Questões do ENEM

Resolva Questões do ENEM Grátis. Perguntas e Respostas Online com Gabarito.

Aviso legal: Se preferir resolva as questões por simulado. Por lá você tem estatísticas de resolução.

  • Questão 25079.   Português - Funções da Linguagem - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • Quando Deus redimiu da tirania
    Da mão do Faraó endurecido
    O Povo Hebreu amado, e esclarecido,
    Páscoa ficou da redenção o dia.

    Páscoa de flores, dia de alegria
    Àquele Povo foi tão afligido
    O dia, em que por Deus foi redimido;
    Ergo sois vós, Senhor, Deus da Bahia.

    Pois mandado pela alta Majestade
    Nos remiu de tão triste cativeiro,
    Nos livrou de tão vil calamidade.

    Quem pode ser senão um verdadeiro
    Deus, que veio estirpar desta cidade
    O Faraó do povo brasileiro.

    DAMASCENO, D.(Org.). Melhores poemas: Gregório de Matos. São Paulo: Globo, 2006.

    Com uma elaboração de linguagem e uma visão de mundo que apresentam princípios barrocos, o soneto de Gregório de Matos apresenta temática expressa por
  • Questão 25093.   Português - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem.

    ROSA, J . G. Grande sertão: veredas. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986.

    No romance Grande sertão: veredas, o protagonista Riobaldo narra sua trajetória de jagunço. A leitura do recho permite identificar que o desabafo de Riobaldo se aproxima de um(a)
  • Questão 25061.   Física - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • Alguns sistemas de segurança incluem detectores de movimento. Nesses sensores, existe uma substância que se polariza na presença de radiação eletromagnética de certa região de frequência, gerando uma tensão que pode ser amplificada e empregada para efeito de controle. Quando uma pessoa se aproxima do sistema, a radiação emitida por seu corpo é detectada por esse tipo de sensor.

    WENDLING, M. Sensores. Disponível em: www2.feg.unesp.br. Acesso em: 7 maio 2014 (adaptado).

    A radiação captada por esse detector encontra-se na região de frequência
  • Questão 24961.   Biologia - Nível Médio - ENEM - INEP - 2015
  • A palavra “biotecnologia" surgiu no século XX, quando o cientista Herbert Boyer introduziu a informação responsável pela fabricação da insulina humana em uma bactéria, para que ela passasse a produzir a substância.

    Disponível em: www.brasil.gov.br. Acesso em: 28 jul. 2012 (adaptado).

    As bactérias modificadas por Herbert Boyer passaram a produzir insulina humana porque receberam
  • Questão 24977.   Português - Nível Médio - ENEM - INEP - 2015
  • As narrativas indígenas se sustentam e se perpetuam por uma tradição de transmissão oral (sejam as histórias verdadeiras dos seus antepassados, dos fatos e guerras recentes ou antigos; sejam as histórias de ficção, como aquelas da onça e do macaco). De fato, as comunidades indígenas nas chamadas “terras baixas da América do Sul" (o que exclui as montanhas dos Andes, por exemplo) não desenvolveram sistemas de escrita como os que conhecemos, sejam alfabéticos (como a escrita do português), sejam ideogramáticos (como a escrita dos chineses) ou outros. Somente nas sociedades indígenas com estratificação social (ou seja, já divididas em classes), como foram os astecas e os maias, é que surgiu algum tipo de escrita. A história da escrita parece mesmo mostrar claramente isso: que ela surge e se desenvolve - em qualquer das formas - apenas em sociedades estratificadas (sumérios, egípcios, chineses, gregos etc.). O fato é que os povos indígenas no Brasil, por exemplo, não empregavam um sistema de escrita, mas garantiram a conservação e continuidade dos conhecimentos acumulados, das histórias passadas e, também, das narrativas que sua tradição criou, através da transmissão oral. Todas as tecnologias indígenas se transmitiram e se desenvolveram assim. E não foram poucas: por exemplo, foram os índios que domesticaram plantas silvestres e, muitas vezes, venenosas, criando o milho, a mandioca (ou macaxeira), o amendoim, as morangas e muitas outras mais (e também as desenvolveram muito; por exemplo, somente do milho criaram cerca de 250 variedades diferentes em toda a América).

    D"ANGELIS, W. R. Histórias dos índios lá em casa: narrativas indígenas e tradição oral popular no Brasil. Disponível em: www.portalkaingang.org. Acesso em: 5 dez. 2012.

