← Mais simulados

Simulado: Exercícios sobre Febre Reumática com Gabarito - Medicina

Simulados, Provas e Questões - Exercícios sobre Febre Reumática com Gabarito - Medicina. Ao Terminar de Resolver o Teste, Clique em Corrigir para ver o Gabarito.

46 resolveram
35% acertos
Difícil
0 gabaritaram
1 ótimo
10 bom
32 regular
3 péssimo
Compartilhe:

Assinale a alternativa CORRETA. A duração da profilaxia secundária em pacientes com diagnóstico de Febre Reumática com cardite prévia, insuficiência mitral leve residual ou resolução da lesão valvar deverá ser realizada:
Os critérios de Jones são utilizados para o diagnóstico de Febre Reumática. Assinale a alternativa que apresente SOMENTE aqueles que fazem parte dos critérios MAIORES:

I. Cardite
II. Artrite
III. Coréia
IV. Eritema nodoso
V. Febre
A Febre Reumática (FR) e a Cardiopatia Reumática Crônica (CRC) são complicações não supurativas da faringoamigdalite causada pelo estreptococo beta-hemolítico do grupo A (EBGA). O esquema correto e preconizado, de acordo com o comprometimento cardíaco e a duração da profilaxia secundária, é:
Assinale a opção correta em relação à profilaxia da febre reumática.
Quais podem ser considerados critérios maiores para o diagnóstico de Febre Reumática?
Frente a um caso clínico de Febre reumática em indivíduo sensível à penicilina benzatina, qual é a opção de escolha para a prevenção secundária?
Paciente com critérios diagnósticos de febre reumática evolui com cardite reumática aguda e grave. Além do tratamento clínico para insuficiência cardíaca congestiva e regurgitação mitral muito sintomática, seria mais indicado o uso de:
Sobre a febre reumática (FR), analise a sentenças abaixo, classificando-as como V(verdadeira) ou F (falsa). A seguir, assinale a alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo:

( ) A presença isolada de coreia de Sydenham não implica no diagnóstico de FR, na ausência dos outros critérios ou da comprovação da infecção estreptocócica anterior.
( )Nos casos em que o paciente tem história de surto agudo prévio de FR, o diagnóstico de recorrência pode ser baseado em apenas um sinal maior ou em vários sinais menores ou, simplesmente, em dois sinais menores pelo critério da OMS.
( )Na cardite indolente, as manifestações clínicas iniciais são pouco expressivas e, quando o paciente procura o médico, as alterações cardíacas podem ser a única manifestação, e os exames de fase aguda, assim como os títulos de anticorpos para o estreptococo, podem estar normais.
Estabelecido o diagnóstico de Febre reumática e iniciado o tratamento preconizado, qual programa de seguimento deverá ser estabelecido?
Febre reumática é uma complicação tardia não supurativa de uma infecção estreptocócica de

Deixe seu comentário (0)

Seja o primeiro a comentar!