Crimes Contra a Honra - Direito Penal - Exercícios com Gabarito

Responda as 10 questões do simulado abaixo (Crimes Contra a Honra - Direito Penal - Exercícios com Gabarito). Ao terminar a prova, clique em corrigir para ver o gabarito.

10 questões Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

2 resolveram
65% acertos
Médio
0 gabaritaram
0 ótimo
2 bom
0 regular
0 péssimo

1Questão 62627. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Conforme o Código Penal, julgue o item.

A pessoa que imputa fato ofensivo à reputação de outrem responde pelo crime de calúnia.

2Questão 62628. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Acerca da ação penal, das causas extintivas da punibilidade e da prescrição, julgue o seguinte item.

Conforme entendimento do STF, a persecução penal por crime contra a honra de servidor público no exercício de suas funções é de ação pública condicionada à representação do ofendido. 

3Questão 62629. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Considerando a doutrina e a jurisprudência dos tribunais superiores acerca dos crimes em espécie, julgue o seguinte item.

Situação hipotética: Um servidor público, no exercício de suas funções, foi vítima de injúria e difamação. Assertiva: Nessa situação, será concorrente a legitimidade do servidor ofendido, mediante queixa, e do Ministério Público, condicionada à representação do ofendido, para a ação penal correspondente.

4Questão 62630. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

No que se refere ao cumprimento de mandados judiciais e suas repercussões criminais na esfera penal, julgue o item que se segue.

Crime de injúria racial cometido contra oficial de justiça no exercício de suas funções ou em razão delas é absorvido pelo crime de desacato, em razão do princípio da consunção.

5Questão 62631. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior


Nos crimes contra a honra previstos no Código Penal, todas as hipóteses delituosas enumeradas admitem a exceção da verdade. 

6Questão 62632. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Analise o enunciado da questão abaixo e assinale se ele é Certo ou Errado.

Responde pela prática do crime de injúria racial, disposto no § 3º do artigo 140 do Código Penal Brasileiro e não pelo artigo 20 da Lei n. 7.716/89 (Discriminação Racial) pessoa que ofende uma só pessoa, chamando-lhe de macaco e negro sujo.

7Questão 62633. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Com referência às penas e à sua aplicação, julgue os seguintes itens.

Por serem os crimes contra a honra, (calúnia, difamação e injúria), independentemente da vítima ofendida, crimes de ação penal privada exclusiva, essa ação só pode ser iniciada mediante queixa-crime apresentada pela própria vítima, representada por advogado com poderes expressos para tanto.

8Questão 62634. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

A respeito dos delitos resultantes de preconceito (Lei n.º 7.716/1989) e das disposições da parte especial do Código Penal, julgue o item seguinte.

Aquele que imputar a outrem termos pejorativos referentes à sua raça, com o nítido intuito de lesão à sua honra, deverá responder pelo crime de racismo.

9Questão 62635. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

Quanto aos crimes contra a honra e contra o patrimônio, julgue os itens seguintes.

Considere a seguinte situação hipotética. Durante o julgamento de um homicídio consumado, o assistente de acusação Paulo afirmou para os jurados que o promotor fora subornado pela família do réu para pedir sua absolvição. Nessa situação, Paulo não deve responder por crime contra a honra, pois a ofensa irrogada em juízo, na discussão da causa, pelas partes e pelos procuradores, não constitui crime contra a honra punível.

10Questão 62636. Direito Penal, Crimes Contra a Honra, CESPE, Ensino Superior

A respeito dos procedimentos, julgue os seguintes itens.

Com relação ao processo e julgamento dos crimes de calúnia e injúria, de competência do juiz singular, o pedido de explicações deve ser ajuizado no juízo cível e tem natureza jurídica de medida preliminar, obrigatória à propositura da ação penal.