    A escrita e a oralidade, nas diversas culturas, cumprem diferentes objetivos. O fragmento aponta que, nas sociedades indígenas brasileiras, a oralidade possibilitou
  • Questão 25057.   Sociologia - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • Em 1879, cerca de cinco mil pessoas reuniram-se para solicitar a D. Pedro II a revogação de uma taxa de 20 réis, um vintém, sobre o transporte urbano. O vintém era a moeda de menor valor da época. A polícia não permitiu que a multidão se aproximasse do palácio. Ao grito de “Fora o vintém!”, os manifestantes espancaram condutores, esfaquearam mulas, viraram bondes e arrancaram trilhos. Um oficial ordenou fogo contra a multidão. As estatísticas de mortos e feridos são imprecisas. Muitos interesses se fundiram nessa revolta, de grandes e de políticos, de gente miúda e de simples cidadãos. Desmoralizado, o ministério caiu. Uma grande explosão social, detonada por um pobre vintém.

    Disponível em: www.revistadehistoria.com.br. Acesso em: 4 abr. 2014 (adaptado).

    A leitura do trecho indica que a coibição violenta das manifestações representou uma tentativa de
  • Questão 24959.   Biologia - Nível Médio - ENEM - INEP - 2015
  • A cariotipagem é um método que analisa células de um indivíduo para determinar seu padrão cromossômico. Essa técnica consiste na montagem fotográfica, em seqüência, dos pares de cromossomos e permite identificar um indivíduo normal (46, XX ou 46, XY) ou com alguma alteração cromossômica. A investigação do cariótipo de uma criança do sexo masculino com alterações morfológicas e comprometimento cognitivo verificou que ela apresentava fórmula cariotípica 47, XY, +18.

    A alteração cromossômica da criança pode ser classificada como
  • Questão 24941.   Informática - Tecnologia - Nível Médio - ENEM - INEP - 2015
  • Tanto potencial poderia ter ficado pelo caminho, se não fosse o reforço em tecnologia que um gaúcho buscou. Há pouco mais de oito anos, ele usava o bico da botina para cavoucar a terra e descobrir o nível de umidade do solo, na tentativa de saber o momento ideal para acionar os pivôs de irrigação. Até que conheceu uma estação meteorológica que, instalada na propriedade, ajuda a determinar a quantidade de água de que a planta necessita. Assim, quando inicia um plantio, o agricultor já entra no site do sistema e cadastra a área, o pivô, a cultura, o sistema de plantio, o espaçamento entre linhas e o número de plantas, para então receber recomendações diretamente dos técnicos da universidade.

    CAETANO, M. O valor de cada gota. Globo Rural, n. 312, out. 2011.

    A implementação das tecnologias mencionadas no texto garante o avanço do processo de
  • Questão 25039.   História - História do Brasil - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • O índio era o único elemento então disponível para ajudar o colonizador como agricultor, pescador, guia, conhecedor da natureza tropical e, para tudo isso, deveria ser tratado como gente, ter reconhecidas sua inocência e alma na medida do possível. A discussão religiosa e jurídica em torno dos limites da liberdade dos índios se confundiu com uma disputa entre Jesuítas e colonos. Os padres se apresentavam como defensores da liberdade, enfrentando a cobiça desenfreada dos colonos.

    CALDEIRA, J . A nação mercantilista. São Paulo: Editora 34, 1999 (adaptado).

    Entre os séculos XVI e XVIII, os jesuítas buscaram a conversão dos indígenas ao catolicismo. Essa aproximação dos jesuítas em relação ao mundo indígena foi mediada pela
  • Questão 25090.   Português - Significação Contextual de Palavras e Expressões - Nível Médio - ENEM - INEP - 2014
  • Censura moralista

    Há tempos que a leitura está em pauta. E, diz-se, em crise. Comenta-se esta crise, por exemplo, apontando a precariedade das práticas de leitura, lamentando a falta de familiaridade dos jovens com livros, reclamando da falta de bibliotecas em tantos municípios, do preço dos livros em livrarias, num nunca acabar de problemas e de carências. Mas, de um tempo para cá, pesquisas acadêmicas vêm dizendo que talvez não seja exatamente assim, que brasileiros leem, sim, só que leem livros que as pesquisas tradicionais não levam em conta. E, também de um tempo para cá, políticas educacionais têm tomado a peito investir em livros e em leitura.

    LAJOLO, M. Disponível em: www.estadao.com.br. Acesso em: 2 dez. 2013 (fragmento).

    Os falantes, nos textos que produzem, sejam orais ou escritos, posicionam-se frente a assuntos que geram consenso ou despertam polêmica. No texto, a autora