← Mais simulados

Simulado: Exercícios Gerenciamento de Resíduos dos Serviços de Saúde

Simulados, Provas e Questões - Exercícios Gerenciamento de Resíduos dos Serviços de Saúde. Ao Terminar de Resolver o Teste, Clique em Corrigir para ver o Gabarito.

274 resolveram
51% acertos
Médio
5 gabaritaram
66 ótimo
84 bom
108 regular
16 péssimo

Com relação aos resíduos sólidos de saúde, peças anatômicas (membros) do ser humano; produto de fecundação sem sinais vitais, com peso menor que 500 gramas ou estatura menor que 25 centímetros ou idade gestacional menor que 20 semanas, que não tenham valor científico ou legal e não tenha havido requisição pelo paciente ou seus familiares, são descritas pela ANVISA no grupo de resíduos sólidos de saúde:
Resíduos químicos no estado líquido devem ser submetidos a tratamento específico, sendo vedado o seu encaminhamento para disposição final em aterros. A ANVISA classifica esses resíduos no grupo:
Para os resíduos de saúde descritos como lixo comum, destinados à reciclagem ou reutilização, a identificação deve ser feita nos recipientes e nos abrigos de guarda de recipientes, usando código de cores e suas correspondentes nomeações, e símbolos de tipo de material reciclável. Usualmente nos postos de enfermagem, utilizamos a reciclagem de plásticos e papéis, que devem ser descartados, respectivamente, em recipientes de cor:
Os resíduos de serviços de saúde (RSS) do Grupo A, que não precisam ser obrigatoriamente tratados, devem ser acondicionados em coletor com saco de material impermeável, resistente à ruptura e vazamento, na cor:
A Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) nº 222, de 28 de março de 2018, que regulamenta as boas práticas de Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde, aborda a necessidade do manejo adequado dos resíduos sólidos de serviço de saúde (RSSS), sendo uma medida importante para o controle de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde. Diante dessa temática, julgue a afirmativa a seguir:

“O profissional da área da saúde iniciou a administração de medicamento intravenoso no paciente A.S.D. Ao administrar 2 mL de um total de 20 mL de solução, o profissional interrompeu o procedimento, devido aos sinais de reação anafilática que o paciente apresentou”.

I. Ao interromper o procedimento para prestar os primeiros atendimentos ao paciente, o profissional da área da saúde gerou resíduos de serviços de saúde do tipo perfurocortantes. Esses resíduos são classificados como do grupo E.
II. Ao interromper o procedimento, o profissional da área da saúde gerou resíduos de serviço de saúde infectantes, ou seja, do grupo B, como o algodão com sangue e as luvas contendo sangue que, necessariamente, devem ser desprezados em recipientes com saco branco leitoso.
III. O coletor para descarte de materiais perfurocortantes, conhecidos, comercialmente, por exemplo, como descarpack® ou descartex®, é um recipiente recomendado para descarte de lâminas, materiais pontiagudos e perfurocortantes; esse coletor não deve ultrapassar 2/3 da sua capacidade para descarte de resíduos.
IV. Os resíduos gerados no preparo do medicamento, como o papel/invólucro da seringa, devem ser desprezados em recipientes destinados aos resíduos do grupo A, ou seja, em saco branco leitoso.
V. O profissional que gerar o resíduo é o responsável por segregar (separar) e descartar o resíduo no recipiente correto, conforme a classificação do grupo correspondente.

Diante das afirmativas, marque a alternativa correta correspondente:
Os resíduos gerados pelos serviços de saúde ocupam lugar de destaque no gerenciamento de resíduos, em decorrência dos imediatos e graves riscos que podem oferecer por apresentarem componentes químicos, biológicos e radioativos. Estes resíduos têm potencial de risco significativo tanto para a saúde ocupacional de quem os manipula, quanto para o meio ambiente, em caso de destinação inadequada. Dessa forma, a ANVISA, por meio da RDC 306/2004, regulamenta a elaboração e implementação do Plano de Gerenciamento dos Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS), (BRASIL, 2006). Considerando essa RDC, o planejamento do PGRSS deve
A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, com a RDC nº 306, de 7/12/2004, dispõe sobre o Regulamento Técnico para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde. Para fins de aplicabilidade do regulamento, os resíduos sólidos são classificados de acordo com cada grupo. Sendo assim, os resíduos classificados como do grupo “E” são os resíduos:
Assinale a alternativa que contemple o grupo ao qual pertencem os resíduos potencialmente infectados.
De acordo com a Agencia Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), os materiais perfurocortantes e escarificantes (resíduos do Grupo E) devem ser descartados adequadamente de forma a evitar ferimentos físicos e/ou possível contaminação por agentes patogênicos a seus manipuladores. Sobre o descarte correto dos perfurocortantes está CORRETO o que se afirma em:
Para a realização da descontaminação e limpeza de materiais é preciso seguir algumas recomendações durante o manuseio de artigos. Assinale a alternativa INCORRETA.

Deixe seu comentário (0)

Seja o primeiro a comentar!