Exercícios Atenção Básica e Saúde da Família com Gabarito - Enfermagem

Responda as 10 questões do simulado abaixo (Exercícios Atenção Básica e Saúde da Família com Gabarito - Enfermagem). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

10 questões Enfermagem, Atenção Básica e Saúde da Família, Médio

131 resolveram
53% média
Regular
5 gabaritaram
20 Ótimo
67 Bom
41 Regular
3 Péssimo
A equipe de Saúde da Família deve realizar seu trabalho de forma compartilhada com a Atenção Básica e a Vigilância em Saúde.

Sobre o trabalho na Atenção Básica, assinale a alternativa correta.
Quanto à Convivência familiar e comunitária marque a alternativa INCORRETA:

I- A Legislação brasileira prevê que as crianças ou adolescentes inseridos em programa de acolhimento familiar ou institucional terão no máximo a cada 18 (dezoito) meses sua situação reavaliada, sendo que a autoridade judiciária competente, deve decidir de forma fundamentada pela possibilidade de reintegração familiar ou pela colocação em família substituta.
II- À criança cuja mãe adolescente estiver em acolhimento institucional será garantida a convivência integral.
III- Crianças e adolescentes têm direitos à criação e educação no seio familiar e, excepcionalmente, em família substituta, assegurada a convivência familiar e comunitária, em ambiente que garanta seu desenvolvimento integral.
IV- Será garantida a convivência da criança e do adolescente com a mãe ou o pai privado de liberdade, por meio de visitas periódicas promovidas pelo responsável ou, nas hipóteses de acolhimento institucional, pela entidade responsável, independentemente de autorização judicial. 

É correto o que se afirma em:
A permissão de entrada em uma casa representa algo muito significativo, que envolve confiança no ACS e merece todo o respeito. É o que poderia ser chamado de “procedimento de alta complexidade” ou pelo menos de “alta delicadeza”. Sobre as visitas domiciliares analise os itens abaixo:

I. A visita domiciliar é a atividade mais importante do processo de trabalho do agente comunitário de saúde. Ao entrar na casa de uma família, você entra não somente no espaço físico, mas em tudo o que esse espaço representa. Nessa casa vive uma família, com seus códigos de sobrevivência, suas crenças, sua cultura e sua própria história.
II. A sensibilidade/capacidade de compreender o momento certo e a maneira adequada de se aproximar e estabelecer uma relação de confiança é uma das habilidades mais importantes do ACS. Isso lhe ajudará a construir o vínculo necessário ao desenvolvimento das ações de promoção, prevenção, controle, cura e recuperação.
III. Em se tratando de separar o lado pessoal do profissional e os limites da relação ACS/família, isso pode determinar ou reorganizar seu processo de trabalho e a forma como se vincula à família. Recomenda-se que o ACS estabeleça um bom vínculo com a família e saiba que a sua relação pessoal e seu papel como agente comunitário de saúde devem ser a mesma coisa, se misturar, para melhor se internalizar nos problemas da família a ser acompanhada.
IV. O ACS, na sua função de orientar, monitorar, esclarecer e ouvir, passa a exercer também o papel de educador. Assim, é fundamental que sejam compreendidas as implicações que isso representa.

Analisados os itens é CORRETO afirmar que: 
Sobre as ações educativas promovidas com a participação do Agente de Saúde e voltadas para o aleitamento materno, marque o item INCORRETO:
Paciente idoso chega à unidade de saúde de atenção primária acompanhado de familiar que refere ter o idoso apresentado, após a caminhada matinal em jejum, um quadro de tremores, sudorese, palidez, taquicardia, tonturas, cefaleia, fraqueza, distúrbios visuais e sinais de confusão mental. Ao avaliar o paciente, o médico observou que ele já estava responsivo, mas ainda se apresentava com palidez e um tanto desorientado.

Após verificar os sinais vitais, para favorecer a definição do caso, o técnico de enfermagem deve
Paciente idoso chega à unidade de saúde de atenção primária acompanhado de familiar que refere ter o idoso apresentado, após a caminhada matinal em jejum, um quadro de tremores, sudorese, palidez, taquicardia, tonturas, cefaleia, fraqueza, distúrbios visuais e sinais de confusão mental. Ao avaliar o paciente, o médico observou que ele já estava responsivo, mas ainda se apresentava com palidez e um tanto desorientado.

O quadro indica que o paciente apresenta sinais e sintomas sugestivos de
A portaria nº 2.436/2017 aprova a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB),estabelecendo a revisão de diretrizes para a organização da Atenção Básica, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Sobre a PNAB, é correto afirmar:
Segunda a Política Nacional de Atenção Básica (2012), os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) foram criados com o objetivo de ampliar a abrangência e o escopo das ações da atenção básica, bem como sua resolubilidade. Sobre os NASF é correto afirmar:
A Atenção Básica é desenvolvida com o mais alto grau de descentralização e capilaridade, ocorrendo no local mais próximo da vida das pessoas. Segundo a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB), as equipes da atenção básica, compostas por profissionais de saúde com responsabilidade exclusiva de articular e prestar atenção integral à saúde das pessoas em situação de rua. Essa descrição refere-se as equipes
De acordo com Figueiredo (2013), a responsabilização compartilhada entre a equipe do NASF e as Equipes de Saúde da Família e de populações específicas garante a essas equipes maior segurança no encaminhamento, com base nos processos de referência e contra referência, e atua no fortalecimento do seu papel de coordenação do cuidado nas redes de Atenção à Saúde. Assim, principalmente pelo aumento da capacidade de análise e de intervenção sobre os problemas e as necessidades de saúde, esse sistema permite materializar diretamente o princípio do SUS conhecido como