← Mais simulados

Simulado: Exercícios Conhecimentos Gerais sobre Saúde com Gabarito

Simulados, Provas e Questões - Exercícios Conhecimentos Gerais sobre Saúde com Gabarito. Ao Terminar de Resolver o Teste, Clique em Corrigir para ver o Gabarito.

18 resolveram
51% acertos
Médio
1 gabaritaram
3 ótimo
6 bom
9 regular
0 péssimo

Leia a notícia abaixo:

DIA NACIONAL DO COMBATE AO CÂNCER

O Dia Nacional de Combate ao Câncer foi instituído para conscientizar a população sobre a doença, o tratamento e prevenção. O câncer é 2ª maior causa de morte no Brasil, atrás apenas do AVC (Acidente Vascular Cerebral). O alerta é para o câncer de próstata nos homens e o de mama nas mulheres, pois são os mais frequentes nesses grupos.

Fonte: http://www.rionovo.mg.gov.br/dia-nacional-do-combate-ao-cancer/

Qual o dia Nacional de combate ao câncer ?
A respeito do Aedes Aegypti, assinale a afirmativa incorreta.
A Secretaria de Estado de Saúde (SES) confirmou no dia 09 de julho de 2018 a ocorrência de dois casos de sarampo no Rio de Janeiro. As amostras foram analisadas pela Fiocruz, laboratório de referência do Ministério da Saúde. Desde a primeira suspeita da circulação de sarampo, a SES e a Secretária Municipal de Saúde do Rio de Janeiro têm trabalhado em parceria. Pelo menos 17 casos suspeitos estão sendo investigados.

(Fonte adaptada: istoe.com.br >acesso em 09 de julho de 2018)

Os recentes casos de sarampo no Brasil colocaram as autoridades sanitárias e de saúde em alerta para um surto da doença. Com base nas notícias de veiculação nacional, é correto afirmar sobre o sarampo:
O Ministério da Saúde anunciou no dia 05 de julho de 2018 o lançamento de um plano para eliminar a hepatite C até 2030. A estratégia prevê a redução das etapas para o diagnóstico da doença e a ampliação da testagem em grupos considerados prioritários (como pessoas vivendo com HIV/AIDS, pacientes que fazem diálise, usuários de drogas e bebês de mães que têm hepatite C).

(Fonte adaptada: noticias.uol.com.br >acesso em 06 de julho de 2018)

Além da hepatite C, existem também os seguintes tipos de hepatite, exceto:
O Ministério da Saúde anunciou no dia 05 de julho de 2018 o lançamento de um plano para eliminar a hepatite C até 2030. A estratégia prevê a redução das etapas para o diagnóstico da doença e a ampliação da testagem em grupos considerados prioritários (como pessoas vivendo com HIV/AIDS, pacientes que fazem diálise, usuários de drogas e bebês de mães que têm hepatite C).

(Fonte adaptada: noticias.uol.com.br >acesso em 06 de julho de 2018)

Além da hepatite C, existem também os seguintes tipos de hepatite, exceto:
Um caso da Febre do Nilo Ocidental confirmado em um cavalo, no município de São Mateus, no norte do Espírito Santo, está colocando em alerta as autoridades sanitárias do País. O primeiro caso em humano foi registrado em 2014, em um vaqueiro de Aroeiras do Itaim, no interior do Piauí. Ele se curou, mas ficou com sequelas.

(Fonte adaptada: https://saude.estadao.com.br >acesso em 21 de junho de 2018)

Sobre a Febre do Nilo Ocidental é correto afirmar que:
“Entre 1991 e 2010, a população residente em setores urbanos conhecidos como aglomerados subnormais aumentou em mais de 60%, passando de pouco menos de sete milhões para 11,4 milhões, segundo o Censo demográfico do IBGE” (IBGE, 2018, pág. 18). Os aglomerados subnormais, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), são caracterizados pela ausência ou precariedade de serviços básicos.

Assinale a alternativa incorreta a respeito dos serviços básicos ausentes ou precários em questão:
Biólogo brasileiro aposta em medicamento contra hepatite C para curar o Zika vírus.

De acordo com Muotri, pesquisa pode levar medicamento contra Zika mais rápido ao mercado, por usar substância já aprovada para hepatite C. Enquanto cientistas e empresas farmacêuticas corriam contra o tempo para criar, do zero, uma vacina contra o Zika vírus, o biólogo Alysson Muotri estava olhando para o outro lado.

A hipótese dele era de que remédios que já estão no mercado e são usados contra outras doenças poderiam também ser efetivos contra o Zika vírus, que causou alterações neurológicas em mais de 3 mil crianças no Brasil entre 2015 e 2017.

As evidências científicas apontam para a possibilidade de Muotri ter acertado em sua aposta. Em estudo publicado em janeiro na revista Scientific Reports, do prestigioso grupo Nature, a equipe de Muotri diz que o remédio Sofosbuvir, usado no tratamento de hepatite C, pode curar a infecção por Zika e impedir também a transmissão do vírus da mãe para o bebê durante a gravidez.
[...].

(i) A pesquisa se dividiu entre a Faculdade de Medicina da Universidade da Califórnia, onde Muotri coordena o Programa de Células-tronco, e o Instituto de Ciências Biomédicas da USP.
(ii) De acordo com o Ministério da Saúde brasileiro, desde outubro de 2015 até dezembro de 2017, foram confirmados 3.037 casos suspeitos de bebês com alterações no crescimento e desenvolvimento, possivelmente relacionadas à infecção pelo Zika.
(iii) No mundo, mais de 70 países registraram a doença e pelo menos 26 apresentaram casos de Síndrome congênita do Zika em crianças.

(Camilla Costa - Da BBC Brasil em São Paulo. Disponível em http://www.bbc.com/portuguese/brasil-42849555. Acesso em 03/02/2018. Acesso em 05/02/2018).

Assinale a alternativa que faz a afirmação verdadeira sobre os itens.
Leia atentamente a seguinte notícia jornalística sobre a relação entre saúde e meio ambiente.

“Enquanto aumenta a quantidade de casos de febre amarela no Rio de Janeiro, macacos - que não são transmissores - tornaram-se vítimas não só da doença, mas também da população. A Vigilância Sanitária já recolheu quase trinta primatas mortos somente este mês. Especialistas alertam que a morte dos animais prejudica o sistema de vigilância contra a doença, uma vez que eles funcionam como o primeiro alerta da circulação do vírus pela região.”

(Jornal O Globo, 23/01/18, com adaptações).

A este respeito, assinale a alternativa que indica a forma como a febre amarela é transmitida.
A denominação Outubro Rosa é dada a um movimento mundial, que tem como objetivo:

Deixe seu comentário (0)

Seja o primeiro a comentar!