Simulado: Exercícios sobre Endocrinologia com Gabarito - Medicina

12 questões Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Responda as 12 questões do simulado abaixo (Exercícios sobre Endocrinologia com Gabarito - Medicina). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

18 resolveram
38% acertos
Difícil
0 gabaritaram
0 ótimo
6 bom
8 regular
4 péssimo
Dados estatísticos de usuários que resolveram este simulado.

1Questão 60089. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Paciente de 54 anos, sexo feminino, apresenta HbA1C 6,9%, glicose de jejum 127 mg/dL e uma glicose 2 horas após sobrecarga de 75 g de glicose. É correto afirmar que essa paciente tem

2Questão 60090. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Mulher, 65 anos, apresenta fadiga, intolerância ao frio, ganho de peso, depressão, menorragia, rouquidão, pele seca e áspera, bradicardia e reflexos tendinosos profundos lentos.

Assinale a alternativa que apresenta as alterações laboratoriais que mais provavelmente serão encontradas.

3Questão 60091. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Homem, 64 anos, comparece ao ambulatório para acompanhamento periódico do diabetes. Refere que fazia uso de metformina 1000 mg 2x ao dia e glibenclamida 5 mg 3x ao dia, mas, há 2 anos, a glibenclamida foi suspensa e iniciada insulina glargina. No momento está usando 30 unidades de glargina à noite. No entanto, tem levantado até duas vezes por noite com episódios de hipoglicemia. Durante o dia, a glicemia varia entre 150 a 200 mg/dL. A hemoglobina glicada colhida há dois dias é 7,6%.

A conduta mais apropriada neste momento é

4Questão 60092. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Mulher, 52 anos, previamente hígida e sem sintomas atuais, comparece em consulta médica com os seguintes exames

– TSH = 4,0 mUI/mL (normal 0,27 – 4,2)
– T4 livre = 1,2 ng/dL (normal 0,93 – 1,70)
– Ultrassonografia de tireoide: presença de nódulo de 1,9x1,9x2,1 cm, em lobo tireoideano direito, sólido, hipoecogênico, com limites imprecisos, presença de halo hipoecogênico incompleto e vascularização periférica.

Foi indicada punção aspirativa da tireoide, com agulha fina (PAAF), guiada por ultrassonografia (US), e o resultado foi: lesão folicular de significado indeterminado (classe III de Bethesda).

A conduta correta é

5Questão 60093. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Mulher, 37 anos, previamente hígida, procura atendimento médico por estar se sentindo muito fraca nos últimos meses, associada a perda de peso, náuseas e dor abdominal. Refere vários episódios de pré-síncope ao tentar se levantar rapidamente da cama. Além dos sintomas descritos, apresenta adinamia, inapetência e escurecimento da pele. Foi realizada avaliação laboratorial que evidenciou a presença de baixos níveis de cortisol sérico matinal e elevação acentuada do hormônio adrenocorticotrófico (ACTH).

Assinale a alternativa que apresenta os achados laboratoriais adicionais esperados nesse caso.

6Questão 60094. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Mulher, 44 anos, procura atendimento médico para avaliação periódica de rotina. Não tem antecedentes mórbidos e não faz uso de medicamentos. Durante o exame físico, palpa-se nódulo firme no lobo esquerdo da tireoide, móvel à deglutição e sem linfoadenomegalia cervical. São solicitados exames laboratoriais que não apresentam anormalidades, incluindo função tireoidiana. A ultrassonografia da tireoide evidenciou a presença de nódulo sólido de 1,5 x 1,1 x 1,4 cm, com pontos de calcificação central, discreta vascularização periférica e margens irregulares.

A conduta correta será realizar

7Questão 60095. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Mulher, 69 anos, refere história recente de ganho de peso, sonolência diurna, intolerância ao frio, perda de memória e dores musculares. É hipertensa e dislipidêmica e faz uso de losartana e atorvastatina. Na avaliação clínica, apresenta-se em bom estado geral, bradicárdica, com pele fria e seca, cabelos secos e frágeis, e hiporreflexia tendinosa.

Na avaliação diagnóstica complementar com exames subsidiários, é mais provável que se encontre(m)

8Questão 60096. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Considere os dois quadros clínicos abaixo, ocasionados por efeito adverso de medicamentos utilizados em diabetes tipo 2.

Quadro I: fraqueza, ataxia, Hb: 8,5 g/dL, VCM: 120 fL, aumento de DHL e do índice de segmentação de neutrófilos.
Quadro II : dor abdominal e lipase elevada. Nódulo tireoideano cuja punção aspirativa sugere carcinoma.

Das abaixo, as drogas mais prováveis são, respectivamente,

9Questão 60097. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

A hipercalemia é um problema frequente em doença renal crônica ou aguda. Para a redução rápida do potássio sérico, a medida comparativamente mais eficaz é

10Questão 60098. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

A hipercalemia é o distúrbio eletrolítico mais grave na insuficiência renal. A forma mais rápida de avaliação deste quadro é por intermédio do eletrocardiograma, que poderá mostrar, EXCETO  

11Questão 60099. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

Glicemia casual é definida como aquela realizada em qualquer horário do dia, sem relação com as refeições. A glicose plasmática casual a partir da qual há critério para diagnóstico de diabetes mellitus (com sintomas clássicos) é, em mg/dL,

12Questão 60100. Medicina, Endocrinologia, Ensino Superior

É medicamento usado em diabetes do tipo 2. Inibe a alfaglicosidase, retardando a absorção de carboidratos. Contraindicado em gestação e doença inflamatória intestinal. Efeitos colaterais são meteorismo, flatulência e diarreia.

O texto refere-se a