de

4Questão 58690. Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior, 2015

No estudo citado na questão anterior, o valor da fração atribuível à hipertensão não tratada na frequência de casos de acidente vascular cerebral foi (em porcentagem):

5Questão 58691. Medicina, Medicina Preventiva, Residência Médica, UNIFESP, CONSESP, Ensino Superior, 2015

Duzentas mulheres foram convidadas e aceitaram participar de um protocolo de pesquisa sobre perda de peso. Metade das mulheres recebeu uma droga recém-criada para agir na diminuição do apetite e a outra metade recebeu placebo durante 1 mês. O estudo realizado foi duplo cego. Para testar a hipótese de que a droga viabiliza maior perda de peso que o placebo deve-se recorrer ao teste: